A ousadia de Wieland Wagner

A ousadia de Wieland Wagner

Wieland Wagner era neto do compositor Richard Wagner e após a Segunda Guerra Mundial conseguiu autorização das tropas de ocupação na Alemanha, para reabrir o Festival de Bayreuth e encenar novamente as óperas de seu avô. Foi uma longa luta de cerca de oito anos para a reabertura de Bayreuth que tinha sido durante o período nazista, um santuário do nacional socialismo que identificava sua doutrina com a mitologia germânica transformada em espetáculo pelas óperas de Wagner.

Afinal conseguiu e como encenador Wieland herdou também as teorias plásticas e de iluminação do suíço Adolphe Appia. Encenador, coreógrafo, diretor, cenógrafo, figurinista, Wieland só não se aventurou como regente de orquestra& #8230;

Leia matéria completa no blog do Cyro del Nero.

Por Cyro del Nero

DESCONTOS EXCLUSIVOS FASHION BUBBLES

Publicação: 18 de setembro de 2008

AUTOR

Cyro del Nero é Professor Titular da Cadeira de Cenografia e Indumentária Teatral do Departamento de Artes Cênicas, Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Artes, atuando principalmente nos seguintes temas: Cenografia, Indumentária Teatral, Ópera, Televisão, Moda e Artes Gráficas.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA
Moda e Política: Sarah Palin

E a Sarah Palin, candidata a vice-presidente dos Estados Unidos pelo Partido Republicano? Realmente a mulher se veste para ir à...

Fechar