Homenagem ao dia internacional da mulher. Confira uma seleção de vídeos em homenagem a elas e a história da data

Homenagem ao dia internacional da mulher. Confira uma seleção de vídeos em homenagem a elas e a história da data

A História do Dia Internacional das Mulheres – 08 de março

O dia 08 de março de 1857 é um marco para o reconhecimento do Dia Internacional da Mulher. Foi nesta data, em Nova York, que ocorreu a primeira greve liderada somente por mulheres. Elas eram operárias de uma fábrica de tecidos e reivindicavam condições melhores de trabalho, como redução na jornada de trabalho para 10 horas, melhores salários e tratamento digno.

Na época, o resultado dessa grande revolta foi a morte de 129 moças, carbonizadas dentro da fábrica, como forma de repressão. Porém, se pensarmos num contexto geral, foi neste dia que as mulheres começaram a luta pelo seu reconhecimento e sua independência. Saiba mais no Fashion Bubbles.

Homenagem ao dia internacional da mulher. Confira uma seleção de vídeos em homenagem a elas e a história da data

Women In Film

Resposta a Vinicius de Moraes

(Por Ângela Rodrigues em referência ao 8 de março!)

Vinicius que me desculpe, mas, mais fundamental que a beleza, é a destreza, a macheza, camufladas na delicadeza do toque forte, duro, quase rude, seguro e pontual.

A inteligência geral, que não humilha, mas disfarçadamente corrige, ensina, sugere o erro, mas instiga a fala, quer ouvir, não apenas corrigir, mas aprender, rever verdades, surpreender.

Agora, a mulher que aflora não tem só corpo, não tem só peito, só nádegas, lábios pouco úmidos, isso é muito pouco!

Ah Vinicius! pena não ter visto a geração de agora, com ou sem saboneteiras, é mais vivida, mais senhora, mais menina que outrora, despudorada, dissimulada, articulada, recatada, sexuada, sensual, amoral, isso sim é que é fundamental… tudo isso em uma só, uma só com um pouco disso, é mais gente, muitíssimo mais carente!

Me perdoem os fracassados, travados, os coitados, desiludidos, mal sucedidos, mal vividos, mas é absolutamente preciso ser provedor, ser amante, orador, ter cheiro bom, ser provedor de um tudo, ela agora só quer ser mulher!

Leia também:

O ROSTO DA MULHER EM 500 ANOS DE ARTE !

Receita de Mulher

Vinicius de Moraes

Composição: vinicius de moraes

As muito feias que me perdoem

Mas beleza é fundamental.

É preciso que haja qualquer coisa de flor em tudo isso

Qualquer coisa de dança, qualquer coisa de haute couture

Em tudo isso (ou então Que a mulher se socialize elegantemente em azul,

como na República Popular Chinesa).

Não há meio-termo possível. É preciso

Que tudo isso seja belo. É preciso que súbito

Tenha-se a impressão de ver uma garça apenas pousada e que um rosto

Adquira de vez em quando essa cor só encontrável no terceiro minuto da aurora.

É preciso que tudo isso seja sem ser, mas que se reflita e desabroche

No olhar dos homens. É preciso, é absolutamente preciso

Que seja tudo belo e inesperado. É preciso que umas pálpebras cerradas

Lembrem um verso de Éluard e que se acaricie nuns braços

Alguma coisa além da carne: que se os toque

Como no âmbar de uma tarde. Ah, deixai-me dizer-vos

Que é preciso que a mulher que ali está como a corola ante o pássaro

Seja bela ou tenha pelo menos um rosto que lembre um templo e

Seja leve como um resto de nuvem: mas que seja uma nuvem

Com olhos e nádegas. Nádegas é importantíssimo. Olhos então

Nem se fala, que olhe com certa maldade inocente. Uma boca

Fresca (nunca úmida!) é também de extrema pertinência.

É preciso que as extremidades sejam magras; que uns ossos

Despontem, sobretudo a rótula no cruzar das pernas, e as pontas pélvicas

No enlaçar de uma cintura semovente.

Gravíssimo é porém o problema das saboneteiras: uma mulher sem saboneteiras

É como um rio sem pontes. Indispensável.

Que haja uma hipótese de barriguinha, e em seguida

A mulher se alteie em cálice, e que seus seios

Sejam uma expressão greco-romana, mas que gótica ou barroca

E possam iluminar o escuro com uma capacidade mínima de cinco velas.

Sobremodo pertinaz é estarem a caveira e a coluna vertebral

Levemente à mostra; e que exista um grande latifúndio dorsal!

Os menbros que terminem como hastes, mas que haja um certo volume de coxas

E que elas sejam lisas, lisas como a pétala e cobertas de suavíssima penugem

No entanto, sensível à carícia em sentido contrário.

É aconselhavel na axila uma doce relva com aroma próprio

Apenas sensível (um mínimo de produtos farmacêuticos!).

Preferíveis sem dúvida os pescoços longos

De forma que a cabeça dê por vezes a impressão

De nada ter a ver com o corpo, e a mulher não lembre

Flores sem mistério. Pés e mãos devem conter elementos góticos

Discretos. A pele deve ser frescas nas mãos, nos braços, no dorso, e na face

Mas que as concavidades e reentrâncias tenham uma temperatura nunca inferior

A 37 graus centígrados, podendo eventualmente provocar queimaduras

Do primeiro grau. Os olhos, que sejam de preferencia grandes

E de rotação pelo menos tão lenta quanto a da Terra; e

Que se coloquem sempre para lá de um invisível muro de paixão

Que é preciso ultrapassar. Que a mulher seja em princípio alta

Ou, caso baixa, que tenha a atitude mental dos altos píncaros.

Ah, que a mulher de sempre a impressão de que se fechar os olhos

Ao abri-los ela não estará mais presente

Com seu sorriso e suas tramas. Que ela surja, não venha; parta, não vá

E que possua uma certa capacidade de emudecer subitamente e nos fazer beber

O fel da dúvida. Oh, sobretudo

Que ela não perca nunca, não importa em que mundo

Não importa em que circunstâncias, a sua infinita volubilidade

De pássaro; e que acariciada no fundo de si mesma

Transforme-se em fera sem perder sua graça de ave; e que exale sempre

O impossível perfume; e destile sempre

O embriagante mel; e cante sempre o inaudível canto

Da sua combustão; e não deixe de ser nunca a eterna dançarina

Do efêmero; e em sua incalculável imperfeição

Constitua a coisa mais bela e mais perfeita de toda a criação imunerável.

Mulheres na arte moderna

Women in Art

Women in Arabic Art

 

Store Fashion Bubbles

Dicas de presentes Fashion Bubbles para o dia das mulheres. Confira em  nossa loja.

Homenagem ao dia internacional da mulher. Confira uma seleção de vídeos em homenagem a elas e a história da data

 

Você encontrará muitos produtos de beleza e saúde com ótimos preços

Homenagem ao dia internacional da mulher. Confira uma seleção de vídeos em homenagem a elas e a história da data
Veja acessórios para deixar seu look ainda mais incrível

 

 

Publicação: 6 de março de 2013

AUTOR

Denise Pitta é digital Influencer e é editora do Fashion Bubbles. Estilista, formada em Moda e Artes Plásticas, atuou em diversas confecções e teve marca própria de lingeries, a Lility. Começou o blog em 2006 e está entre as primeiras blogueiras brasileiras da moda. Também desenvolve pesquisas sobre História e Identidade Brasileira na Moda e Psicologia Analítica. É apaixonada por filosofia, física quântica, psicanálise e política. Siga Denise no Instagram: @denisepitta e @fashionbubblesoficial

COMENTÁRIOS

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

Leia o post anterior:
damart1
Moda Esportiva – Camisetas refrescantes são desenvolvidas com tecnologia têxtil

É comum quando nossas mães e avós nos falam: “Olha, essa moda voltou” ou “Eu já usei essa peça no...

Fechar