Rino Mania – Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

No gelado início de noite do último dia 13, a Avenida Europa encontrava-se congestionava. Finalmente, chegando ao MuBE, o Museu Brasileiro de Escultura, era possível notar o motivo da grande agitação: acontecia ali a exposição Rino Mania.

Em comemoração aos 60 anos de existência da Duratex, a empresa patrocinou o trabalho de artistas selecionados e escolhidos de forma pública via Facebook. No total, 60 esculturas e projetos foram nomeados para a exposição.

Além de serem expostas no MuBE, as peças serão espalhadas em determinados pontos da cidade de São Paulo e municípios adjacentes. O evento contará com ações educacionais nas escolas.

Dentre tantas esculturas expostas, três peças nos chamaram a atenção.

Alexandra Magrini possui duas esculturas na exposição. Seu trabalho se distingue dos demais devido aos traços marcantes de sua arte e, como ela mesma gosta de chamar, de suas meninas.

Alexandra iniciou suas atividades artísticas de forma inusitada. Fazendo desenhos a mão livre, criando meninas estilizadas, grande cabeças cobertas por cabelos, outras com caldas de sereias, um tanto quanto desproporcionais. Após desenhar, acreditem, uma girafa com um olho maior do que o outro, resolveu introduzir os olhos em suas “meninas”.

O resultado deu certo! Alexandra é uma artista muito acessível e faz questão de manter um contato com seus admiradores. Desta forma, assim que acabava um desenho, ela postava as fotos de suas peças na internet, deixando que as pessoas a criticassem. Grande sucesso! As pessoas gostaram de suas meninas estilizadas em cenários também estilizados.

A artista utiliza canetas acrílicas em papel e depois passa seus desenhos mais editados para a tela. Outro detalhe muito interessante que, não é novo, porém característica rara, ela se utiliza de tecidos, rendas, crochê, pedrarias e técnicas de costuras (grande parte a mão) em suas peças. Desta forma, suas meninas possuem informação e técnicas de moda.

Alexandra Magrini participa do Rino Mania com duas esculturas.

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

“Meu Estranho Mundo” é seu Rino perolado adornado com desenhos em caneta acrílica preta e aplicações de pedras negras. Observasse o carinhosamente chamado pela artista, “meu estranho mundo” (nome que leva uma série de peças da artista) a sereia com cabeça grande e olhos expressivos, como se ela estivesse querendo nos transmitir alguma mensagem e isso é muito estimulante.

Além do logo da patrocinadora Duratex ser o rinoceronte, a empresa exalta o fato de que este e muitos outros animais estão em extinção. Desejamos viver é mais uma peça de Magrini que desenvolve um tema co-relacionado à temática do evento. Tanto os rinocerontes quanto os animais desenhados observados em sua peça são protegido por suas – extremamente detalhadas e femininas – meninas.

Outro artista que se destaca de uma surpreendente curadoria, é do artista Milton Mota, que possui um vasto histórico no estudo de técnicas e matérias primas para a elaboração de seus trabalhos. Aquarela, serigrafia, acrílico, aço e plásticos foram alguns dos materiais já utilizados pelo artista.

Em sua mais recente técnica e estilo, Milton utiliza conceitos de arte cinética com Optical Art em suas criações.

Para a Rhino Mania, Milton utiliza técnicas de aero – gráficos aposentando pinceis. O artista afirma que dessa forma a técnica escolhida lhe oferece mais possibilidades de experimentação e liberdade de criação.

Seu rinoceronte é adornado com a cor preta e diferentes tons de vermelhos.

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

A tridimensionalidade de sua peça traz a impressão de que é vazada. Em todos os momentos em que circula ao redor do rinoceronte, é impossível não notar, deixar seus olhos e mente perceberem uma faceta diferente, fazendo com que a cada volta e a cada observação, seja possível olhar para uma obra diferente.

Veja a seguir, outras obras.

Depois da exposição no MuBE as peças serão distribuídas por diversos pontos da cidade se São Paulo e municípios adjacentes.

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Rino Mania   Os rinocerontes invadem São Paulo

Por Fábio Lemes

Publicação: 19 de setembro de 2011

AUTOR

Fábio Lemes-Coimbra é Internacionalista e Empresário. Possui MBA em Gestão de Negócios, Comércio e Operações Internacionais pela Fundação Instituto Administração – FIA – USP e MA em Negócios Internacionais pela Université Pierre Mendès, na França. O interesse pela moda é hereditário: é filho de mãe estilista e colecionadora de moda. Escola São Paulo, Ecole Lesage, Central St. Martins são instituições de ensino por onde já passou. Presta consultorias nas áreas de exportação e desenvolvimento de produto para marcas de moda e acessórios. Possui paixão por culturas internacionais, fotografia e moda como arte.

COMENTÁRIOS

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

Leia o post anterior:
topo
Estilo dos cantores sertanejos – O gênero musical também influencia o visual

Hoje o sertanejo ganhou os jovens Brasil afora, com as guitarras mais pesadas, ritmos acelerados e percussões que animam que...

Fechar