Eu não vivo sem celular!

Eu não vivo sem celular!

Atualmente, somos todos nômades. Percorremos grandes distâncias diariamente e vivemos permanentemente “on the go”. Em São Paulo, uma pessoa passa em média, cerca de 3 horas por dia apenas para se locomover entre a casa e o trabalho (num dia sem chuva…) e isso não é diferente em qualquer outra grande cidade do mundo. Por isso, o telefone celular é uma figura central no arsenal de objetos da vida moderna.

Não foi, pois, nenhuma surpresa quando uma pesquisa realizada recentemente na Inglaterra e divulgada pelo jornal britânico The Daily Mail mostrou que 40% das 4 mil mulheres entrevistadas valorizam mais seus celulares e fotografias que os próprios namorados. Na verdade, um terço das entrevistadas admite mesmo que é possível viver feliz sem ter um homem ao lado… Pelo jeito, os smartphones ingleses tem vindo com mais funcionalidades que os homens reais!

Recentemente, tive que ficar sem celular por algumas horas quando renovava meu visto no consulado americano. Foi um verdadeiro terror! Sem celular, portanto sem email, sem internet, sem SMS. Mudo, sem nada… Duas horas de fila e eu só poderia me comunicar com as pessoas que estavam em volta – uma coisa assim como nos anos 80… Acho que me senti mais vulnerável do que numa praia de nudismo de água gelada!

Não é à toa. Usamos o celular para falar com quem está em outro local, fazendo de próximo quem está distante; podemos nos isolar das pessoas ao redor com um fone de ouvido e “nos sentirmos em casa” ouvindo nossa música favorita; nos lembramos das últimas férias, olhando para uma foto… Ou seja, o celular é muito mais do que apenas um telefone e uma central de entretenimento móvel – é um aparelho que nos faz flutuar entre várias dimensões do espaço e do tempo, por isso é um objeto-condição essencial na vida pós-moderna.

Ainda não estou preferindo o celular às pessoas reais como as mulheres inglesas (acho!), mas tenho que reconhecer que I love my cell!!!

Eu não vivo sem celular!

Publicação: 10 de fevereiro de 2010

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
calvin-klein-x-kellan-lutz
Kellan Luntz – Ator de Crepúsculo em campanha de cuecas da Calvin Klein

Seguindo a tendência de estampar celebridades em campanhas publicitárias - assim como fizeram Chanel, Louis Vuitton, Armani, entre outros -...

Fechar