Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas histórias, diversão e doces

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Imagem do site Fabulário Geral

Os Estados Unidos é o país mais conhecido por celebrar o Halloween, a data se destaca do resto das festividades que acontecem no decorrer do ano. No entanto, apesar de o Halloween ter ficado conhecido como uma festa tradicional norte-america, não foi lá que  teve origem, mas sim na sociedade Celta.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

No Brasil, o Halloween é popularmente chamado de “Dia das Bruxas” e sua comemoração é recente. Geralmente as escolas de inglês promovem festas para comemorar a data, como forma de vivenciar com os estudantes a cultura norte-americana.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Imagem do site E How

Há quem defenda que o Halloween não tem nada a ver com a nossa cultura e que a data não deveria ser comemorada. Para essas pessoas, o Brasil tem um folclore muito rico e isso deveria ser mais valorizado. Devido a essa reivindicação, em 2005 o governo brasileiro criou o Dia do Saci, também comemorado em 31 de outubro.

O Halloween é caracterizado por histórias assustadoras de fantasmas, fantasias elaboradas e brincadeiras bizarras.

O que significa a palavra “Halloween”?

O nome é  na realidade  uma versão encurtada de “All Hallows’ Even” (Noite de Todos os Santos), a véspera do Dia de Todos os Santos (All Hallows’ Day). “Hallow” é uma palavra do inglês antigo para “pessoa santa” e o dia de todas as “pessoas santas” é apenas um outro nome para Dia de Todos os Santos, o dia em que os católicos homenageiam todos os santos. Com o tempo, as pessoas passaram a se referir à Noite de Todos os Santos, “All Hallows’ Even”, como “Hallowe’en”, e mais tarde simplesmente “Halloween”.

Seguindo a tradição judaica, os cristãos consideram os dias santos do pôr do sol de um dia até o pôr do sol do dia seguinte. É daí que temos o costume de comemorar a véspera de Natal, de Ano Novo, etc.

Apesar de seu nome vir do Dia de Todos os Santos, o Halloween moderno é, na verdade, uma combinação de várias tradições diferentes que  se misturaram em uma só festa.

Samhain

A maioria das tradições do Halloween tem sua origem no Samhain (sou-em), o antigo Ano Novo Celta. Samhain, que significa “final do verão”, ocorria no final de outubro, quando o clima começava a esfriar. Em suma, o Samhain era um rito referente a todas as coisas importantes que aconteciam durante essa mudança de estação.

A tradição Celta acreditava que momentos de mudança, épocas em que as coisas mudam de um estado para outro, tinham propriedades mágicas. O Samhain marcava o maior momento de mudança do ano – uma virada no tempo e também na vida de todos. Os Celtas acreditavam que este momento mágico abria um tipo de conexão com os espíritos. Essas almas haviam passado pelo derradeiro momento de mudança: da vida para a morte.

Eles acreditavam que o mundo dos vivos ficava mais próximo do mundo dos mortos na época do Samhain, e que os espíritos dos mortos viajavam novamente entre os vivos. Muitas das atividades do festival do Samhain estavam ligadas a essa crença, e muitas daquelas práticas se desenvolveram nas tradições do Halloween de hoje.

Trick or Treat – Travessuras ou gostosuras

Nos tempos medievais, uma prática popular do Dia de Finados era fazer “bolos das almas”, sobremesas de massa simples com uma cobertura de groselha. Em uma fantasia chamada “souling” (referente à alma), as crianças iam de porta em porta pedir bolo, o que é muito parecido com o que as crianças de hoje fazem, dizendo “travessuras ou gostosuras”.

Para cada bolinho que a criança ganhava, ela tinha que fazer uma oração para os familiares mortos da pessoa que lhe deu o bolo. Essas orações ajudariam os familiares a encontrar seus caminhos até o céu.

Originária da Irlanda, a frase “travessuras ou gostosuras” (trick or treat, em inglês) é falada pelas crianças e jovens no momento em que pedem doce na vizinhança.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Nos Estados Unidos é comum a troca não só de guloseimas, mas também de presentes entre os amigos na noite de Halloween.

Uma grande parte da celebração do Samhain tinha a ver com a homenagem aos deuses Celtas, e há evidências de que os Celtas se vestiam como essas divindades como parte do festival.

Eles podem ter realmente ido de porta em porta recolhendo comida para oferecer aos deuses. Está bem claro que o Samhain envolvia a oferenda de comida aos espíritos.

Os Celtas acreditavam em fadas e em outras criaturas travessas, e a idéia das travessuras do Halloween pode ter vindo de suas atividades relatadas no Samhain. Há também boas razões para supor que a véspera de Ano Novo dos Celtas era algo parecido com a nossa véspera de Ano Novo – uma época em que as pessoas se soltam de suas inibições e bebem  para comemorar. A tradição das travessuras pode simplesmente vir desse espírito de farra.

Abóboras iluminadas

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Imagem do site The Precious Penguin

Como parte da celebração do Samhain, os Celtas traziam para casa uma brasa da fogueira comunitária no final da noite. Eles carregavam essas brasas em nabos ocos, fazendo uma lanterna que lembra as abóboras iluminadas de hoje.

As abóboras iluminadas tradicionais, com brasas ou velas dentro, tornaram-se uma decoração muito popular de Halloween na Irlanda e na Escócia há algumas centenas de anos. A tradição folclórica acreditava que elas evitariam os espíritos ruins e também serviriam como representações das almas boas.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

As famílias que emigraram para a América trouxeram a tradição com elas e começaram a cortar caras assustadoras e outras a elaborar desenhos em suas abóboras iluminadas.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Imagens do site Schmidly

Brincadeiras da maçã

A Noite do Halloween é uma época em que se olha para o futuro, e as festividades tradicionais incluem vários rituais de adivinhação.

Muitas das adivinhações relacionadas a casamento têm a ver com maçãs. Na tradição Celta, a fruta era associada às deusas que controlavam as formas de amor. Isto pode ter algo a ver com a estrutura interna das maçãs.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Imagem do site Card Store

Quando você corta a maçã em duas, você vê um formato de pentagrama (uma estrela com cinco pontas) em cada metade, ao redor do centro. O pentagrama era uma forma importante para os Celtas antigos, assim como para muitas outras culturas. Entre outras coisas, era um símbolo de Deusa.

Uma das adivinhações mais populares era fazer com que jovens solteiros tentassem morder uma maçã flutuando na água ou pendurada em um fio. Isto é algo semelhante ao  buquê que ainda hoje é jogado nas festas de casamento – a primeira pessoa a morder a maçã seria a próxima a se casar.

Descascar uma maçã também era uma maneira de prever sua expectativa de vida. Se você conseguisse cortar uma casca longa, teria uma vida longa também.

As maçãs ainda são uma grande parte das celebrações de Halloween. Além da brincadeira da maçã, as pessoas bebem cidra, fazem doces de maçã e entregam maçãs às crianças.

As Fantasias

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Desde 1800, quando os imigrantes irlandeses e escoceses levaram suas festividades de Halloween para a América do Norte, a festa tem se desenvolvido consideravelmente.

Para as crianças, fantasiar-se e sair pelas casas fazendo a brincadeira do “travessuras ou gostosuras” ainda é o maior evento. A maioria das famílias nos Estados Unidos e no Canadá participam, mesmo porque não querem correr o risco de pequenos vandalismos.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Muitos adultos se fantasiam e participam com seus filhos de festas a fantasia e concursos.

Outras atividades de Halloween ocorrem durante o mês todo de outubro e estas tradições preservam o espírito de alegria do Samhain.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Imagem do site Farm 4

Os americanos acrescentaram filmes de terror, casas assombradas comunitárias, histórias de fantasmas e quadros espiritualistas. Cartões e decorações também fazem parte do Halloween. A festa só perde para o Natal no faturamento total do comércio.

Por que as pessoas adoram o Halloween?

Duas questões relacionadas são:

Por que gostamos de levar susto?

Por que gostamos de nos vestir como figuras assustadoras e divertidas?

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Imagem do site E How

Todos esses prazeres parecem ser características humanas universais, com festivais religiosos e desfiles de fantasias aparecendo em muitas culturas. Como seres humanos, temos total consciência de nossa própria mortalidade e da morte em geral. É um dos mistérios mais assustadores com que nos deparamos na vida.

Uma maneira de se sentir mais confortável com esse mundo desconhecido é torná-lo leve como um festival. Isto deixa todas as idéias assustadoras em aberto, onde podemos encará-las mais confortavelmente, nos divertindo com os amigos.

As pessoas gostam de serem assustadas por razões puramente biológicas. Quando você assiste a um filme de terror ou anda em uma montanha russa, seu cérebro aciona uma resposta de medo. Seu corpo libera adrenalina e outros hormônios que fornecem energia extra para lidar com a situação.

Quando você está realmente em perigo, é claro, não gosta de sentir esses hormônios, você simplesmente os usa para lutar, escapar ou tomar alguma outra atitude.

Quando o perigo é simulado, porém, sua mente sabe que, na verdade, você está seguro e gosta da energia que os hormônios te dão. O medo intencional e sob controle é divertido porque ele proporciona uma corrida de hormônios e o ajuda a trabalhar com seus medos em geral em um ambiente seguro.

Ao nos vestirmos com nossos medos, nós os temos mais perto, tomando um certo controle deles. Isto pode ser particularmente eficaz com crianças. Elas geralmente não têm medo da mortalidade tanto quanto de figuras sinistras como monstros e fantasmas. Uma vez que elas se vestem como um monstro e brincam com a personagem, eliminam um pouco do mistério do monstro, tornando-o menos ameaçador.

No “travessuras ou gostosuras”  normalmente as crianças se vestem como sua personagem de desenho favorita ou uma figura adulta como um bombeiro ou um astronauta.

O prazer disso consiste simplesmente na alegria de atuar – as crianças anseiam pelo Halloween porque elas podem habitar uma personagem, sendo ela uma figura aterrorizante ou um super-herói idolatrado.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

Os adultos gostam de se vestir por razões semelhantes, e é por isso que as simulações são parte de tantos festivais de diferentes culturas. Colocar uma máscara permite que as pessoas esqueçam suas inibições e saiam de si mesmos por uma noite. Usando uma fantasia, as pessoas dizem e fazem coisas que provavelmente não fariam em sua rotina.

Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces Halloween ou Dia das Bruxas – Muitas  histórias, diversão e doces

É muito gratificante entrar num personagem por um tempo, mesmo (ou especialmente) para um adulto.

O Halloween parece ter uma função valiosa para muitas crianças e adultos. Ele continua tão popular porque preenche nossa necessidade básica de nos referirmos aos mistérios que nos amedrontam e até mesmo de celebrá-los.

É um poder das tradições do Halloween que foram passadas de pais para filhos e abraçadas por tantas gerações.

Imagems de todas as fantasias do site Buy Costumes

Informações gerais em How Stuff Works

Por Thais Vasconcelos

Publicação: 26 de outubro de 2009

COMENTÁRIOS

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

Leia o post anterior:
Nota-Rosa-Cha-450x4501
Rosa Chá na BrandsClub com preços muito menores que na loja

Nunca é cedo demais para começar a pensar no verão. Ainda mais se você puder comprar biquínis incríveis da Rosa...

Fechar