José Saramago – Um escritor nunca morre enquanto sua obra continuar viva

José Saramago   Um escritor nunca morre enquanto sua obra continuar viva
Escritor portugês José Saramago, por Sebastião Salgado. Foto: G1

O mundo lamentou hoje o falecimento de José de Sousa Saramago. Nascido no dia 16 de novembro de 1922, em Azinhaga (Golegã – Portugal), o escritor, jornalista, dramaturgo, contista, tradutor, romancista e poeta era reconhecido internacionalmente. Tal perda será lamentada não somente no universo literário, mas também por fãs, admiradores e por autoridades portuguesas e espanholas, como Juan Carlos e Sofia (Reinado da Espanha).

Saramago morreu aos 87 anos por falência múltipla de órgãos, em decorrência de uma leucemia crônica. Ele estava acompanhado por sua esposa Maria del Pilar del Rio Sanches na ilha canária de Lanzarote, onde vivia. Seu corpo será velado tanto na Espanha como em Portugal e provavelmente será cremado.

Um escritor nunca morre enquanto sua obra continuar viva

José Saramago   Um escritor nunca morre enquanto sua obra continuar viva 

Imagem do blog Virtuália – O Manifesto Digital

Saramago produziu muito e sempre durante sua longa e ativa vida, garantindo eterna memória. Por exemplo, seu livro Ensaio Sobre a Cegueira (1995) foi adaptado para o cinema em 2008. O longa foi dirigido pelo brasileiro Fernando Meirelles e foi produzido no Brasil, Japão e Canada.

De sua extensa obra literária, destacamos: Terra e Pecado (1947); Levantando do Chão (1980), O Evangelho Segundo Jesus Cristo (1991); A Caverna (20o1); O Homem Duplicado (2002); Ensaio Sobre a Lucidez (2004); As Intermitências da Morte (2005), A Viagem do Elefante (2008) e Caim (2009).

Tradutor de obras de filósofos como Hegel, Tolstói e Baudelaire, Saramago escreveu também importantes peças teatrais, contos, poemas, crônicas e até literatura infantil – com o livro A Maior Flor do Mundo, publicado em 2001. Entretanto, foram seus romances que lhe conferiram reconhecimento internacional. Além do Prêmio Nobel de Literatura em 1998, o escritor recebeu o mais importante prêmio literário da língua portuguesa: o Prêmio Camões. 

Saramago viveu momentos historicamente difíceis, como a Revolução dos Cravos, e foi uma figura controversa no campo político, tendo em vista seu declarado ateísmo e militância no Partido Comunista Português. Apesar disso, a Igreja Católica portuguesa lamentou o acontecimento.

18 de Junho de 2010 já é um dia marcado na literatura mundial e José de Sousa Saramago será recordado por sua profunda contribuição.

Veja o vídeo da RBS TV com a notícia do falecimento:

Publicação: 18 de junho de 2010

AUTOR

Psicanalista e economista, com pós-graduação em Administração pela USP e Marketing pela ESPM. Tem MBA em Gestão Internacional pela Thunderbird School of Global Management‚ Arizona‚ USA e formação nas áreas de Psicologia e Filosofia.

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
IMG_64851-800x582
SPFW Verão 2011 – Veja todos os desfiles

A São Paulo Fashion Week traz, como tema para o Verão 2011, a “ANIMA”. A palavra oriunda do latim significa...

Fechar