Um projeto de moda, um projeto de vida

Um projeto de moda, um projeto de vida

Todo projeto é como a história da vida. As mulheres e principalmente as mães podem nos dizer a trajetória da concepção, gestação e geração de um bebê. Os projetos não são diferentes, alguns deles são planejados e outros vêm por um acaso. Enquanto, uns são resultado da união de sócios em sintonia outros são a razão para a discórdia.

Todo o empreendimento precisa ser pensado e requer sofrer as demoras. No começo não se sabe o que é (menino ou menina) e como os bebês, não se pode garantir que vão nascer da maneira com que os pensamos. Nos primeiros meses nada parece acontecer, tanto nos projetos como nos bebes, de repente, a barriga fica maior e maior e começa a esperança de um grande projeto.

Durante a gestação é preciso estar preparado para os desconfortos, as demoras e o peso que se carrega. É momento de preparar o terreno para aquele que irá chegar e pensar no futuro. Qualquer exagero neste período poderá abortá-lo e não é bom realizar um projeto prematuro. Tudo tem seu tempo e o período de maturação é necessário.

Inspirei-me a escrever este texto pensando nos projetos que a Denise Pitta tem se envolvido. Temos acompanhado seu último empreendimento, do qual não posso dizer nada sobre, pois ainda não nasceu. Muita ansiedade e uma gestação bem tumultuada, entretanto, acho que ela já vem sentindo as contrações apesar dos vários alarmes falsos. Não há dúvidas do quanto temos aprendido com estes projetos.

A mensagem não é original, mas serve para acalentar aqueles que vêem apostando no seu talento e na arte de fazer acontecer um projeto de vida, mas que sofrem durante todo os processo sem perder a esperança de que ainda vale a pena acreditar.

Um projeto de moda, um projeto de vida

Um projeto de moda, um projeto de vida!

Quando me lancei no sonho da Lility, fiz as contas e tudo parecia muito simples. Super poderosa, munida da força que ganhamos quando sentimos no fundo do coração que este é o caminho certo, pensei que seria difícil montar uma empresa, mas que estava preparada para enfrentar todas as dificuldades. Mesmo sabendo que no mundo da moda, uma média de 95% das empresas brasileiras fecham em seus primeiros anos, o pensamento recorrente é sempre o mesmo: “ Comigo será diferente!!!!!”

Depois de vender as primeiras coleções, tantos mil para reinvestir, tantos para mim……e só conseguia pensar nisso, mal sabia que cada centavo faz diferença no final das contas, que os desafios e gastos são tantos, numa média de dez leões para enfrentar e dez sapos para engolir, todos dias.

Mas quando começa a passar o tempo e a ficha finalmente cai, você percebe que não é bem assim, e que empresa é realmente como uma criança, demora para andar com as próprias pernas e necessita de um investimento enorme de tempo, dinheiro e dedicação.

Sem contar a pressão externa que cobra o tempo todo: mas ainda não está dando lucro?Já tem tanto tempo que você só faz isso e nada!

Entretanto, a pressão maior é a interna, é o desejo de voltar a ter salário, voltar a ter uma vida segura em que você está numa empresa, mas não é você quem a faz girar. Imagina a força e competência para criar uma estrutura fazê-la girar e gerar riqueza! Não é fácil, uma aposta errada pode por tudo a perder.

Claro que o sentimento é de força e poder, mas quando bate a ansiedade, que nos enfraquece e leva a questionamentos do tipo, será mesmo que todo esse esforço e trabalho valem a pena? Será que isso vai dar em alguma coisa?

Nessa hora sentimos um peso enorme, é quase como se estivéssemos levando o mundo nas costas e aí você começa a duvidar do seu talento e se tudo isso realmente é possível.

É nessa hora que entra uma palavrinha mágica que muda tudo: apoio!!!!!

O apoio daqueles que nos ama e aposta na gente. Apoio que nos lembra, o quanto já conseguimos até agora e que as coisas tem um tempo para florescer, que não é do dia para noite.

Apoio que nos dar a mão e assim descobrimos que não estamos sozinho e a força se restaura novamente.

Tudo isso para agradecer o que o Eddie, Kako e Vini têm feito por mim, na trajetória de montar a Lility.

Viram que texto mais lindo que o Kako fez para mim? Com todo esse apoio tenho mais é que erguer a cabeça e continuar lutando, pois, se fosse fácil que graça teria?

Publicação: 8 de setembro de 2006

AUTOR

Psicanalista e economista, com pós-graduação em Administração pela USP e Marketing pela ESPM. Tem MBA em Gestão Internacional pela Thunderbird School of Global Management‚ Arizona‚ USA e formação nas áreas de Psicologia e Filosofia.

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
tv-brasil1
TV Brasil – História da Televisão no Brasil

Hoje eu estava pesquisando na internet buscando matérias interessantes para o blog, quando me deparei com este site incrível, o...

Fechar