Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1

Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1
Máscara customizada – Imagem do blog Indicador

O Ministério da Saúde está em campanha de vacinação contra o vírus H1N1. As estratégias do governo, porém, andam disseminando dúvidas em todo o país.  A vacina é segura?

Para tirar algumas dúvidas sobre o tema, o Fashion Bubbles rastreou alguns caminhos para você se informar e se prevenir contra a nova gripe.  No quadro abaixo, você fica sabendo se faz parte dos gurpos que devem ser vacinados e quando ocorrerá a respectiva vacinação:

Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1

Calendário da vacinação
Imagem do site do Ministério da Saúde

Entenda o que é H1N1

Influenza A é uma doença respiratória aguda causada pelo vírus pandêmico nomeado H1N1 2009. Assim como os demais, esse novo subtipo do vírus da influenza  é transmitido por contato pessoal, principalmente por meio da tosse, espirro e do contato com secreções respiratórias de pacientes infectados.

Para a atual campanha brasileira, foram adquiridas doses dos laboratórios Glaxo Smith Kline, Novartis e SANOFI Pasteur (em parceria como Instituto Butantan). A vacina registra uma efetividade média maior que 95% e a resposta máxima dos anticorpos é observada entre o 14º e o 21º dia após a vacinação.

Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1
Foto do site Getty Images

No site do Ministério da Saúde, está disponível uma lista das perguntas mais frequentes sobre a estratégia de vacinação, com as respectivas respostas. Abaixo, você confere algumas delas:

01. O que significa H1N1?

As letras correspondem às duas proteínas da superficie do vírus: H: Hemaglobulina e N: Neuraminidase. O numero 1 corresponde a ordem em que cada uma das proteínas foi registrada, significando que ambas as proteínas tem semelhanças com os componentes do vírus que já circulou anteriormente, quando da pandemia de 1918-1919.

Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1
Imagem por Getty Images

02. Qual a diferença entre a gripe comum e a influenza pandêmica?

Elas são causadas por diferentes subtipos do vírus influenza. Os sintomas são muito parecidos e se confundem: febre repentina, tosse, dor de cabeça, dores musculares, dores nas articulações e coriza. Por isso, ao apresentar estes sintomas, seja pela gripe comum ou pela nova gripe, deve-se procurar seu médico ou um posto de saúde.

03. A vacina a ser utilizada no Brasil é segura?

A vacina a ser utilizada é segura e já está em uso em outros países. Não tem sido observada nesses paises uma relação entre o uso da vacina e a ocorrência de eventos adversos graves.

04. Por que vacinar a gestante?

As gestantes são consideradas como grupo de risco para a influenza pandêmica H1N1 (2009). Durante a pandemia, dentre as mulheres em idade fértil que apresentaram a síndrome respiratória aguda grave (SRAG) em decorrência da influenza A H1N1, 22% eram gestantes.

05. Há risco para a gestante e para o feto?

a) Não há risco em vacinar grávidas. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) e de acordo com os padrões de segurança declarados pelos laboratórios produtores, a vacina contra o vírus influenza A H1N1 é segura para a gestante.

b) Não há, de outro modo, evidências de que a vacina possa causar dano ao feto ou afetar a capacidade reprodutiva, ou, também, sobre a ocorrência de aborto provocado pela vacina nos países em que esta foi administrada para o enfrentamento da pandemia.

06. A vacinação da grávida é feita em qualquer idade da gestação?

Sim, como será utilizada a vacina que não contém o adjuvante, essa vacina é indicada para qualquer idade gestacional. A vacina que contém o adjuvante só poderia ser administrada a partir do 2º trimestre da gravidez.

O Ministério da Saúde optou, então, por vacinar a gestante somente com a vacina sem adjuvante por dois motivos: (1) para não atrapalhar a operacionalização da vacinação e (2) para evitar que qualquer intercorrência na gestação de mulher inadvertidamente vacinada antes do 2º trimestre da gravidez com a vacina que contém o adjuvante viesse a ser atribuída à vacina.

07. Quem toma a vacina pode doar sangue?

As pessoas que atendam aos requisitos podem doar sangue apenas depois de 48 horas contadas a partir do dia da vacinação. Quer saber mais sobre doação de sangue? Então conheça a Fundação Pró-Sangue.

Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1
Imagem por Getty Images

Veja a matéria do Jornal Nacional:

Veja também o pronunciamento do Ministro da Saúde:

Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1
Foto do site Getty Images

Para saber mais:

Tire suas dúvias sobre a vacina!

Confira o site especial sobre a Infuenza A

Entre no site do Ministério da Saúde

Siga o Ministério da Saúde no Twitter

Leia a matéria do site Rainha Vermelha

Veja a matéria sobre máscaras personalizadas

Saiba tudo sobre a gripe suína e previna-se!

Confira dicas deliciosas de prevenção

Entenda a importância da vacina contra a gripe H1N1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>