Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Vivendo assim ao seu ladinho: Paulo Micklos e Tony Belloto/Foto: Rogério Stella

Quem se refere aos anos 80 como “a década perdida” provavelmente nunca escutou suas músicas. Se para a economia brasileira o período não foi bom, para a música, foi muito produtivo. Essa época é apontada por muitas pessoas como a época de ouro do rock nacional, uma vez que o gênero estava em fase de popularização. Nas rádios, ouvia-se o “quarteto fantástico” de bandas formado por Titãs, Os Paralamas do Sucesso, Barão Vermelho e Legião Urbana. Outro grande nome foi Cazuza, que fez carreira solo e foi  imortalizado em seu codinome beija-flor. Exagerado e jogado aos pés da geração oitentista, o rock brasileiro deixou saudade porque marcou a vida de muita gente…

Você já pensou reviver esses momentos ouvindo os hits dos 80´s?  Eles podem ser usados como trilha sonora para festas temáticas, ou festas convencionais que queiram sair da rotina, voltando aos tempos de Bete Balanço e Fixação.

Para quem não viveu a época, essas músicas também são interessantes. Os fãs dos olhares 43 da época  não são só os nascidos antes de 80. O jornalista Eduardo Seemann adora a década e explica o que ela tem de tão especial: “Os anos 80 foram a época da ostentação, do mágico e do ‘pode tudo’. Os jovens comandaram a cena internacional e nacional com bandas new wave, cortes de cabelo volumosos e leggings de lurex.”

Apesar de só conhecer o período através de livros, filmes e histórias, Eduardo garante que “a década foi uma das melhores”. Ele argumenta que “a liberdade no Brasil, nessa época, foi de pouco a pouco conquistada e os eletrônicos, como o LP e o Walk Man fizeram todos ficarem viciados em música”. Para aproveitar esse vício bom, veja as nossas dicas para animar qualquer ocasião no clima do garoto que como eu, amava os Beatles e os Rolling Stones!

Na Rádio UOL, você encontra uma infinidade de músicas para ouvir e baixar. Na Last.fm , é possível ouvir músicas e “toda faixa que você executar revelará ao seu perfil na Last.fm um pouco de seu gosto musical. Ele poderá conectar você a outras pessoas que possuem gostos parecidos com o seu e recomendar músicas das coleções dos outros usuários e das suas”, como informa o próprio site.

Outros sites legais são: KBoing e Deezer.

Confira as versões dos sucessos dos 80´s que o Fashion Bubbles separou para o dia nascer feliz:

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Daqui até a eternidade, Cazuza / Foto: Flickr Mr. Oglou

Para se balançar com a Bete do Barão Vermelho!

 

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Imagem: Last Fm

Os Paralamas do Sucesso convidam para um passeio com Vital e sua  moto:

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Imagem: Last.Fm

Os Titãs prometem acordar todo mundo com a Sonífera Ilha:

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Imagem: Last.Fm

Celebre a Independência com o Capital Inicial, nessa versão acústica:

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Imagem: Last.Fm

Perca a Timidez com o Biquini Cavadão:

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Imagem: Last.Fm

Curta a Fixação do Kid Abelha:

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Evandro Mesquita em sua moto/Imagem: Blitzmania
Pare tudo com a Blitz!

Trilha Sonora dos Anos 80 – Rock Nacional
Imagem: Antropophagia
E prossiga ouvindo os Engenheiros do Hawaii, na estrada infinita:

Trilha sonora para festa dos anos 80

Publicação: 14 de julho de 2010

AUTOR

Leonize Maurílio é formada em moda pela UNIP (Universidade Paulista) desde 2004, atua como compradora de confecção e desenvolve coleções como estilista free-lancer. E.mail: leonize_maurilio@yahoo.com.br

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
cilios3
Cílios postiços!

A diferença é nítida, e quem já se acostumou a colocar dificilmente numa produção mais elaborada deixa de usá-los. Mesmo...

Fechar