Fotografia de Moda em São Paulo na Década de 60

por Ricardo Mendes e Valdir Arruda

Fotografia de Moda em São Paulo na Década de 60 Fotografia de Moda em São Paulo na Década de 60 Fotografia de Moda em São Paulo na Década de 60

Otto Stupakoff é um dos pioneiros da fotografia de moda no Brasil,
apresentando uma trajetória pessoal e profissional que permite acompanhar
o desenvolvimento dessa atividade no país e no exterior.

Ao longo da década de 1950, a indústria têxtil brasileira passava por um intenso processo de renovação e especialização. As novas tecnologias incorporadas, associadas à invasão das fibras sintéticas, marcam o desenvolvimento da confecção nacional, dando início ao nascimento do chamado prêt-à-porter. Começam a sair de cena as figuras familiares da modista e do alfaiate, os cortes de tecido, os figurinos, os chás beneficentes e desfiles de moda promovidos por senhoras da sociedade. A inserção cada vez maior da mulher no mercado de trabalho contribuiu para inviabilizar a tradicional “roupa para toda a família” feita em casa, baseada na sugestão do figurino, dos moldes encartados em revistas. Começa o declínio dos trajes feitos sob medida e instaura-se o consumo da roupa pronta, produzida em larga escala, para mulheres, homens e crianças.


Tudo isso coincide também com o aparecimento das grandes feiras de moda. Bastaria mencionar o advento da Fenit, em 1958, e o importante papel desempenhado pela Rhodia no desenvolvimento de uma ‘moda brasileira’ ao longo da década seguinte para ilustrar este panorama. Falamos de um tempo onde lançamentos, desfiles e tendências adquirem o status de espetáculo, de grande negócio, no qual empresários, publicitários, estilistas (ainda denominados costureiros), artistas plásticos de renome, personalidades, jornalistas, editores de arte, fotógrafos e modelos iniciaram a formação de equipes profissionais que contribuíram para a gênese de uma visão de moda que se debate desde então entre ser brasileira e internacional .


Como conseqüência, a veiculação dos produtos da indústria têxtil e do setor de confecções é pautada por olhares que buscam enfoques e cenários diferenciados. O número de anunciantes nas páginas das revistas femininas cresce a olhos vistos. Os editoriais de moda aumentam em número e extensão e intensifica-se o uso de anúncios e encartes que veiculam a roupa pronta para usar. O estúdio fotográfico vai, pouco a pouco, sendo substituído por locações. Da barroca Ouro Preto à modernidade de Brasília, utilizando personalidades do momento, tudo enfim era motivo para um bom anúncio ou editorial de moda. É o início da escalada do consumo no Brasil e da consolidação da fotografia de moda como a conhecemos, seja sob a forma dos primeiros editoriais, sob a forma de catálogos ou campanhas publicitárias.

Os primeiros trabalhos de Otto Stupakoff datam de meados da década de 1950, quando uma viagem internacional durava três dias, o mercado editorial de revistas não permitia uma segmentação efetiva, o jornalismo de serviços dava seus passos iniciais e o enfoque sobre a moda era pautado por um olhar estrangeiro. Este artigo destaca a atividade do fotógrafo no segmento de moda nos anos 50 e 60, quando definem-se as bases de produção da fotografia de moda no país.

Fotografia de Moda em São Paulo na Década de 60
Seleção de imagens, destacando as tomadas com personalidades da área cultural, utilizadas em A personalidade da moda para o inverno 1961, um “publieditorial” – um encarte publicitário com formato de artigo – publicado na revista Manchete, em 29.04.1961 – SMC/BMMA

Veja matéria completa no site da Revista D Art.

Publicação: 25 de junho de 2007

COMENTÁRIOS

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

Leia o post anterior:
fantasia1
Vitrine global da fantasia

A criatividade e o impacto da alta-costura servem para chamar a atenção do mundo ­ e legitimar os preços do...

Fechar