Agrotóxicos – Do PL do Veneno ao mundo da moda, entenda a polêmica

Agrotóxicos   Do PL do Veneno ao mundo da moda, entenda a polêmica

Na contramão de países mais desenvolvidos, o Brasil ainda é bastante permissivo com o uso de agrotóxicos. Esses herbicidas e defensores agrícolas, usados em larga escala, são comprovadamente ligados a diversos tipos de câncer, atrofias musculares e até mesmo mutações genéticas.

Enquanto cresce o discurso pela sustentabilidade e pelo consumo de mais orgânicos, um projeto polêmico, conhecido como PL do Veneno, visa liberar ainda mais o uso de agrotóxicos em solo Brasileiro. Você sabe o que realmente está em jogo?

A polêmica dos agrotóxicos

Agrotóxicos   Do PL do Veneno ao mundo da moda, entenda a polêmica

Imagem: O Globo/Divulgação.

Agrotóxicos, defensivos agrícolas, pesticidas ou praguicidas são produtos químicos sintéticos utilizados na agricultura para o controle de pragas, insetos, doenças e plantas daninhas. De acordo com dados da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), nós estamos entre os 10 países que mais consomem agrotóxicos no mundo.

O Brasil ocupa o 7º posto na relação da quantidade de produtos aplicados por hectare de terra cultivada. Em termos de volume total, o Ministério do Meio Ambiente brasileiro informa que estamos em 1º lugar. O dado impressiona e mostra como estamos anos luz atrás de países desenvolvidos, que incentivam a agricultura orgânica e familiar, como é o caso da Dinamarca.

Embora especialistas aleguem que o seu uso é seguro desde que respeitadas as dosagens permitidas, a empresa Monsanto está enfrentando, nos EUA, o primeiro julgamento por herbicida de glifosato no mundo. Conhecido como Rondup, ele é um dos herbicidas mais vendidos no mundo e, ao que tudo indica, altamente cancerígeno.

A Monsanto se defende de uma acusação milionária, onde é acusada de ocultar deliberadamente a periculosidade da substância. O uso do glifosato já foi proibido no Brasil, mas recentemente a justiça caçou a liminar que regulava o seu uso.

A PL do Veneno

Agrotóxicos   Do PL do Veneno ao mundo da moda, entenda a polêmica

Retrato do fotógrafo Pablo Piovano, em sua série documental que mostra os efeitos do agrotóxico glifosato em habitantes da zona rural na Argentina

O projeto de Lei 6299/02, elaborada em 2002 por Blairo Maggi (hoje Ministro da Agricultura) ficou conhecido como PL do Veneno entre os críticos e agora tramita no Congresso.

O projeto propõe , entre outras questões, que o Ministério da Agricultura possa regular diretamente o registro de novos agrotóxicos. No momento, a Anvisa e o Ibama são os responsáveis pela regulamentação. Para compreender melhor os prós e os contras do projeto, clique aqui.  

Agrotóxicos   Do PL do Veneno ao mundo da moda, entenda a polêmica

Imagem: RoyalVegas

A moda e os tecidos orgânicos e eco-friendly

Agrotóxicos   Do PL do Veneno ao mundo da moda, entenda a polêmica

Com a sustentabilidade em alta, a discussão sobre orgânicos sai da mesa e conquista o mundo da moda. Com certeza você já deve ter visto por aí alguma peça com selo de algodão orgânico, um apelo especial que é refletido também no preço. A empresa Ecocert é, atualmente, a maior e mais respeitada certificadora do mundo. Ela é a responsável pelo GOTS – Padrão Global de Têxteis Orgânicos, uma classificação que contempla todos os estágios do processamento: da fibra ao produto acabado.

O objetivo desse referencial é garantir a rastreabilidade do processo produtivo. Reduzir o uso de químicos, de energia e também o respeito a critérios sociais são levados em conta. Existem dois possíveis selos, de acordo com a Ecocert:

  • Têxtil Orgânico: mínimo de 95% de fibras orgânicas e no máximo 5% de fibras artificiais ou sintéticas;
  • Têxtil contendo fibras orgânicas: mínimo de 70% de fibras orgânicas e máximo de 10% de fibras artificiais ou sintéticas / limite sobe para 25% para calçados e roupas esportivas.
Agrotóxicos   Do PL do Veneno ao mundo da moda, entenda a polêmica
Imagem: Embrapa

Publicação: 28 de agosto de 2018

AUTOR

Francieli Hess é formada em Design de Moda pela UDESC e já estudou Cultura e Progettazione della Moda em Florença. Trabalha como estilista freelancer em Florianópolis e é apaixonada por criação, história, branding e comunicação. Instagram: @fvhess

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
Havaianas – O chinelo brasileiro que conquistou o street style internacional

Foto: @TheStyleStalker Brasileiríssima e cheia de bossa, a nossa Havaianas está dando o que falar na temporada internacional. Os chinelos...

Fechar