Noite de Festa – 16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

É incrível! Alguns para serem vistos, outros para olharem… assim é no 16º prêmio Francal Top de Estilismo.

A cenografia do evento é perfeita, sutil na medida certa em suas cores e texturas. Não excede o necessário e a luz vem a valorizar o tom e o espírito do lugar… O som é energizante…

Repórteres e celebridades numa sintonia pura. Tudo muito harmônico para apresentar os calçados vencedores do Prêmio.

Percebo a preocupação com elementos sustentáveis e a criação singular buscando linguagens verdadeiramente brasileiras.

Embora os premiados sejam do sul e sudeste do país, é nítida a utilização de fibras brasileiras num modo geral. Vejo materiais e tramas simples num objeto sofisticado e complexo. É muito clara a intenção de valorizar o design brasileiro com o desenvolvimento de conceitos ímpares. Um calçado casual em seu frente-verso, avesso do avesso revelado com toda elegância, outro social rendado como as damas cheias de ternura e ainda outro geométrico elaborado com vértices diversos como só o nosso Brasil pode ser…

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Em meio ao burburinho… Um homem com toda elegância masculina comentava com seu colega: “Eu nunca usaria isto”… no momento seguinte mudava seu discurso crítico de homem comum numa análise simples sobre os objetos em destaque: “você viu, que interessante aquilo?”.

E aí então, senti-me satisfeita. As pessoas comuns absorvendo de modo possível, o que com delicada destreza nossos designers brasileiros tanto dedicaram em conceituar. Quem disse que moda conceitual não provoca discussão num público comum?

Provoca sim, é isso que nos impulsiona a seguir em frente! Lembrando sempre que a discussão abre novos caminhos e direções, e por isso essas premiações são sempre louváveis porque dão abertura a novos diálogos. O Brasil é sim capaz de criar uma identidade própria que seja referência ao mundo, este é apenas um dos caminhos.

Veja fotos de todos os sapatos em Os maravilhosos sapatos 16º Prêmio Francal Top de Estilismo 2010.

Por Cristina Ecker Amaral

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

O Prêmio

O Prêmio Francal Top de Estilismo é único no mundo. Mesmo países com tradição e reconhecimento mundial na produção de calçados, como Itália, Espanha e Alemanha, não oferecem este tipo de valorização de seus estilos próprios e de estímulo ao surgimento de novos talentos para o mercado.

Desde que foi criado, em 1995, o prêmio já recebeu 3.558 amostras, sendo 279 em 2010. O concurso nasceu com o objetivo de revelar novos talentos para a indústria calçadista e contribuir para o desenvolvimento de uma identidade da moda brasileira em calçados e acessórios.

Entre os renomados profissionais da moda que já compuseram a comissão julgadora em edições anteriores estão Costanza Pascolato, Walter Rodrigues, Francesca Giobbi, Alexandre Birman, Constança Basto, Paula Ferber, Martha Ribeiro, e outros.

Este ano, o corpo de jurados foi formado por Debora de Pierro, especialista em Tendências do WGSN; Jefferson de Assis, consultor do Núcleo de Design da Assintecal; e as estilistas Paola Robba e Thais Gusmão, proprietárias de grifes associadas à Abest – Associação Brasileira de Estilistas, uma das entidades parceiras do evento.

De acordo com o presidente da Francal, Abdala Jamil Abdala, foram 209 participantes em 2010, sendo que 60% já eram profissionais do setor e os outros 40% são estudantes. “Isso é muito significativo porque aí está o poder, a força, do jovem que vem trazer o arejamento para o setor de bolsas e calçados, que é tão forte no Brasil, mas que vai se fortalecer cada vez mais através da criatividade do design e do lançamento de moda que o Brasil tem que ser dono.”

Abdala ainda falou sobre a importância do Prêmio Francal: “Eu tenho certeza de que é um grande instrumento para a geração de negócios e indústria de calçados e bolsas no Brasil. Quando você traz talentos que possam contribuir na fabricação e beleza do produto, você vai fazer que as empresas vendam mais, produzam mais e gerem mais empregos. Então isso tem uma conotação de moda, mas tem um conotação econômica muito forte. O setor de calçados no Brasil é um setor pujante que fabrica mais de 800 milhões de pares de calçados por ano. É um setor exportador, o Brasil é o terceiro maior produtor de calçados do mundo. Então esse prêmio vem colaborar de sobremaneira também para o crescimento econômico desse setor”.

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de festa

A entrega dos troféus e prêmios em dinheiro, e o sorteio das bolsas de estudo em Milão, ocorreram na última segunda-feira (18), durante uma badalada festa no Espaço Pinheiros, em São Paulo.

Pelo primeiro lugar na categoria Bolsa Social, Clássica, Casual ou Esportiva, Bruna Vilas Boas da Silva recebeu R$ 2.000,00 de prêmio em dinheiro, e Fernanda Ritzdorf Winckler, R$ 1.500,00 pela segunda colocação na mesma categoria. Ao todo, foram premiados 15 vencedores, três em cada uma das cinco categorias (veja quadro abaixo).

Além de Bruna e Fernanda, uma terceira vencedora foi contemplada com um prêmio especial. Também por sorteio, Tarcila de Fátima Ferreira, de Jaú, interior de São Paulo, ganhou um ano de assinatura grátis do WGSN, que equivale a um investimento de US$ 13 mil.

O WGSN é líder mundial em pesquisa online, análise de tendências e notícias para a indústria de moda e estilo. O portal conta com milhares de assinantes no mundo todo, de diversos segmentos, interessados em antecipar o comportamento dos consumidores. Para os estilistas, especialmente aqueles no início da carreira, é uma fonte de pesquisas essencial para seu desenvolvimento profissional.

A festa de premiação contou com a presença do presidente da Francal Feiras, Abdala Jamil Abdala, dos diretores João Batista de Lima e Carlos Alberto Brigagão, e do staff da promotora. O presidente da Abicalçados, Milton Cardoso, e o diretor-executivo da entidade, Heitor Klein, bem como representantes das demais entidades parceiras – Assintecal, Abest, Moda Pelle, WGSN– também prestigiaram a cerimônia e entregaram os prêmios aos vencedores.

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Daniela Dantas (WGSN) entrega assinatura anual para Tarcila

Premiação

Categoria Calçado Social Feminino

1º) Valdermar Balestrin (Estilista – São Paulo/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

João Batista de Lima (Francal) entrega troféu para Valdemar

2º) Lisete Maria Nonnemacher (Designer – Montenegro/RS)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Heitor Klein (Abicalçados) entrega troféu para Lisete

3º) Mateus Boeri (Designer – Sapiranga/RS)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Carlos Brigagão (Francal) entrega troféu para Mateus

Categoria Calçado Casual ou Esportivo Feminino

1º) Oscar Hugo Ritzel (Estudante – Campo Bom/RS)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda BrasileiraNoite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Roberto Benelli (estilista italiano) entrega troféu para Oscar Hugo

“Na verdade esse foi meu trabalho de conclusão de curso da faculdade. Eu tinha uma macro trend, que era a simplificação, e a partir daí eu me inspirei no Oscar Niemayer e nas estruturas geométricas. Eu queria fugir um pouco da forma do pé e trazer uma forma mais geométrica para um sapato”.

2º) Ligia Cristina Villa (Designer- Franca/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda BrasileiraNoite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Evilásio Miranda (Abest) entrega troféu para Ligia

“A minha criação foi inspirada no equilíbrio total. É um salto 13cm com muito paralelismo. Eu inverti o salto com a frente e usei o preto e branco para ajudar no contraste. Dentro do folclore brasileiro tem um pouco do curupira, essa é a brasilidade que eu quis dar aqui e também tem um pouco do conceito chinês do yin-yang, que é o equilíbrio. São muitos conceitos integrados”.

3º) Tarcila de Fátima Ferreira (Auxiliar de Estilismo – Jaú/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Sâmia Hannouche (Francal) entrega troféu para Tarcila de Fátima

Categoria Social Masculino

1º) Sérgio Dulius (Estilista – Sapiranga/RS)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Malu Fiorese (Francal) entrega troféu para Sergio

“O sapato masculino, na minha concepção, tem muito o que inovar. Para ajudar o meio ambiente, eu fiz com caixa de leite e usei um laço para inovar, junto com um corte lateral. O sapato masculino na moda atual é uma peça chave, então eu acho que ele pode arrojar de uma maneira elegante, esse era o meu intuito”.

2º) Kairo da Silva Azevedo (Estudante – Franca/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Luli Monteleone (blogueira de moda) entrega troféu para Kairo

3º) Saullo Carrijo Oliveira (Modelista – Franca/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Meire Emerenciano (Francal) entrega troféu para Saullo

Categoria Calçado Casual ou Esportivo Masculino

1º) Augustinho Ferreira da Cruz (Modelista – Franca/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

José Rivera (Moda Pelle Academy) entrega troféu para Augustinho

!”Quis usar um material diferente para chamar a atenção do júri, então veio a ideia de usar bucha vegetal e deu certo. É um material bastante alternativo, ficou com um aspecto bastante rústico”.

2º) Alberto Eurípedes Conceição Lima (Modelista – Franca/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Milton Cardoso (Abicalçados) entrega troféu para Alberto Conceição

3º) Clécio Jose de Lacerda Lima (Designer – Belo Jardim/ PE)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Categoria Bolsa Social, Clássica, Casual ou Esportiva

1º) Bruna Vilas Boas da Silva (Estilista – Jandaia do Sul/PR)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda BrasileiraNoite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Daniela Dantas (WGSN) entrega troféu para Bruna

2º) Fernanda Ritzdorf Winckler (Estudante – Curitiba/ PR)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Luiz Capozzi (Francal) entrega troféu para Fernanda

3º) Thiago Oliveira de Antonio (Designer – Jaú/SP)

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Lúcia Cristina de Buone (Francal) entrega troféu para Thiago

ESTUDANTES PARANAENSES GANHAM BOLSA DE ESTUDO DE DESIGN EM CALÇADO EM MILÃO, NA ITÁLIA

Únicas representantes do estado na 16ª edição do Prêmio Francal Top de Estilismo, Bruna Vilas Boas da Silva, de Jandaia do Sul, e Fernanda Ritzdorf Winckler, de Curitiba, passarão três meses em uma das escolas de estilismo mais renomadas do mundo, com todas as despesas pagas.

Se, como reza a tradição, além de competência e talento todo sucesso depende de uma pequena dose de sorte, duas estudantes paranaenses têm motivos de sobra para comemorar. Não bastasse a emoção de serem premiadas, respectivamente, em primeiro e segundo lugares na categoria Bolsa Social, Clássica, Casual ou Esportiva, Bruna Vilas Boas da Silva e Fernanda Ritzdorf Winckler ganharam a oportunidade de estudar três meses em Milão, na Moda Pelle Academy, uma das mais conceituadas academias de ensino de design em calçados e acessórios do mundo, com todas as despesas de viagem, hospedagem e estadia pagas.

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Veja mais fotos da premiação da 16 Prêmio Francal de Estilismo

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira Noite de Festa   16 Prêmio Francal de Estilismo Incentiva a Moda Brasileira

Via Jota Silvestre

Primeira Página | Assessoria de Comunicação e Eventos.

www.ppagina.com / www.twitter.com/ppagina

Publicação: 19 de outubro de 2010

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
praga
Praga: Uma das mais belas cidades da Europa – Guia Enxuto

Dicas de viagem Para você que não tem paciência com a falta de poder-de-síntese  dos guias de viagem, mas quer...

Fechar