Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas

Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas

Eliza “Lylie” Walter é a joalheira inglesa responsável por transformar o lixo eletrônico em luxo. Suas peças são feitas a partir de celulares, TVs e computadores que seriam descartados. Tudo isso misturado com ouro e prata, também reciclados. Espia só:

Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas

 

Lylie’s cria joias a partir de lixo eletrônico

Após passar cerca de 10 anos pesquisando as consequências do descarte incorreto de lixo eletrônico no mundo, a jovem Eliza “Lylie” Walter teve uma ideia genial. Ela criou a Lylie’s, uma marca que cria joias completamente recicladas, com uma estética encantadora.

No início, ela não conseguia pagar os cursos clássicos de joalheria, por isso boa parte da sua formação veio de vídeo tutoriais do Youtube.

Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas

Além de ourives, Eliza também trabalha em uma galeria de arte. Essa combinação de técnica e bom gosto trouxe resultados impressionantes para sua linha de joias. São peças masculinas e femininas que podem ser compradas online ou, ainda, feitas sob encomenda.

As joias da Lylie’s tem uma pegada minimalista, com formas orgânicas e design atemporal.

 

 

Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas
Olhando assim, ninguém diz que as joias são feitas a partir de materiais que iriam para o lixo, né?

Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas

Clique aqui para ser direcionado ao site da marca.

Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas

 

Suas criações são regidas pela filosofia de que “os produtos devem ser produzidos com respeito o planeta e às pessoas que o povoam”. Partindo desse princípio, ela garimpa metais preciosos de joias antigas em ouro e prata, materiais de consultório dentário e, por fim, lixo eletrônico.

Quem imaginaria, por exemplo, que um Iphone possui cerca de 0.2g de ouro? Pois é! Além disso, outro dado que a joalheira levanta é a quantidade absurda de lixo eletrônico que estamos gerando. Anualmente, mais de 50 toneladas de e-waste são descartadas. Desse total, apenas 16% é reciclado, o que é insuficiente e preocupante.

 

Lixo eletrônico – Marca cria joias inteiramente recicladas

Contudo, pequenas iniciativas como a da Lylie’s precisam ser celebradas. A marca é uma alternativa excelente para quem gosta de joias e também se preocupa com a conservação ambiental do planeta.

Upcycling

Eliza, explora com maestria, um conceito que está super na moda: o upcycling. Também conhecido como reutilização criativa, é o processo de transformação de subprodutos, resíduos, produtos inúteis ou indesejados em novos materiais ou produtos de melhor qualidade ou com maior valor ambiental.

É um conceito de reaproveitamento e da continuidade do ciclo de vida do produto que ganha cada vez mais força e é uma nova forma de tornar o planeta mais sustentável.

O Upcycling não significa reciclar, mas recriar.

View this post on Instagram

A @wgsnbr acaba de lançar um relatório completo sobre a beleza na Geração Z.👁💄 . O momento é mais do que propício, já que essa turma representará 32% da população global em 2019, de acordo com a Bloomberg. . Mas, afinal, o que os jovens levam em conta na hora de consumir produtos de beleza? A gente desvenda. ARRASTE as imagens e confira. . Ou veja matéria completa no www.fashionbubbles.com. . #beleza #tendências #tendências2019 #tendências2020 #geracaoz #geraçãoz #belezaecosmeticos #wgsn #blogsdemoda #modaebeleza #conteudodemoda #lifestyle #indústriadabeleza #salãodebeleza #macrotendencias #fashionbubbles #cosmeticos #cosmeticosnaturais #belezanatural #diversidade #belezasustentavel #belezasustentavel♻️♻️♻️ #setordebeleza #modacomconteúdo

A post shared by Fashion Bubbles – Denise Pitta (@fashionbubblesoficial) on

Publicação: 8 de abril de 2019

AUTOR

Francieli Hess é formada em Design de Moda pela UDESC e já estudou Cultura e Progettazione della Moda em Florença. Trabalha como estilista freelancer em Florianópolis e é apaixonada por criação, história, branding e comunicação. Instagram: @fvhess

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
Estética in SP apresenta as novidades do mercado de beleza, saúde e bem-estar

A feira reúne lançamentos de produtos e de equipamentos das principais marcas do país e do mundo. De 6 a...

Fechar