Coronavac: Carlinhos Maia e prefeito de Maceió são intimados pelo MP-AL

O influenciador digital Carlinhos Maia e o Prefeito João Henrique Caldas serão intimados para depor sobre o caso da Coronavac.

- Continue depois da Publicidade -

O prefeito de Maceió João Henrique Caldas (PSB) e o YouTuber Carlinhos Maia, de 29 anos, devem ser chamados na próxima semana para explicar ao MP-AL (Ministério Público Estadual de Alagoas) sobre o suposto convite de pessoas influentes pra tomar a vacina CoronaVac.

O MP-AL informou que investigará o caso para garantir o bom andamento da campanha de vacinação contra o novo coronavírus.

Hoje, o “Diário da República” publicou o edital do PP (Procedimento Preparatório) formulado pela 67ª Promotoria de Saúde para este caso.

Carlinhos Maia
Foto: Instagram

Segundo o MP-AL, após a implantação do PP, o próximo passo é convocar as partes envolvidas (Carlinhos Maia e o prefeito de Maceió), o que deve ser feito na próxima semana, pois o procurador do Ministério Público Paulo Henrique Prado, da 67ª Promotoria de Justiça, acompanha a campanha de vacinação de Maceió.

- Continue depois da Publicidade -

O MP-AL informa que os promotores só falarão do caso por meio de instruções da assessoria de imprensa do ministério público.

Assim, o objetivo da investigação é para saber se Carlinho Maia recebeu um convite para se tornar o primeiro a ser vacinado na região de Alagoas.

- Continue depois da Publicidade -

Antes de tudo, o jovem não é profissional de saúde e não atende aos critérios de prioridade estabelecidos pela Anvisa e Ministério da Saúde.

 

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Carlinhos Maia e o convite para tomar a vacina contra a Covid 19

 

- Continue depois da Publicidade -

Carlinhos Maia

 

Carlinhos Maia, depois de todas as circunstâncias negativas da festa lotada, disse através de seu Twitter que foi convidado para ser um dos primeiros a tomar a vacina contra o COVID-19.

Mas depois de postar no Twitter que recebeu o convite e recusou, a publicação teve um impacto tão grande que até o governo de Alagoas publicou uma nota negando que fez o convite a Carlinhos Maia.

 

Plano nacional de imunização do governo

 

O influenciador digital Carlinhos Maia e o Prefeito João Henrique Caldas serão intimados para depor sobre o caso da Coronavac. Pois de acordo com o plano nacional de imunização do governo, o foco da campanha de vacinação é:

  • profissionais de saúde;
  • idosos (acima de 60 anos);
  • indígenas;
  • portadores de comorbidades;
  • professores (do ensino fundamental ao superior);
  • profissionais da segurança e resgate;
  • profissionais militares;
  • funcionários do sistema prisional;
  • comunidades tradicionais ribeirinhas,;
  • trabalhadores do transporte público;
  • moradores de rua e;
  • pessoas privadas de liberdade.

Além disso, a Prefeitura de Penedo também divulgou publicação informando que não convidou pessoas de fora do grupo prioritário (citando Carlinhos Maia).

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes