Viktoria Modesta – A cantora de estilo hi-tech e pernas versáteis

301

Viktoria Modesta jpg

Se você ainda não ouviu falar dela, registre esse nome, porque a cantora Viktoria Modesta vem se destacando na cena pop e promete agitar o cenário musical.

Com o lançamento do clipe “Prototype” no  X Factor, a emissora britânica Channel 4, divulgou a revelação Viktoria Modesta, a primeira cantora com deficiência física a se destacar na cena pop.

Com estilo extravagante, a la Lady Gaga e muito pouco pudor no que se refere a mostrar o corpo, ela transformou sua deficiência em um diferencial de estilo e atitude se consolidando como a primeira artista com uma perna amputada da música pop internacional (que o Roberto Carlos não nos ouça).

“Eu nunca me senti confortável pensando em mim como uma pessoa com deficiência e isso me inspirou a desafiar ativamente a moda e criar uma plataforma na corrente principal da cultura pop (…) . O tempo para discussões éticas chatas ao redor da deficiência é longo. É somente através de sentimentos de admiração, aspiração, curiosidade e inveja que podemos seguir em frente.” explica Viktoria.

viktoria-in-bizarre-magazine-11

Nascida na Letônia, perdeu a perna esquerda devido a um erro médico em seu nascimento, que fez com que crescesse com problemas, aos 20 anos em 2007, decidiu amputá-la do joelho para baixo para ter mais controle do seu corpo. Ela e sua família mudaram para Londres e desde esta decisão drástica, mas não dramática, Viktoria só ascendeu como ícone da moda e símbolo da beleza, intensificando ainda mais sua  carreira de modelo.

Apesar do problema com a perna, ela iniciou sua carreira artística aos 4 anos e tem em seu currículo aparições nas semanas de moda de Londres e Milão, editoriais de publicações como The New York Times, Vogue, iD e Grazia.

Só depois de fazer o London Music School, em 2009 é que ela lançou um projeto de colaboração musical com o músico/produtor Nik Hodges . Sua primeira faixa “Jane Bond” foi destaque na Semana de Música Playlist.  Em 2012, Modesta lança seu single de estreia “Only You”.

Mas seu primeiro grande evento foi a performance de “Snow Queen”, uma participação nos Jogos Paraolímpicos de Londres, interpretando a Rainha de Gelo ao lado do Coldplay. Durante a apresentação da música “42” ela dançou com seis patinadores do programa “Dancing on Ice”. Sua performance usando uma prótese toda cravejada de cristais Svarowski foi muito comentada.

A diversidade é um tema recorrente na sociedade contemporânea, como pode ser constatado até nos brinquedos, onde exemplos como a Monster High vem traduzindo essa busca pela aceitação das diferenças e dos nossos lados obscuros .

A ascensão da cantora Viktoria Modesta rompe  os conceitos pré-estabelecidos da indústria, adaptando-os aos novos tempos, como pode ser visto em sua reflexão:

“Por um bom tempo, a cultura pop fechou as portas para mim enquanto amputada e artista alternativa. Acho que as pessoas sempre tiveram dificuldades no que sentir ou o que pensar de uma pessoa amputada que não estava tentando ser uma atleta olímpica. Nos esportes, superar uma deficiência te torna um herói, mas no pop não há espaço para esse sentimento”, declarou a cantora. “Através deste projeto com o Channel 4, espero estabelecer novos princípios na música e na moda, rasgar o livro de regras e desenvolver um exemplo mais forte do que significa ser um músico, modelo e artista”.

Além de sua postura ousada e vanguardista, a cantora, compositora e modelo se destaca também por looks mais que estilosos, que usam a perna amputada e as próteses como mais um acessório a compor o visual.

Veja também reflexão sobre as mudanças de paradigmas da sociedade contemporânea em: Monster High – Porquê as bonecas monstrinhos estão fazendo o maior sucesso?

Fontes: Vagalume e Lado Bi

Você também pode gostar!

Viktoria Modesta – Confira fotos com muito  estilo e atitude

Viktoria_Modesta1

Viktoria Modesta usa a prótese como um acessório super fashion e se consolida como a primeira cantora com perna amputada do cenário pop internacional

viktoria-modesta

O tempo para discussões éticas chatas ao redor da deficiência é longo. É somente através de sentimentos de admiração, aspiração, curiosidade e inveja que podemos seguir em frente.” explica Viktoria Modesta

zxvavx1
“Eu nunca me senti confortável pensando em mim como uma pessoa com deficiência e isso me inspirou a desafiar ativamente a moda e criar uma plataforma na corrente principal da cultura pop “

pdviktoria

Viktoria é modelo e tem em seu currículo aparições nas semanas de moda de Londres e Milão, editoriais de publicações como The New York Times, Vogue, iD e Grazia

61b64650f155bd7d70cc1ef39402d822 VIKTORIA-MODESTA-1

Apesar do problema com a perna, ela iniciou sua carreira artística com apenas 4 anos superando todas as adversidades

Viktoria+Modesta+sfsafffsf
Viktoria Modesta perdeu a perna esquerda devido a um erro médico em seu nascimento, que fez com que crescesse com problemas, aos 20 anos em 2007, decidiu amputá-la do joelho para baixo para ter mais controle do seu corpo
Viktoria+ModestaApós amputar a perna, ela e sua família mudaram para Londres e desde esta então, vem se destacando ainda mais como ícone da moda e símbolo da beleza, intensificando ainda mais sua  carreira de modelo

viktoria_modesta_3_-_copyAtitude e estilo mancam sua personalidade 
tumblr_m4bvioMsTg1qbq16so1_r1_500O que poderia ser um desafio quase intransponível virou diferencial

tumblr_kxnbl6Enb81qaqjymo1_500“Por um bom tempo, a cultura pop fechou as portas para mim enquanto amputada e artista alternativa. Acho que as pessoas sempre tiveram dificuldades no que sentir ou o que pensar de uma pessoa amputada que não estava tentando ser uma atleta olímpica. Nos esportes, superar uma deficiência te torna um herói, mas no pop não há espaço para esse sentimento”, declarou a cantora. “

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O primeiro grande evento que participou foi a performance de “Snow Queen” nos Jogos Paraolímpicos de Londres, interpretando a Rainha de Gelo ao lado do Coldplay. Durante a apresentação da música “42” ela dançou com seis patinadores do programa “Dancing on Ice”. Sua performance usando uma prótese toda cravejada de cristais Svarowski foi muito comentadatu1mblr_l2ntnuwhqA1qbiodro1_500Aos 20 anos em 2007, Viktoria Modesta decidiu amputar a perna do joelho para baixo que devido a um erro médico em seu nascimento cresceu com problemas

    Screen shot 2012-10-02 at 5.33.00 PM61b64650f155bd7d70cc1ef39402d822

Adversidade que tirou de letra!

l_124c3a38a3ce056e4705d3ea3c20dfaaPor Denise Pitta

você pode gostar também