Rosane Feijão lança “Moda e Modernidade na belle époque carioca”

Rosane Feijão lança Moda e Modernidade na belle époque carioca

A Editora Estação das Letras e Cores apresenta novo título de seu catálogo: “Moda e Modernidade na belle époque carioca”, redigido pela mestre em Comunicação Social, Rosane Feijão.

Moda e Modernidade na belle époque carioca” tem como tema o Rio de Janeiro do início do século XX e a moda como guia para interpretarmos o período em seus reflexos sociais. Moda aqui entendida para além do vestuário: são também os comportamentos, hábitos e escolhas do cotidiano. Nesse sentido, Rosane Feijão resgata uma série de manifestações (tais como decoração das casas, regras de etiqueta, banho de mar… ) que, relacionadas ao contexto, explicitam o imaginário de uma sociedade.

Se, por um lado, o Brasil busca referências culturais na Europa, por outro lado, o carioca estabelece modos próprios de interpretar e fazer uso dessas referências. A pesquisa que Rosane Feijão compartilha conosco mostra como a identidade carioca inventa suas próprias modas.

No prefácio do livro o Prof. Dr. José Carlos Rodrigues (Doutor em Antropologia pela Universidade de Sorbonne) diz que:

A autora dirige nossa atenção para as tentativas de mudança dos hábitos da população – como a proibição de andar sem sapatos, de cuspir nas ruas ou de circular pelos novos recintos da cidade com vestes despojadas. Mas Rosane Feijão, além disso, nos convida a frequentar temas em geral muito pouco abordados. Exemplos bastante esclarecedores são a arquitetura das residências, a distribuição dos cômodos das habitações e a circulação entre eles, a iluminação e a ventilação domésticas, a decoração dos interiores das moradias, os mobiliários que povoam as casas, as novas linguagens, os modos e etiquetas, as disciplinas dos corpos, a apresentação pessoal, os vestuários…

Na apresentação é a Profa Dra Ilana Strozenberg (Doutora em Comunicação pela UFRJ) quem considera:

Rosane Feijão nos aponta também algumas pistas para pensar como as características específicas do Rio de Janeiro, ao reunir os elementos de metrópole voltada para o trabalho e ao mesmo tempo para o lazer – na medida em que a cidade se expande em direção às praias –, vão aos poucos flexibilizar o padrão europeu, criando um estilo de vida próprio e diferenciado. Com um texto fluente e quase cinematográfico, ilustrado por imagens muito bem selecionadas, o livro é uma leitura prazerosa e esclarecedora tanto para os pesquisadores interessados no Rio de Janeiro quanto para aqueles voltados para temas relativos à moda e à cultura urbana.”

O lançamento do livro acontecerá no Rio de Janeiro, na Livraria da Travessa, dia 16 de junho, a partir das 19 horas.

Sobre a autora

Rosane Feijão é mestre em Comunicação Social pela PUC-Rio. Graduada em Arquitetura pela Universidade de Brasília, tornou-se professora de História da Moda após concluir os cursos de Design de Moda na Universidade Cândido Mendes e de Figurinista de Teatro organizado pela Prefeitura de Paris. Atualmente desenvolve pesquisa sobre moda na Belle Époque carioca como bolsista do Setor de História da Fundação Casa de Rui Barbosa.

Estação das Letras e Cores Editora

Fonte: Lu Glaeser

Publicação: 14 de junho de 2011

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
2011-06-14_233339
SPFW Verão 2012 – Reserva

O Verão 2012 da Reserva veio bastante despojado e irreverente, inspirado numa visão debochada do estilista Rony Meisler sobre Cuba...

Fechar