Felicidade? O que é isso?

Felicidade? O que é isso?

Todo mundo pensa em ser feliz…

Tentamos descobrir mil maneiras de alcançar este estado de alegria, de completude, que para mim é mais ou menos como aquele momento em que a gente acaba um almoço em família e não sabe se pede um digestivo ou se come um mais pedacinho… Mas, quem se ocupa de saber exatamente o que é isso?

Você concorda que a felicidade é uma grande força?  A busca da felicidade nos faz trabalhar, estudar, buscar prazeres, ter família ou qualquer que seja o objetivo que se deseja…

A questão é: quando se chega lá, quem está satisfeito? A cada nova conquista, temos um respiro de alguns minutos, para em seguida recomeçar uma busca por algo ainda maior, melhor, mais caro, mais bonito, mais brilhante.

Se pararmos  para pensar sobre tudo isso, será que a D. Felicidade pode ser um grande truque? Afinal, se a cada conquista, tenho um prazer momentâneo seguido de um vazio ainda maior, isso é uma força motivadora ou apenas uma fonte de ansiedade embrulhada num papel de presente?

Atualmente temos a nossa volta, um mundo todo organizado e girando em torno de um grande sorriso, de um gozo ilimitado, com a pele linda, o abdômen tanquinho, os olhos brilhando e os cabelos ao vento. Mas vai que o meu cabelo é lindo e crespo? Que eu estou com aquela barriguinha, e se não tenho o carro do ano ou não moro em um duplex com sistema de interface inteligente? Vai que meu desejo de ser feliz passa por outras questões, outros desejos?

Como eu determino o que é ser feliz para mim?

Então, o que é ser feliz para você que esta lendo agora esta divagação em uma bela segunda-feira?

Felicidade? O que é isso?

Ser feliz é ser você!

Ser feliz é determinar quais são as cenouras que te motivam a querer andar. Ser feliz é ser engajado com seus sonhos e buscar meios objetivos de transformá-los em realidade não importando seu tamanho. Ser feliz é encontrar aquilo que te dá prazer de verdade. Mas, prazer para você, não para seu vizinho, para sua mãe ou para sua amiga. Principalmente, saber que sua vida faz parte de algo maior, algo que faz sentido, que ao se levantar todos os dias faça você dizer:

-É isso!!!

Eu não sou muito de dar dicas, mas já que estamos aqui trocando ideia e eu percebi que você arregalou os olhos pensando:

-Tá bom, mas como é que se trilha esse caminho?

Bom, eu não faço ideia… Quer dizer, eu até faço, mas faço do meu jeito, buscando aquilo que é felicidade para mim, entre um gole ou outro de café, penso naquilo que ME motiva e que faz sentido para MIM.

Como já estamos ficando amigos, vou te dizer um pouco do que faço para me dedicar a ser feliz:

-Pequenas coisas que me dão prazer todos os dias e as faço com muita consciência que aquele momento é importante. Uma volta com meu cachorro, por exemplo, ou um café que tomo sentindo seu aroma e até mesmo olhar alguma coisa que eu acho bonita, coisas simples, mas que feitas com consciência deixam minha rotina mais feliz.

Me desafio a fazer ou pensar algo novo todos os dias e isso pode ser simplesmente ir para o mesmo local por um outro caminho, ou ver alguma situação com um olhar diferente. A única coisa que eu ainda não consegui fazer é pedir pratos diferentes no mesmo restaurante. Essa vai ser a missão desta semana!

Me exercito. Não importa o quanto, onde ou a que horas. Em qualquer atividade que eu esteja, procuro fazer com dedicação e de forma que aquele trabalho tenha um impacto positivo na vida de outra pessoa. Pensar no bem do outro pode ser fascinante. E principalmente: eu me levo muito pouco a sério.

E você? Sim, você! Me conte, o que VOCÊ fará hoje para se sentir feliz? E mais, o que é felicidade para VOCÊ?

Felicidade? O que é isso?

Felicidade? O que é isso?

Por Gustavo Horta

(Gustavo Horta é Life Coach especializado em mulheres, faz parte da Woman To Be. Mediador de conflitos, é profissional que atua há mais de 20 anos em relações humanas por acreditar e investir no contínuo aperfeiçoamento dos indivíduos. Tem ampla experiência em Recursos Humanos, Gestão de Projetos em Cultura e Esportes, Comunicação Institucional e Captação de Recursos. E acredita que mulher feliz é aquela que manda no seu próprio nariz. E-mail: gustavohshorta@gmail.com , Instagram: @gusiho, Linkedin: Gustavo Horta, Twitter: @gustavohorta )

Sobre a WTB: A Woman To Be é uma empresa de coaching para mulheres que buscam a autorrealização através de escolhas mais assertivas para alcançar o equilíbrio em todas as áreas da vida. Os programas desenvolvidos e aplicados com metodologia própria Woman To Be proporcionam condições para que a mulher seja a grande líder e protagonista de sua própria história.

, , ,

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Publicação: 17 de abril de 2017

AUTOR

Gustavo Horta é Life Coach especializado em mulheres, faz parte da Woman To Be. Mediador de conflitos, é profissional que atua há mais de 20 anos em relações humanas por acreditar e investir no contínuo aperfeiçoamento dos indivíduos. Tem ampla experiência em Recursos Humanos, Gestão de Projetos em Cultura e Esportes, Comunicação Institucional e Captação de Recursos. E acredita que mulher feliz é aquela que manda no seu próprio nariz. E-mail: gustavohshorta@gmail.com , Instagram: @gusiho, Linkedin: Gustavo Horta, Twitter: @gustavohorta ) Sobre a WTB: A Woman To Be é uma empresa de coaching para mulheres que buscam a autorrealização através de escolhas mais assertivas para alcançar o equilíbrio em todas as áreas da vida. Os programas desenvolvidos e aplicados com metodologia própria Woman To Be proporcionam condições para que a mulher seja a grande líder e protagonista de sua própria história.

COMENTÁRIOS

DESCONTOS & BENEFÍCIOS

Leia o post anterior:
casamento dusty rose dstq
Casamento – Dusty Rose é a cor em alta para as cerimônias de 2017

A cor rosa significa romantismo, ternura, delicadeza e suavidade. É a cor das emoções, dos afetos, da compreensão e do...

Fechar