Reflexões sobre o certo, o errado e o enigma

Reflexões sobre o certo, o errado e o enigma

Recebi um email com uma pergunta simples e muito objetiva:
–  É errado beijar um e transar com outro?

Suzana tem dezessete anos e me parece que sua pergunta traz um pedido de autorização.

Tanto o errado quanto o certo são apenas pontos de vista. E sempre fazemos o que fazemos porque dentro do nosso contexto, parece o certo. Só descobrimos que é errado quando o resultado não nos foi favorável. Ninguém de “saída” faz errado de propósito, temos sempre nossas próprias justificativas para agir como agimos.

A dúvida de Suzana é fantástica porque o que parece simples demais, na verdade traz um perturbador embate moral: “sou ou não sou uma garota fácil?”, “O que vão pensar de mim?”. A cada embate, uma resposta vem de encontro com aquilo que queremos, como: “Ninguém tem nada a ver com o que faço da minha vida” ou “Sou eu quem pago minhas contas.”, etc.  No fim, estes confrontos internos de respostas positivas e negativas convergem para o que desejamos mais intimamente.

Reflexões sobre o certo, o errado e o enigma

Entretanto, a dúvida de Suzana é uma questão de entendimento do dilema. Por que alguém faria algo com um, e outra coisa com outro? Simples. Nenhum dos dois é realmente importante para ela, não o suficiente… Assim fazer parte com um, parte com outro parece complementar uma deficiência.

A coisa começa a se complicar se pensarmos em qual das partes está realmente deficiente. Alguém completo não olha para o lado, não se interessa por outro alguém a todo o momento, não se anima com uma cantada barata, simplesmente porque se está completo!

Não há como preencher o vazio se a mudança não partir daquele que está à procura. Não tem como encontrar fora o que está faltando dentro de si. Toda vez que nos afastamos de nós mesmos, na esperança de encontrar no outro o que nos falta, encontramos sempre alguém tão alquebrado quanto nós. A parte boa é que o inverso também é verdadeiro.

Com isso Suzana, pontuar o certo ou errado na sua questão vai refletir apenas o que está dentro de cada um. Haverá pessoas que compartilham com você o “sim” e outras que completamente reprimidas farão o sinal da cruz, como vê é apenas um ponto de vista. Entender o enigma é a verdadeira saída.

Reflexões sobre o certo, o errado e o enigma

Por Vinícius Moura

Publicação: 17 de setembro de 2010

AUTOR

Vinicius é empresário do setor de auto-peças.

COMENTÁRIOS

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

Leia o post anterior:
SUNKISSED-JLO
Jennifer Lopez na campanha mundial do perfume Sunkissed Glow

Jennifer Lopez reinventa o seu lado mais sensual e dá continuidade ao sucesso dos seus perfumes ao redor do mundo....

Fechar