Tecidos mega-inteligentes

 Tecidos mega inteligentes

O desenvolvimento de tecidos luminosos é hoje uma prática pela indústria têxtil e de vestuário que busca não só novas tecnologias, mas principalmente aplicações inovadoras.

Uma nova geração de tecidos luminosos promete gerar grandes mudanças na forma como usamos o vestuário, os acessórios de moda e os objetos de decoração. O papel de parede interativo é uma das expressões mais atuais desta tendência, tal como ilustra o projeto “notsowhitewalls” do designer Dario Bruzzini. Este projeto, para aplicação em paredes, traduz-se numa superfície flexível capaz de reproduzir diferentes cores. Quando ligado a um computador, este “papel” de parede funciona como uma tela gigante que assume um número infinito de padrões virtuais.

A “moda” dos tecidos luminosos foi lançada pela francesa Lumigram, cuja tecnologia assenta em fibras ópticas monocromáticas. Mas foi com o projeto Lumalive da Philips que a “moda” virou fenômeno.

Tecidos mega inteligentes

Não sendo novo, o conceito Lumalive destaca-se pela tecnologia utilizada e, sobretudo, pelo tipo de aplicações propostas: desde peças de decoração que buscam novas experiências emocionais e estéticas até soluções inovadoras para as áreas da segurança e da publicidade.

Comum a estes produtos é a aplicação de LEDs (Díodos Emissores de Luz) multicoloridos, incorporados em tecidos. De acordo com a Philips, estes blocos de LEDs são à prova de líquidos e facilmente removíveis quer para lavagem dos tecidos quer para recarga das baterias.

O Lumalive Couch é uma das primeiras realidades do inovador projeto da Philips. Trata-se de um sofá com blocos de LEDs integrados que pode ser utilizado como peça para fins informativos ou como objeto decorativo e fonte de novas emoções audiovisuais, já que é capaz de reproduzir cores diferentes consoante a luminosidade do espaço, a música selecionada ou até o estado de espírito da pessoa que aí se senta.

A utilização de tecidos fotônicos para concepção de vestuário e acessórios de moda é outra das vertentes do Lumalive. Apesar de oferecer soluções que podem ser usadas no mercado do grande consumo e mesmo em criação artística, é principalmente no segmento profissional que a Philips aposta mais. Do leque de soluções apresentadas contam-se t-shirts para campanhas de marketing, capazes de reproduzir logotipos, animações e sucessões de cores ou pequenos blocos de texto animado. Para a fase seguinte, a empresa prevê criar vestuário e acessórios destinados ao mercado da segurança e proteção, nomeadamente para proteção civil e segurança rodoviária.

Edição: Redação MultiArte

Leia mais aqui e veja vídeo aqui.

Publicação: 1 de agosto de 2007

COMENTÁRIOS

DESCONTOS & BENEFÍCIOS

Leia o post anterior:
giselecapavanity
‘Vanity Fair’ traz filme com ensaio sensual de Gisele Bündchen

  SÃO PAULO - "Tente, se você puder, achar uma revista de moda que não tenha imagens de Gisele Bündchen". É o...

Fechar