Todos os anos surgem diversas novidades no mundo da arquitetura e decoração. As vezes são apenas novas linhas e questões estéticas, e as vezes são elementos funcionais que ajudam na correria do dia a dia. Porém, quando se fala de calha úmida, é uma junção dos dois.

Isso porque além de dar um aspecto muito mais organizado e clean na bancada da cozinha, a calha úmida é basicamente um escorredor embutido. E, assim, oferece a mesma funcionalidade do que o objeto tradicional.

Portanto, se você está pensando em adicionar uma calha úmida na cozinha, é importante tomar conhecimento de algumas informações básicas. Dentre elas estão:

  • O que é calha úmida?
  • Para que serve calha úmida?
  • Vantagens x desvantagens
  • Como fazer uma calha úmida?

Esta última trata-se de um fator importante na hora de construir ou reformar: a economia e o faça você mesmo, conhecido também como DIY.

O que é calha úmida?

Pia de cozinha com calha úmida de inox.
Fonte: Instagram @xteel_kitchen

Basicamente, a calha úmida é a mesma coisa do que um escorredor embutido. Ou seja, trata-se de uma cuba pequena que fica instalada próxima a pia da cozinha, só que mais larga.

Existem diversos modelos desse produto disponíveis no mercado sendo que a maioria são feitos de aço inox, que oferece maior durabilidade e combina com a própria pia.

Além disso, a profundidade média é de 14 cm, o que permite que haja espaço suficiente para o escoamento de água por uma válvula. Geralmente, a saída é instalada junto ao sifão tradicional da cozinha, para que haja apenas um canal.

Dependendo da utilidade da calha úmida, é possível adicionar diferentes tipos de acessórios, que servem para segurar a louça com otimização do espaço. Por exemplo, existem porta talheres, porta pratos que são coringas.

Por outro lado, existem também os multifuncionais que servem para os demais utensílios.

A imagem a seguir mostra alguns dos mais comuns oferecidos pela Tramontina:

Tipos de acessórios para calha úmida.
Fonte: Divulgação Tramontina

Para que serve a calha úmida?

Espaço para plantas e temperos na bancada.
Fonte: Instagram @xteel_kitchen

A cozinha é o cômodo que mais requer praticidade na casa. Afinal, com a correria do dia a dia, fica difícil ficar organizando o espaço o tempo todo, especialmente a bancada.

Além disso, são muitos itens expostos no ambiente como os eletrodomésticos e acessórios que podem acabar poluindo visualmente o ambiente.

Pensando em todos esses aspectos, a calha úmida oferece um conceito planejado, organizado e funcional na cozinha. Isso porque além de não perder a eficácia necessária do ambiente, o recurso deixa o local mais clean.

Principalmente nas cozinhas integradas com sala de estar ou jantar, é importante um conceito minimalista para que não haja cansaço visual e que otimize o espaço.

Geralmente, a calha úmida é utilizada para escorrer as louças. Porém, ela pode ganhar várias outras funções como escorrer os alimentos que foram higienizados, por exemplo. Além disso, há quem goste de deixar um cantinho para os temperos ou para uma pequena horta.

Como resultado, os itens mais utilizados ficarão ao alcance das mãos.

Como fazer uma calha úmida?

Calha úmida atrás da pia.
Fonte: Instagram @danyelacorrea.arq

Em primeiro lugar, é preciso ter em mente o local perfeito para a instalação. O escorredor embutido é instalado na própria bancada a partir de um corte feito sob medida que permite fixar perfeitamente a peça sobreposta.

Vale destacar que é preciso um planejamento antes da instalação. Afinal, é essencial que haja escoamento ligado ao esgoto e para isso, a bancada necessita ter mais de 60cm de profundidade, que é o tamanho padrão.

Já a posição e o local da instalação vai depender dos moradores. Geralmente, fica localizada ao lado ou atrás da cuba. Porém, pode ficar na horizontal ou vertical e centralizada ou não. Antes de escolher, vale a pena conversar com um profissional da área para que a cozinha fique moderna e prática.

Vantagens x desvantagens

Cuba dupla na cozinha.
Fonte: Instagram @miniape.602

Apesar de possuir muito mais vantagens do que desvantagens, é importante saber o máximo de informações sobre a calha úmida antes de comprá-la.

Vantagens:

  • Libera espaço na bancada
  • Deixa a cozinha mais organizada
  • Facilita a higienização
  • Personalização
  • É discreta
  • Integra a decoração

Desvantagens:

  • Preço elevado

Fotos de inspiração

Cozinha preta e branca.
O primeiro modelo apresenta uma calha úmida na lateral da cuba. Essa técnica é indica para quem tem uma banca estreita e não cabe o escorredor na parte de trás da pia. Fonte: Instagram @acasadaclaraboia

Lixeira e escorredor embutidos na cozinha.
Neste projeto, além da calha úmida, mais ao fundo da foto há também uma lixeira embutida. Perceba em como os elementos ficam discretos e harmônios na decoração por combinarem entre si. Fonte: Instagram @paulawaichel_arquitetura

Cozinha pequena com calha úmida.
Olhando por um novo ângulo percebe-se a diferença que um escorredor embutido faz no cômodo. Além disso, nesta cozinha pequena o espaço fica otimizado e a área serve ainda para abrigar uma pequena suculenta. Fonte: Instagram @danielfimenezeng,decor

Calha úmida de aço inox.
Por outro lado, ao invés de fazer um novo buraco na bancada para instalar a calha úmida, os moradores apostaram na integração com a própria cuba. Como resultado, há uma praticidade maior na hora de caber o recorte na bancada. Fonte: Instagram @estudiofluss

Parede e bancada com o mesmo revestimento.
Aqui vai mais um exemplo de cuba e lixeira embutidos. Vale destacar que quanto mais as cores da decoração forem neutras, mais discreto ficará esses objetos. Fonte: Instagram @marmoraria.pedrabranca

Cozinha americana com calha úmida.
Uma cuba diferente pode oferecer ainda mais praticidade para os moradores. Porém, tudo dependerá da sua necessidade. Além disso, quanto maior ela for, maior deverá ser a extensão da torneira para que ela alcance não apenas o interior da cuba e da calha, mas também do balcão. Fonte: Instagram @home.712

Calha úmida pequena.
Há quem goste de lavar a louça e já secar e guardar. Porém, se você não tem tempo no dia a dia para manter 100% da organização, veja como a calha úmida mantém a cozinha organizada até mesmo quando a louça não está seca. Fonte: Pinterest

Modelos diferentes

Azulejo que imita madeira.
Outra opção de instalação muito requisitada é rente a parede. Isso porque não ocupa as laterais da bancada, otimizando o espaço. Porém, é preciso ter uma bancada feita sob medida para que a profundidade seja maior do que o tamanho padrão. Fonte: Instagram @houseup.art

Cuba com mesmo material da calha úmida.
Neste caso, além do escorredor de pratos, copos e talheres, tem também o um espaço exclusivo para a bucha e o sabão. Além disso, ao invés do aço inox, os moradores apostaram em um recurso feito de pedra para combinar com o restante da bancada e manter o espaço ainda mais discreto. Fonte: Instagram @arteestilosuperficies

Calha úmida elevada

Calha úmida elevada.
A calha úmida elevada é uma opção bastante requisitada. Porém, é preciso ter em mente que haverá um gasto extra com a pedra para complementar o balcão. Fonte: Instagram @veronicapruxinteriores_

Decoração com planta.
Quem a prefere diz que a vantagem é o alcance, especialmente quando ela é instalada atrás da cuba. Neste caso, os moradores incluíram na área um dispenser de detergente. Como resultado, além de ficar visualmente mais agradável, o recurso ajuda a economizar o produto. Fonte: Pinterest

Calha úmida com mise en place.
Além disso, com planejamento é possível acrescentar vários outros acessórios na calha. Por exemplo, faqueiro, porta temperos e até mesmo vasilhas para o mise en place. Fonte: Pinterest

Escorredor embutido com planta

Calha úmida com plantas.
Se você é fã de plantas e tem vontade ter uma horta em casa, saiba que a calha úmida é uma opção sustentável de mantê-las sempre hidratadas. Isso porque a água que escorre da louça passa pelo vasinho e caso ele seja furado embaixo, a terra ficará molhada por mais tempo. Fonte: Instagram @leorosa_arq

Cuba rebaixada.
Aqui vai uma ideia bastante diferenciada de um escorredor embutido. Além das calhas encaixadas no balcão, a pia é um pouco mais profunda do que o normal. Esse recurso oferece a oportunidade de acrescentar acessórios do objeto dentro da própria cuba de forma temporária. Fonte: Pinterest

Cozinha estreita com móveis escuros.
Neste caso, exemplificamos o quão espaçoso uma cozinha pequena fica sem a louça em um escorredor tradicional. Além disso, a bancada escura deixou o aço inox quase imperceptível. Fonte: Instagram @atelie_livia_lopes

Conclusão

A calha úmida é um recurso utilizado para otimizar espaço e deixar a cozinha mais organizada. Porém, é preciso ter planejamento para tê-la.

Afinal, os recortes na pedra devem ser feitos sob medida para que não haja desperdício.

Ademais, também é possível incrementar a decoração com o toque verde das plantas ou colorido dos temperos.