Emmy 2020 tem recorde de vitórias por atores negros e marca história

Cerimônia virtual premiou sete artistas e superou as vitórias por atores negros no ano de 2018. Conheça os nomes que levaram a estatueta e mais detalhes sobre o Emmy Awards 2020.

224

- Continue depois da Publicidade -

As vitórias por atores negros possui um grande significado para a história da premiação televisa. Sete artistas negros levaram o Emmy 2020 e superaram as vitórias do ano de 2018.

O evento já havia batido recorde nas indicações, com 34.3% nomeados negros. No entanto, levaram a estatueta: Eddie Murphy , Maya Rudolph, Ron Cephas Jones, Regina King, Yahya Abdul-Mateen ll, Uzo Aduba e Zendaya.

Lista completa dos vencedores do Emmy 2020.

A representatividade negra no Emmy 2020

Emmy 2020 remotamente
Foto/Reprodução

Apresentado por Jimmy Kimmel, a cerimônia entregou uma experiência diferente e dinâmica ao público, que estava curioso para saber como seria a premiação realizada virtualmente.

A princípio, o evento fez sucesso com a produção inovadora e uma plateia formada por 138 telas. No entanto, as discussões sociais tornaram a noite especial, deixando de ser apenas uma ocasião glamourosa e se tornando um momento de reflexões sociais.

Em junho deste ano, a Academia de Televisão já havia se posicionado em sua página oficial do Twitter ao publicar “As vidas negras importam. As histórias negras importam.”, como uma forma de informar a conscientização da instituição.

 

O apelo através das vitórias por atores negros

Durante a entrega do prêmio, Regina King e Uzo Aduba utilizaram camisetas com o rosto e o nome de Breonna Taylor. Uma afro-americana de 26 anos atingida a tiro por policias em Louisville, Kentucky, em março deste ano.  Dessa forma, chamaram atenção ao caso.

Além disso, Yahya Abdul-Mateen II, que participa na série Watchmen, frisara, dias antes do evento, que “não há escassez de talento dentro da comunidade negra”.

 

Os vencedores e representantes da cultura negra

Watchmen da HBO, garantiu o Emmy de melhor minissérie. O longa que trata do racismo e a necessidade de reparação histórica, conquistou estatuetas para seus dois protagonistas, Regina King (Angela Abar) e Yahya Abdul-Mateen II (Cal Abar).

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Watchmen vencedora Emmy
Foto/Reprodução

Zendaya (por Euphoria) também marcou o Emmy por ser a atriz mais jovem a ganhar a premiação. Afinal, com apenas 24 anos, já acumula algumas participações importantes em séries e filmes.

Euphoria Emmy Zendaya
Foto/Reprodução

“Este é um momento muito estranho para comemorar, mas eu só quero dizer que há esperança nos jovens lá fora”, disse ela ao aceitar o prêmio remotamente.”

Igualmente, as estatuetas douradas foram entregues a  Uzo Aduba (Mrs. America), Eddie Murphy, Maya Rudolph e Ron Cephas Jones – este último venceu um Emmy de melhor ator convidado.

O herói negro também foi lembrado

Posteriormente, Chadwick Boseman foi homenageado no“In Memoriam”, apresentado por H.E.R, que cantou Nothing Compares 2 U, de Sinéad O’Connor. O ator e protagonista de ‘Pantera Negra’,  possuía grande representação de talento negro na Marvel e na cultura nerd.

Chadwick lutava contra um câncer no cólon desde 2016, mas infelizmente não resistiu e morreu aos 43 anos. Confira a apresentação:

O que esperar da diversidade após premiação?

Emmy 2020 bate recorde de negros
Foto/Reprodução

Em conclusão, o presidente da organização de justiça social Color of Change, o cenário é positivo. Assim, abre portas para outros negros, asiáticos e latinos,  moldando até mesmo percepções além do mundo do entretenimento.

“O que esses prêmios representam é a maneira da indústria de criar um sistema de de entrada para as pessoas, de acesso a empregos e oportunidades”, declarou Rashad Robinson.

 

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

- Continue depois da Publicidade -