Beth Salles apresenta as tendências em acessórios no Senac Moda Informação Inverno 2011

17


Flores, laços e dourado para os acessórios do Inverno 2011. Foto: Glamour Paraguaio

O Senac Moda Informação Inverno 2011, que aconteceu recentemente no Memorial da América Latina, ofereceu diversas palestras sobre as principais tendências para a estação.

Beth Salles foi a responsável por apresentar as apostas em acessórios para o Inverno 2011. De acordo com ela, os ícones da estação são os laços e as flores. Na cartela de cores Beth destacou os cinzas, os rosas – desde o rosa bebê até o fúcsia, lilases e roxos, e o vermelho, que deu uma escurecida e aparece como bordô.

Entre os sapatos, Beth Salles ressaltou a importância dos oxfords, meia pata, peep toes e tamancos. O verniz aparece em todos os calçados e acessórios.


Sapatilhas com todo o tipo de cabedal, usados com ou sem meia.


O mocassim aparece com meia pata, muitas costuras em cores contrastantes e linhas mais grossas. Mocassim de camurça com franjas, com saltos altos ou baixos, quadrados ou redondos.


Oxfords: São obrigatórios, segundo Beth Salles. Coloridos ou não, em tweed ou lã.


Sapato boneca: muito bico redondo, agora com uma “arrebitada” na ponta. Beth lembra que o público jovem usa muito esse tipo de bico, que aparece em todos os materiais.


Scarpins: com bico redondo e em meia pata. Scarpins aparecem trabalhados com tachas, metais, strass e feitos também de moletom.


“Meia pata bastante presente assim como anabella e os sapatos sem salto nenhum, totalmente flat”, ressalta Beth.


Sapato Chanel: com bico fino, salto alto ou médio, salto agulha, com cabedal trabalhado ou não.


Peep toes: obrigatórios, segundo Beth. Em vários materiais e com muitos laços.


Abotinados: são fortes para a estação. Aparecem com amarrações e tiras.


Sandálias: ainda aparecem trançadas, com metais e muitas tiras.


Sandálias bem finas, totalmente anos 50.


Para a noite, sandálias de cetim, com biqueiras trabalhadas, detalhes de viés e muita pedraria.


Patchworks bastante presentes e franjas diferentes.


Tamancos: obrigatórios, de acordo com Beth. Plataforma, anabella ou salto bem largo. Os cabedais também aparecem com tachas e pelos.


Sapatos abotinados e botas com ar totalmente retro, feitos de lã e materiais diferentes.


As botas aparecem mais limpas, com peles, muitas amarrações, tiras, botas peep toe cheias de metais e detalhes diferentes como uma pala que vira.

Você também pode gostar!

Beth Salles comenta que as principais bolsas para o Inverno 2011 são as bolsas carteiras, transversais, maletas e doctor’s bag, mochilas, bolsa saco e micro carteiras.


Bolsas de mão com estilo minimalista e couro trabalhado.


Os sacos voltaram, mais arredondados, com detalhes de franja ou tachas.


Bolsas transversais com pele.


Mochilas e pochetes também aparecem.


Bolsas pequenas e estruturadas, com detalhes de metal.


Bolsas de festa com bastante pedrarias e detalhes de strass e lantejoulas.

Uma característica do Inverno 2011 é a cintura bem marcada. Beth Salles destaca os cintos finos, mas lembra que os cintos médios e as faixas também estão presentes. Um detalhe são os nós e laços na cintura.


Cintura bem marcada e muitos cintos finos, mas ainda se vê os cintos médios e as faixas largas.

Para as bijuterias o banho continua sendo o ouro velho, ouro e níquel. Muitos laços e flores, correntes e emaranhados.


Golas com metais, couro e pedrarias.


Colares compridos continuam em alta e aparecem com uma mistura de tecidos com metais.


Brincos aparecem pequenos e grandes, tipo candelabros, com pedras, cheios de laços e flores.


Nos broches, muitas flores, laços, águias e condecorações.


Braceletes em couro com metais e pedras.


Beth ressalta que as mulheres brasileiras adoram acessórios de cabelo, com penas e plumas.


Segundo Beht, golas são obrigatórias e capazes de transformar vários looks.


Maxi cachecóis feitos com lã bem grossa.


Meias bem grossas, polainas em pele.


Óculos gatinho, degradê e aviador.

Leia aqui a matéria completa sobre as tendências para o Inverno 2011.

você pode gostar também