Fashion-Rio Inverno 2009: “Rio, Caleidoscópio Cultural Brasileiro” e Line-up

121

- Continue depois da Publicidade -

ac-arcos-da-lapa

O primeiro grande evento de moda do ano, o Fashion-Rio, acontecerá entre os dias 11 a 16 de janeiro, na Marina da Glória, e trará um tema aproximadamente igual ao do seu primo mais velho (SPFW), que é a questão do hibridismo cultural brasileiro.

Enquanto os paulistas celebram a brasilidade de modo geral, representada pelo ícone Carmem Miranda, fica a cargo dos cariocas trabalharem o tema “Caleidoscópio Cultural Brasileiro”, através daquele que, talvez, seja um dos cartões postais mais marcantes da cidade: o bairro e os arcos da Lapa.

O evento trouxe a Lapa para o mundo da moda, porque o bairro permite a convivência de diversos estilos e linguagens, traduzindo o tema proposto desta edição.

Em carta aberta ao público, o Fashion-Rio fala sobre o motivo da escolha da Lapa como representante do tema desta 14º edição.

“O Rio não é somente o principal cartão postal brasileiro. Ele é, também, a nossa capital artística e a que melhor traduz as diversas influências culturais que o Brasil sofreu.

Com seu caráter democrático, a cultura carioca promove a convivência do popular com o erudito. Do novo com o antigo. Do techno com o acústico, ou o retrô.

Montanha com o mar na paisagem. Judeus com árabes no comércio. A mistura e a cultura da fusão de outras culturas, encontram no Rio território fértil para o crescimento de diversas manifestações estéticas, que traduzem o inconsciente coletivo de todo o país.

Um bom exemplo de tudo isso é a Lapa: território de renovação cultural e artística; convivência democrática de diversas linguagens; ponto de convergência de diversas gerações e múltiplas atrações.

Retrato bastante atual do mundo globalizado e da luta de todos nós para sermos atualizados, porém, não descaracterizados.

Sermos modernos, sem perder nossa própria identidade e buscarmos nossa própria interpretação para tudo o que nos é proposto.

A Lapa é uma boa representação de tudo isso.

E é por isso que está na moda.

E é por isso que a trouxemos para o mundo da moda.

Porque esse é o exercício que todos os estilistas e designers brasileiros fazem hoje: tentando traduzir o mundo sem perder a conexão com a nossa própria realidade. Com o inconsciente coletivo do povo brasileiro, que, por si só, já nasceu conectado com diversas culturas e conseguiu ser um, mesmo sendo muitos”. (Fashion-Rio)

Bairro da Lapa: História e curiosidades

arcos_da_lapa

“O bairro da Lapa, no Rio de Janeiro, conhecido como berço da boemia carioca, também é famoso pela arquitetura, a começar pelos Arcos, conhecidos como Arcos da Lapa, construídos para funcionarem como aqueduto nos tempos do Brasil Colonial e que agora servem como via para os bondinhos que sobem o morro de Santa Teresa.

Nos últimos tempos, o paisagismo da Lapa sofreu significativas alterações. Onde era o Largo dos Pracinhas (uma praça anexa aos arcos), hoje existe um enorme Circo Voador.

A Rua dos Arcos, que atravessa o aqueduto, era um via ocupada por edificações centenárias, entre elas a Fundição Progresso, que hoje é uma casa de shows. O bairro nasce no final da zona sul, quando a Rua da Glória torna-se Rua da Lapa. Também faz limite com o bairro de Santa Teresa, subindo suas ladeiras e o pequeno bairro de Fátima.

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Ponto de referência para os amantes da vida noturna, uma das características marcantes do bairro é a harmonia com que convivem as mais diversas tribos musicais. Desde os anos 1950, quando era chamado de “Montmartre Carioca”, a Lapa é palco de encontros intelectuais, artistas, políticos e, principalmente, do povo carioca, que ali se reúne para celebrar o samba, o forró, a MPB, o choro e mais recentemente, a música eletrônica e o rock.

Por suas principais vias, Mem de Sá, Rua do Riachuelo e Rua do Lavradio, espalham-se atrações como a Sala Cecília Meireles, que é considerada a melhor casa para concertos de música de câmara existente no Rio.

O Passeio Público, a Escola Nacional de Música e a Igreja de Nossa Senhora da Lapa do Desterro são referências para o turista que quer ver uma boa amostra da arquitetura do Rio antigo.

Como destaque da noite, existe o famoso forró Asa Branca, os bares Semente e Ernesto, palcos do autêntico chorinho e, também, o Rio Scenarium, além do Carioca da Gema, onde reinam absolutas as rodas de samba. Recentemente, foi inaugurada a gafieira Lapa 40 Graus, na Rua do Riachuelo, ao lado do Clube dos Democráticos…”

Leia artigo completo sobre o bairro no Wikipédia.

A escadaria de Selarón

505_vista_geral

“Jorge Selarón, pintor autodidata, nasceu no Chile em 1947. Sempre aventureiro viajou para vários países. Durante um período, foi professor de tênis para se sustentar. No entanto nunca abandonou a pintura, tendo participado de inúmeras exposições na Europa, México, Nova York, Índia, Panamá e outros lugares.

Sua obra pictórica é representada por milhares de quadros. Uma de suas particularidades é retratar “mulheres negras grávidas”, (por um problema pessoal diz ele)…”

Saiba mais sobre esta curiosidade em Mosaico Selarón na Lapa.

A boêmia Lapa

No site Lá na Lapa, se pode saber tudo que acontece no bairro. Ele tem programações, mapa cultural da Lapa, notícias, promoções, casas, bares e restaurantes.

campanha_ii

Line-up Fashion Rio Outono/Inverno 2009

Dia 11 de Janeiro – Domingo
17:00 – Lilica Ripilica – Salão Copacabana
19:30 – Santa Ephigênia – Salão Ipanema
20:30 – Walter Rodrigues – Salão Corcovado

Dia 12 de Janeiro – Segunda-feira
11:00 – Redley – Externo
16:00 – Novos Estilistas: Giulia Borges e Homem de Barro – Salão Ipanema
17:00 – Coven – Salão Copacabana
18:00 – Mara Mac – Salão Corcovado
19:30 – Melk Z-da – Salão Ipanema
20:30 – Alessa – Salão Copacabana
21:30 – Tng – Salão Corcovado

Dia 13 de Janeiro – Terça-feira
16:00 – Novos Estilistas: Filhas de Gaia e Koolture – Salão Ipanema
17:30 – Tessuti – Salão Copacabana
18:30 – Maria Bonita Extra – Salão Corcovado
20:00 – Cavendish – Salão Ipanema
21:30 – Victor Dzenk – Salão Corcovado

Dia 14 de Janeiro – Quarta-feira
11:00 – Printing – Externo
17:00 – Marcella Virzi – Salão Ipanema
18:00 – Cláudia Simões – Salão Copacabana
19:30 – Cantão – Salão Corcovado
20:30 – Apoena – Salão Ipanema
21:30 – Graça Ottoni – Salão Copacabana

Dia 15 de Janeiro – Quinta-Feira
15:30 – Rio Moda Hype – Salão Copacabana
17:00 – Acquastudio – Salão Ipanema
18:00 – Espaço Fashion – Salão Corcovado
19:30 – Auslander – Salão Copacabana
20:30 – Elisa Chanan – Salão Ipanema
21:30 – Juliana Jabour – Salão Corcovado

Dia 16 de Janeiro – Sexta-Feira
12:00 – FedEx Global to Access Fashion Event – Fashion Business
15:00 – Rio Moda Hype – Salão Corcovado
16:00 – Francisca – Salão Ipanema
17:00 – Ivan Aguilar – Salão Copacabana
18:30 – Kylza Ribas – Salão Ipanema
19:30 – Márcia Ganem – Salão Copacabana
20:30 – Complexo B – Salão Corcovado

Fontes: Wikipédia, Fashion-Rio, Lá na Lapa, Mosaico Selarón na Lapa

Por Diego Carvalho

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

- Continue depois da Publicidade -