Fast fashion: entenda mais sobre esse conceito - Fashion Bubbles

O que é fast fashion? Descubra a origem deste conceito

Em um mundo cada vez mais conectado e com necessidades de uma rotina muito rápida e agitada, a moda não poderia escapar ao novo perfil de consumidor que surgiu junto com ele. E assim nasceu o conceito de fast fashion, que dominou o setor da moda de maneira geral, com foco especial para as pessoas de renda baixa e média.

Portanto, a fast fashion acompanhou o perfil de consumidor que compra em grande quantidade, e quer um produto mais barato. Pois, esse é o mesmo perfil de consumidor que impulsionou o nascimento do fast food, por exemplo.

Agora, com essa comparação ficou mais fácil tentar entender o que é o conceito de fast fashion, não é? Mas se você ainda está se perguntando o que é essa tal fast fashion, não se preocupe, pois nós vamos te explicar direitinho! Então, confira a seguir.

 

Qual é o significado de fast fashion?

 

Fonte: Pinterest

 

De maneira básica, o termo “fast fashion” veio da língua inglesa e significa literalmente “moda rápida”. Assim já dá pra ter uma ideia melhor do que é esse conceito e como ele ocorre na prática no mundo da moda, certo?

Pois bem, a fast fashion veio para suprir uma demanda de moda cada vez mais diversificada e ampla. E foi através da fast fashion que a indústria da moda conseguiu crescer e se preservar como uma das maiores do mundo, mantendo o crescimento constante.

E é por conta da fast fashion que temos tantas lojas de departamentos e grandes lojas especializadas em moda rápida de amplo consumo, como a C & A e a Riachuelo, por exemplo.

Os próprios Shoppings, por exemplo, nasceram por conta da necessidade de concentrar lojas e produtos para agilizar e facilitar as compras para os consumidores. Portanto, a moda segue a mesma tendência.

Assim, os modelos de roupas, acessórios e sapatos são fabricados rapidamente e em larga escala. Mas também são descartados e substituídos com a mesma rapidez da sua fabricação.

Então, toda a vez que você precisa de um modelo de roupa específico, e já encontra ele pronto em alguma loja, você está consumindo fast fashion. Além disso, note como a moda trabalha com coleções que se substituem rapidamente, uma atrás da outra. O que é mais uma característica da moda rápida.

Mas, de onde apareceu essa tal de fast fashion afinal? Pois, nós vamos explicar, então continue lendo se está com curiosidade de saber as origens desse modelo de produção e consumo rápido de moda. 

 

 

Quando surgiu a fast fashion?

 

Fonte: Pinterest

 

A fast fashion é um conceito de moda que surgiu bem recentemente, junto com a aceleração em geral da nossa sociedade. Ou seja, com a industrialização e o capitalismo.

Pois antes disso, até o século 18, adquirir uma roupa era algo demorado e muito caro. Já que você precisaria de várias fases para ter em mãos a sua roupa pronta:

  • ter em mente um modelo para a confecção da roupa;
  • adquirir os tecidos; 
  • contratar os serviços de uma costureira ou alfaiate;
  •  tirar as suas medidas;
  • fazer provas de roupa à medida que ela era produzida.

Viu só como era um processo complicado? E também com certeza não era muito acessível para todas as pessoas, fazendo da moda algo acessível apenas aos ricos. E isso só foi alterado quando a forma de produzir as roupas começou a mudar.

Por exemplo, primeiro foram os teares automáticos e depois a invenção das máquinas de costura que agilizaram muito a produção e baratearam o custo da roupa. Assim, a moda ficou acessível para as classes de menor renda.

Mas o conceito de “fast fashion”, ou moda rápida, só iria surgir em 1990, com o auge da mão de obra e matéria prima baratas. E foi nessa época que grandes lojas do fast fashion surgiram, como:

  • Zara;
  • H&M;
  • Topshop

E essas lojas se especializaram em produzir moda barata e rápida, que lembrasse o estilo da moda de alta costura. Porém, a rapidez e o barateamento custaram também a qualidade dos produtos, que não tem a mesma durabilidade de antes.

No Brasil, lojas como Renner, Riachuelo, C&A e Pernambucanas são as principais representantes do conceito de fast fashion.

 

Como a moda rápida está relacionada à sua realidade?

 

Fonte: Pinterest

 

O fast fashion foi a responsável por levar a moda para todas as pessoas ao redor do mundo. Já que foi com a grande produção e o barateamento dos produtos que a maioria das pessoas de renda mais baixa começou a ter acesso ao mundo da moda e das tendências.

Porém, outros impactos negativos da fast fashion começam a aparecer. Pois em relação ao planeta, a produção em larga escala transformou a indústria da moda rápida na segunda mais poluente do mundo, o que tem originado temos como moda consciente.

Além disso, foi através da fast fashion que tecidos sintéticos e derivados de combustíveis fósseis foram criados. E estes tipos de tecido são grandes poluentes desde a sua fabricação, aumentando a emissão de carbono e o plástico nos oceanos. E também, o consumo rápido leva a um grande descarte de produtos. Dessa forma, o fast fashion transformou a moda de algo caro e durável, em algo barato e descartável. 

E pelo lado social, a fast fashion tem sido responsabilizada por grande uso de mão de obra precarizada ou escrava, para baratear ainda mais o valor do produto final. Tudo isso vem despertando o desejo por uma moda mais sustentável!

Mas, calma aí, nem só de coisas negativas se faz a fast fashion! Pois recentemente, a indústria tem tentado se reinventar e melhorar a sua imagem. Vamos explicar, então continue lendo.

 

Fast fashion e sustentabilidade

 

Fonte: Pinterest

 

Um dos assuntos mais comentados tem sido como transformar a indústria  em algo mais positivo e sustentável para o planeta. Dessa forma, algumas marcas buscam se renovar, diminuindo o estoque, a produção excessiva e trabalhando a reciclagem ao incorporar conceitos de logística reversa em sua práticas.

Além disso, a indústria busca melhorar sua imagem, reformulando suas políticas de contratação e sendo mais cobrada pela sociedade em relação às condições dos seus trabalhadores. E também volta o conceito de Moda Natural.

E aí, gostou de saber mais sobre o conceito de fast fashion? Então deixe um comentário, vamos adorar saber o que você achou.

 

 

Fontes:

http://www2.eca.usp.br/moda/monografias/Julia.pdf http://www.revistacliche.com.br/2012/03/fast-fashion/ https://revistagalaxy.com.br/2020/04/22/slow-fashion-e-fast-fashion-conheca-esses-dois-movimentos-da-moda/ https://www.digitaletextil.com.br/blog/o-que-e-fast-fashion/

 

Conceitos de modademocratização da modafashion historyFast FashionIndústria da Modamoda rápida