Debate na Band – Barraco e desrespeito marcam 1º encontro de presidenciáveis na TV

Como já era esperado, o primeiro encontro entre os candidatos à Presidência da República foi marcada por ataques e bate-boca

Candidatos em seus púlpitos no estúdio da Band.
Compartilhe

Como é de tradição, a realizou o primeiro debate entre os candidatos à Presidência da República para as eleições de 2022. Dessa forma, Simone Tebet (MDB), Ciro Gomes (PDT), Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Soraya Thronicke (União Brasil) e Jair Bolsonaro (PL) participaram do programa.

As regras para o debate entre os candidatos foram discutidas em reuniões prévias, com todos os partidos envolvidos. Os sorteios e a ordem para a expor questões e discussões também foram sorteados antes do programa ao vivo.

Em determinados momentos, o debate da Band apresentou problemas de áudio nos microfones dos candidatos. Todavia, essa falha técnico logo foi resolvida.

Arranca-rabo nos bastidores do Debate na Band

Ricardo Salles e Andre Janones se agridem verbalmente nos bastidores da Band.
Ricardo Salles e Andre Janones protagonizaram um barraco nos bastidores do Debate da Band. Fonte: Redes sociais.

Enquanto os candidatos estavam reunidos no palco, seus assessores ficaram em outro estúdio acompanhando o desdobramento. Logo no início, os jornalistas do canal revelaram que um acordo foi firmado entre os partidos para que não houvesse plateia no local do debate.

No entanto, o clima subiu no estúdio de apoio da Band. Cada candidato a presidência pode levar 20 apoiadores. E como resultado, tais apoiadores ficaram com os ânimos exaltados e as discussões quase chegaram às via de fato.

Entre os convidados estavam nomes como: Rosângela Moro, mulher do ex-juiz Sergio Moro (persona non grata de Lula e Bolsonaro); o ex-BBB Adrilles Jorge; o ex-comentarista da CNN Brasil Tomé Abduch; e os candidatos a deputado federal Andre Janones e Nikolas Ferreira.

De fato, um dos momentos mais acalorados nos bastidores foi quando Ricardo Salles (ex-Ministro do Meio Ambiente) se irritou com uma fala de Lula sobre o desmatamento no Amzônia.

“Seu [email protected]disparou o ex-ministro à Andre Janones, apoiador de Lula.

Nikolas Ferreira (vereador bolsonarista de BH) também atacou Janones: “pare de chorar”. E assim, Janones rebateu: “mascote da milícia, um vagabundo, um usurpador da fé” /”triturá-lo nas urnas”.

Com efeito, a gritaria e xingamentos tiveram que ser contidas por Douglas Santucci, chefe de produção da Band.

O Debate da Band também reuniu apoiadores de Lula e Bolsonaro que se enfrentaram na porta dos estúdios da emissora.

Desrespeito à jornalista

Duas imagens: Vera Lúcia e Bolsonaro na Band.
Bolsonaro faltou com respeito a jornalista Vera Lúcia, da TV Cultura no Debate da Band. Fonte: Band

Outro momento que marcou o Debate da Band, foi quando a jornalista, Vera Magalhães, da TV Cultura, fez uma pergunta direcionada a Ciro Gomes e pediu o comentário de Bolsonaro.

“A cobertura vacinal no Brasil vem despencando nos últimos anos. Em que medida o senhor acha que a desinformação sobre vacinas, difundida inclusive pelo presidente da República, pode ter contribuído? Além de agravar a pandemia da Covid-19 e causar mortes que poderiam ter sido evitadas também para desacreditar quanto à eficácia das vacinas em geral?” – questionou a jornalista.

Após a resposta de Ciro Gomes, Bolsonaro então se dirigiu à jornalista com o seguinte comentário:

“Vera, não podia esperar outra coisa de você. Eu acho que você dorme pensando em mim, você tem alguma paixão por mim. Você não pode tomar partido em um debate como esse, fazer acusações mentirosas a meu respeito”- afirmou o presidente candidato a reeleição.

O comentário desrespeitoso desencadeou uma série de críticas dentro do Debate da Band.

“Quando homens são ‘tchutchuca’ como outros homens, mas vêm para cima da gente sendo ‘tigrão’, eu fico extremamente incomodada, eu fico brava, sim” – disse a candidata, Soraya Thronicke, se referindo ao termo “‘tchutchuca do centrão”, ao qual Bolsonaro foi chamado recentemente.

“Eu não aceito esse tipo de comportamento e xingamento. E acima de tudo, disseminar ódio entre os brasileiros e nos dividir”– prosseguiu a candidata em outro momento.

De maneira idêntica, Fátima Bernardes e Andréia Sadi também repudiaram a forma grosseira como Bolsonaro se referiu à Vera Magalhães.

  • Logo depois, nos siga no Google News e acompanhe as novidades de Pantanal e Ilha Record direto do seu smartphone. Basta clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News

Por fim, assista o Debate da Band que foi ao ar na noite do último domingo 29/08:

Compartilhe

Stories

Matérias Similares