Conheça os principais sintomas da endometriose

9 Sintomas de endometriose para se preocupar

Dor pélvica, dificuldade para engravidar e muita cólica menstrual. Geralmente, são esses os sintomas que levam as mulheres a buscarem por ajuda profissional para entender…

Compartilhe

Dor pélvica, dificuldade para engravidar e muita cólica menstrual. Geralmente, são esses os sintomas que levam as mulheres a buscarem por ajuda profissional para entender o que está acontecendo, até que recebem o diagnóstico de Endometriose.

Embora seja uma doença moderna e relativamente comum, atingindo de 5% a 10% das mulheres do mundo, é uma doença pouco difundida e que ainda causa confusão do público feminino.

Pensando nisso, construímos esse texto para você tirar as suas dúvidas, vamos lá?

Afinal o que é endometriose?

Trata-se de uma doença inflamatória crônica. A palavra endometriose nasceu do termo Endométrio, que nada mais é do que a mucosa que reveste todo o interior do útero.

A doença acaba acontecendo quando as células do endométrio começam a crescer fora da cavidade uterina. Pode ocorrer que esse crescimento desregular também aconteça em outros órgãos, como intestino, trompas, ovários, pelve e bexiga.

Ao contrário do que se pensa, a endometriose pode afetar mulheres de todas as idades. Porém, é mais comum que os sintomas sejam percebidos em idade reprodutiva.

Entenda o que é endometriose
Entenda o que é endometriose

E, embora seja uma doença até que comum, têm impacto significativo na vida das mulheres, comprometendo sua qualidade de vida. Contudo, através de tratamentos específicos e profissionais, consegue-se amenizar o quadro.

Sintomas de Endometriose

Para ajudar a reconhecer os sintomas, separamos 9 sinais que você deve reparar no seu corpo. Vamos lá?

1- Dor pélvica

U dos principais sintomas da endometriose é a dor pélvica que por muitas vezes, acaba sendo associada de forma errônea ao período menstrual.

A intensidade dessa dor não pode ser considerada como indicador da extensão do problema. É possível que a mulher não sinta tanta dor e mesmo assim tenha endometriose, por exemplo.

2- Cólicas menstruais intensas

Que as cólicas são comuns durante o período menstrual, nós já sabemos, O que ocorre é que quem sofre com problemas de endometriose, as dores são mais acentuadas do que o normal, impossibilitando, até mesmo, de fazer as coisas da rotina diária, como ir trabalhar ou ir à faculdade.

Tanto a cólica quanto a dor na pelve podem se estender por vários dias após a menstruação ou se antecipar a ela. Fique atenta!

3- Dor durante a relação sexual

Dor ou desconforto na relação sexual em períodos pré-menstruais ou menstruais é normal. O que não pode ser normal é sentir esse desconforto e dor em todas as relações e posições. Isso não pode fazer parte da sua rotina.

Ter dores durante a relação sexual é um dos sintomas da endometriose
Ter dores durante a relação sexual é um dos sintomas da endometriose

A inflamação crônica que é causada pela endometriose também pode fazer que, durante a relação, as mulheres tenham sangramento (ou após a ela). Ao perceber qualquer sintoma assim, é importante que você conserve com o seu médico.

4- Fluxo menstrual mais intenso

Uma das características mais comuns da endometriose é o aumento do volume do fluxo menstrual. Outra característica bastante comum, é que entre os períodos menstruais, também aconteça sangramentos.

5- Infertilidade

É nesse caso que, muitas vezes, a mulher descobre que tem endometriose. Em idade reprodutiva, algumas mulheres sentem dificuldade em engravidar e então, procuram ajuda para tender o que está acontecendo com o próprio corpo.

Acredita-se que o processo inflamatório e as aderências que a endometriose acaba provocando no corpo feminino e no útero acabam contribuindo para a infertilidade, que pega entre 15% e 45% das pacientes.

6- Alterações intestinais ou urinárias durante a menstruação

Alterações como diarreia e/ou prisão de ventre podem acontecer de forma periódica no organismo das mulheres que sofrem com a endometriose.

Outros sintomas como inchaço fora do comum e náuseas podem acontecer. Outro sintoma bastante comum, é que durante o período menstrual, as mulheres sentem dificuldade em urinar e em alguns casos, até dor.

Veja os principais sintomas desta doença que atinge muitas mulheres
Veja os principais sintomas desta doença que atinge muitas mulheres

Em alguns casos, as mulheres acabam confundindo essa dor ou ardência com um processo de infecção urinária. É preciso estar atento e relatar todos esses detalhes para a sua ginecologista!

7- Síndrome Disfórica

Os sintomas de TPM são pertinentes a muitas mulheres durante o período pré-menstrual (e em alguns casos, durante a menstruação). O que ocorre é que em alguns casos, mulheres que sofrem com a endometriose, acabam tendo seus sintomas de TPM amplificados, como irritabilidade, cólicas, emocional a flor da pele, entre outros.

É necessário observar a intensidade de cada um dos sintomas e conversar com o seu médico sobre eles, para que um tratamento seja traçado e você consiga regular com maior facilidade.

8- Sangramento nas Fezes

Principalmente no período menstrual, ao evacuar, em alguns casos, poderá haver presença de sangue nas fezes. Ao perceber essas alterações, relate ao médico que irá pedir os exames complementares para verificar a possibilidade de endometriose.

9- Massa Abdominal Palpável

Esse exame clínico deverá ser realizado por seu médico de confiança. Contudo, se você perceber um inchaço diferente na região abdominal, próximo ao período menstrual, é necessário que comente sobre isso em consulta médica.

O que fazer ao perceber os sintomas?

Se você identificou um ou mais dos sintomas que listamos acima, a sua primeira atitude é buscar ajuda especializada. Médico ginecologista e obstetra são as especialidades que irão te ajudar a identificar esse quadro, primeiramente.

Qual ação tomar ao perceber algum sintoma da doença
Qual ação tomar ao perceber algum sintoma da doença

Posteriormente, dependendo do quadro, outras especialidades podem ser chamadas como o Gastroenterologista ou um urologista. Em terapias complementares, entram nutricionista e fisioterapeuta. Para suporte emocional, é indicado a busca por um psicólogo, também.

Quais exames podem identificar a endometriose?

Como você pode ver, os sintomas da endometriose podem passar despercebidos pelas mulheres, justamente por serem sintomas populares. Em 1/3 dos casos, inclusive, as mulheres se quer relatam problemas antes do diagnóstico, só sendo verificado essa condição quando encontram dificuldade para engravidar.

Quando o médico ginecologista ou obstetra percebe a possibilidade da endometriose, ele solicita imediatamente exames laboratoriais e de imagem. Tais exames são fundamentais para identificação do quadro clínico. São eles:

– Exame CA-125 (que é o exame de Sangue)

– Ressonância Magnética (RM) da pelve: Esse é um dos exames mais completo e determinantes para o diagnóstico. Ele irá fornecer uma avaliação abrangente da região da pelve, com resolução anatômica e espacial de alta qualidade e por isso, consegue identificar as lesões com precisão.

– Ultrassom transvaginal: geralmente, é pedido em primeiro consulta para confirmar suspeitas.

Percebeu alguns desses sintomas? Procure imediatamente o médico! O tratamento precoce fará toda a diferença.

Compartilhe

Notícias em Alta

Últimas Notícias