foto de instrumentos de química para fazer titulação em laboratório

Titulação: para que serve e por que é importante até para a saúde

Saiba tudo sobre a titulação e qual a importância desse processo que determina a concentração de uma substância em uma solução

Compartilhe

Diversos testes e técnicas são aplicados para que os produtos cheguem à casa dos consumidores. Um desses procedimentos é a titulação, que é realizada em laboratório e pode ter diversas funcionalidades. A técnica não é recente, mas tem obtido importantes avanços nos últimos anos, fazendo com que os resultados sejam mais precisos e haja uma melhora na rotina dos profissionais.

Além de garantir que os produtos tenham mais qualidade, a titulação é importante ainda para a saúde de todos, pois permite atestar a quantidade de determinada substância. Entenda melhor em seguida!

O que é titulação no laboratório?

A titulação é uma técnica que tem como objetivo obter a quantidade de uma substância em uma amostra. Mesmo que o material pareça bastante homogêneo, como a massa de um biscoito, é possível determinar o nível de açúcar e se está acima do ideal, por exemplo.

Como as indústrias precisam entregar produtos padronizados, o procedimento é realizado há muitos anos. Ainda que a produção de uma mercadoria aconteça sempre da mesma maneira, é necessário testar a quantidade de alguns componentes, para informar os consumidores e garantir a segurança e a qualidade.

Há diferentes formas de realizar a titulação, sendo a ácido-base a mais conhecida. Nesse procedimento, o titulante (reagente adicionado) é uma solução ácida, quando o que se quer determinar é um titulado (concentração desconhecida) básica. Caso o que se deseja saber é uma concentração ácida, a lógica é a inversa, e o que se usa é um reagente básico. Vale notar ainda que a reação entre um ácido e uma base gera água e sal, o que também se chama de neutralização.

Na titulação, é possível observar alguns aspectos, como a mudança de cor da solução. Isso se deve aos indicadores usados. O tornassol, por exemplo, em meio ácido ganha coloração rosa e em meio básico azul. Já a fenolftaleína é incolor em meio ácido e vermelho em meio básico.

Como se faz uma titulação?

A titulação segue os seguintes passos: primeiramente, se faz a pesagem da amostra sólida. Depois ela é transferida para um erlenmeyer – tipo de vidro – com água para que seja dissolvida. Essa solução vai então para um balão volumétrico e recebe mais água, quando passa a ser conhecida como solução problema.

Uma alíquota (pequena porção) é retirada da solução problema com uma pipeta. Em outro erlenmeyer, a solução problema (titulado) recebe uma concentração de titulante. Após a conclusão de todo o procedimento, é necessário realizar cálculos para determinar a concentração da solução.

Para analisar os resultados da técnica, é preciso ter não só conhecimento técnico, mas também bastante atenção. As reações costumam ocorrer em um tempo muito curto, e os profissionais ainda precisam realizar alguns cálculos para atestar o que estão buscando.

Atualmente, há tituladores automáticos que ajudam nesse sentido. Em vez de ter que realizar toda a mistura e ainda calcular por conta própria, é possível colocar uma pequena porção em um titulador e em seguida obter a resposta desejada. Na prática, a tecnologia funciona de maneira semelhante a um termômetro. Assim como há os modelos convencionais, e que requerem uma leitura do usuário, existem os digitais, que têm uso muito mais simples.

Onde se utiliza a titulação?

A titulação pode ser usada em diferentes indústrias nas análises químicas. Os medicamentos, por exemplo, precisam passar por um rigoroso processo, que ateste a sua conformidade. Já os alimentos também necessitam comprovar as quantidades de ingredientes que possuem, especialmente aqueles que em excesso podem fazer mal à saúde, como sódio e açúcar.

Até mesmo produtos que as pessoas nem imaginam passam por titulação. Esse é o caso do vinho, que utiliza a técnica para determinar o seu nível de acidez.

Por se tratar de um procedimento que auxilia a atestar a qualidade dos produtos, a titulação é benéfica para a saúde. Mesmo que os consumidores não conheçam a técnica, as indústrias da qual eles compram mercadorias, como medicamentos e alimentos, certamente a utilizam no dia a dia para garantir a conformidade, padronização e evitar riscos.

Como se percebe, a titulação continuará sendo importante durante muitos anos. Ainda que esteja passando por uma fase de implementação tecnológica, a técnica ainda deve ser a base dos testes industriais. Afinal, as novas ferramentas só tendem a melhorar o procedimento, e não a substituí-lo por completo.

Compartilhe

Enquete BBB 2024: quem é o participante favorito?

Entramos no top 15 do BBB 24, e muitas pessoas já possuem seus participantes favoritos no jogo. Qual dos brothers você acha que merece ganhar o reality? Participe da votação na enquete Fashion Bubbles e confira resultado parcial em tempo real!


Newsletter

Inscreva-se em nosso newsletter e receba diretamente em seu e-mail artigos exclusivos, dicas de beleza imperdíveis e as últimas novidades dos reality shows mais badalados. Não perca a chance de estar sempre à frente, conhecendo as tendências e segredos que só os verdadeiros conhecedores do universo fashion e do glamour dos realitys têm acesso!

Não fazemos spam! Leia mais em nossa política de privacidade.


Últimas notícias BBB

Últimas notícias