Casual Day – Quem não relaxa é a empresa!

O “casual day” ainda é um grande desafio para as organizações, que querem proporcionar a seus funcionários um ambiente mais amistoso. A falta de orientação das empresas, associada aos abusos dos profissionais, podem gerar mais tensões do que descontração, diante da falta de bom senso dos funcionários.

Algumas mulheres confundem “casual day” com festinha, churrasco e balada e exageram na oferta da carne – não só da massa magra! Desta forma, resaltamos que minissaias, blusas de um ombro só, umbigo de fora e grandes decotes devem ser evitados. As calças jeans podem ser uma boa opção quando usadas com bom senso, ou seja, nada muito agarrada, raspada, surrada. Transparência sua empresa pode ter nos negócios, nas roupas a mulheres devem se manter discretas, sem abusar das rendinhas, tules ou tecidos que mostrem além do necessário.

Os homens, apesar de apresentarem poucas variações em modelos, cores e estilos, também cometem erros clássicos ao deixar seu terno em casa. Muitos se esquecem que o vestuário apropriado para um “casual day” não é o mesmo para jogar futebol, sair da academia ou andar no parque com os filhos. Evitar moletons, calças apertadas e surradas, tenis e cores muito fortes é sempre de bom-tom. Muitos começarm a pecar nas meias, seja na ausência ou na presença exagerada delas, em cores e espessuras.

O intuito deste artigo não é reprimir, mas orientar! Para as mulheres sugerimos um “look” mais despojado como vestidos, saias, blusas com ou sem mangas, camisetas transadas combinadas com jaqueta jeans, calça de tecidos diferente daqueles usados nas roupas mais formais, sapatos esportivos, keds e abusem nos acessórios. Aos marmanjos sugerimos as calças de sarja, camisas com ou sem mangas, camiseta pólo, sapatos
mocassins ou esportivos e também o “look” esporte-fino (mauricinho), o que não significa usar a calsa do terno e um camisa sem o paletó.

O mais importante é lembrar que no “casual day” devemos nos vestir para trabalhar, as outras intenções devem ficar no guarda-roupa.

[kako]

Publicação: 18 de julho de 2006

AUTOR

Psicanalista e economista, com pós-graduação em Administração pela USP e Marketing pela ESPM. Tem MBA em Gestão Internacional pela Thunderbird School of Global Management‚ Arizona‚ USA e formação nas áreas de Psicologia e Filosofia.

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
Ser ou não ser importante na semana de moda de SP

O mundo da moda é um lugar esquisito. Para começar, existem as filas. Se você é importante, senta na fila...

Fechar