Cleansing Oil: Saiba tudo sobre este fenômeno da Skincare

Cleansing Oil: hidrata e preserva a oleosidade natural da pele

O cleansing oil está se tornando tendência na rotina de skincare de muita gente por auxiliar na higiene e hidratação da pele.

Quando incluído na rotina de cuidados, o óleo de limpeza limpa a superfície e ainda contribui para evitar aquela sensação de repuxamento bem comum após a lavagem do rosto.

O produto é muito comum entre as asiáticas, mas agora está fazendo cada vez mais sucesso no Brasil e em outros países do mundo.

Se você quer saber mais sobre esse produto tão versátil leia esse texto que está recheado de informações interessantes.

 

 

O que é o cleansing oil?

 

 

Chamado também de óleo de limpeza, o cleansing oil é muito usada pelas asiáticas e, agora está cada vez mais comum também no Brasil.

Como o próprio nome sugere, esse produto é fabricado utilizando-se óleos, que auxiliam na eliminação das impurezas presentes na pele.

Mas além disso, ele pode ser usado também como demaquilante, para a remoção da maquiagem de maneira segura e não agressiva.

Isso porque o óleo é capaz de eliminar substâncias e impurezas aderidas à pele, sem prejudicar a barreira natural.

Em geral, o produto faz parte da categoria de óleos essenciais, que são substâncias que em geral beneficiam em muito a pele e os cabelos.

Isso vale para o caso do cleansing oil, que é capaz de eliminar as impurezas e as células mortas que ficam aderidas à camada superficial da pele durante o dia.

Até aqui, nada novo, visto que existem muitos outros produtos que limpam profundamente a pele e, podem ser encontrados em qualquer lugar.

Mas a grande vantagem de se utilizar o óleo de limpeza é que você terá vários benefícios em um único produto.

Isso porque ele limpa e hidrata profundamente a pele, sem ocasionar desequilíbrios ou danos a pele devido a alterações de pH.

 

 

Aplicação de Cleansing oil nas mãos. Fonte: Platinum Skincare

 

 

Como o cleansing oil funciona

 

 

Basicamente, o funcionamento do cleansing oil se deve à sua capacidade de se misturar às partículas de sujeira, poluição e produtos aplicados sobre a pele, como as maquiagens.

Dessa forma, enquanto ele limpa, também ajuda a hidratar a pele, preservando a sua oleosidade natural.

Essa oleosidade natural é primordial para que a epiderme fique com a aparência bonita, saudável e brilhante.

Mas você não precisa se preocupar porque a pele do seu rosto não vai ficar demasiadamente oleosa como acontece com o uso de alguns outros tipos de óleos.

Esse equilíbrio entre hidratação e limpeza se deve aos emulsificantes e surfactantes, que permitem que o composto seja removido apenas com água.

Inclusive, o cleansing oil pode ser usado em todos os tipos de pele, beneficiando a todos eles sem exceção.

De qualquer forma, é sempre bom consultar um dermatologista. Esse profissional orienta aos seus pacientes  sobre qual  tratamento mais adequado para o seu caso.

Em vários casos, associando o cleansing oil a outros produtos quando necessário.

 

 

 

Tipos de Cleansing Oil

 

 

É importante compreender que existem basicamente dois tipos de cleansing oil, que se referem basicamente às gerações do produto.

Os produtos de primeira geração fazem parte de um sistema conhecido como limpeza dupla (double cleansing).

Nesse caso, depois de utilizar o limpador feito a partir de óleos, é necessário também limpar o rosto com outro limpador, a base de água. Isso significa usar um sabonete ou gel facial de limpeza.

Por outro lado, o cleansing oil de segunda geração deve ser usado sozinho. Isso porque ele é suficiente para garantir o sucesso da higienização do rosto.

Além disso, antes de comprar o produto para usar no seu rosto, saiba que ele pode ser comercializado na forma de óleo diretamente ou, também como uma pastinha que deve ser aquecida na mão e, então se transforma em óleo.

 

 

Mulher observando impressionada um frasco aberto de cleansing oil. Fonte: Área de Mulher

 

 

Como utilizar o cleansing oil adequadamente?

 

 

Mulher aplicando o Cleansing Oil e sorrindo. Fonte: Revista Marie Claire

 

 

O cleansing oil é capaz de beneficiar muito todos os tipos de pele. Mas para isso é fundamental que você saiba como utilizar adequadamente o produto.

Então existem algumas questões muito importantes que devem ser levadas em conta na hora de utilizar esse item na sua rotina de skincare.

A primeira questão é que água e óleo não se misturam. Por isso não se deve utilizar o óleo de limpeza sobre a pele molhada.

Para usar o produto, você deve colocar um pouquinho nas mãos e, então aplicar na pele seca fazendo movimentos de massagem.

Massageie o seu rosto com as pontas dos dedos delicadamente, pois a movimentação ajuda o produto a penetrar na pele e fazer a remoção adequada das impurezas do local.

Fazer isso também aumenta o tempo de contato do óleo com a pele, de modo que ele auxilie também na hidratação.

Depois você pode utilizar uma toalha úmida para a remoção do produto. Mas tenha o cuidado para que você não irrite a pele.

Em relação à frequência de uso, o produto pode ser utilizado todos os dias, preferencialmente à noite, antes de você ir dormir.

 

  • Confira também:  K-beauty: a fórmula das coreanas para uma pele perfeita

 

 

O uso do cleasing oil pode ser na forma de demaquilante

 

 

Como já foi dito, o cleansing oil pode ser usado não apenas para a limpeza da pele, como também na forma de demaquilante.

Isso é excelente porque o produto consegue remover com eficiência até mesmo maquiagens mais pesadas, sem a necessidade de se fazer atrito e sem ressecar a pele.

Mas se você achar necessário, pode utilizar mais do que um tipo de produto, produzindo uma maior potencialização dos efeitos.

É realmente muito vantajoso usar esse produto como demaquilante, em substituição aos produtos convencionais.

Ele tem a vantagem de remover facilmente as partículas de maquiagem, sem provocar ressecamentos e nem desequilibrar o pH natural da pele.

 

 

Mulher removendo a maquiagem do rosto com almofada de algodão. Fonte: Blog Pajaris

 

 

Benefícios do cleansing oil

 

 

São muitos os benefícios observados com o uso do cleansing oil na rotina de higiene da pele. Veja a seguir os principais:

 

 

Mulher se olhando no espelho e tocando a pele. Fonte: Dalissa

 

 

Mantém a oleosidade natural

 

 

O maior motivo para se utilizar o cleansing oil é justamente evitar o ressecamento da pele. Assim, garante a saúde e o brilho tão desejado nessa superfície.

Provavelmente você já ouviu falar que a pele tem uma barreira protetora natural, onde existem substâncias eliminadas pelas glândulas sebáceas.

Essa camada de gordura é fundamental para que a pele não resseque e nem fique exposta a possíveis danos.

É preciso lembrar que o ressecamento da epiderme faz com que ela forme sulcos. Neles, bactérias e fungos nocivos podem penetrar, provocando problemas graves.

O nome científico dessa gordura é sebum e, ela é essencial para garantir a saúde da pele, evitando assim dermatites e sensibilidades em geral.

Vale salientar que o sebum tem muitas funções. Por isso, não se deve removê-lo da pele com frequência.

Veja quais são suas principais funções:

  • É muito emulsificante, misturando-se sem dificuldades com substâncias de diversos tipos. Com isso, ele ajuda na dispersão de forma homogênea, evitando que os compostos se acumulem em pontos específicos;
  • Auxilia no combate a radicais livres, que são substâncias que contribuem para o envelhecimento precoce;
  • Reduz a eliminação de líquidos, mantendo assim a hidratação adequada, diminuindo o ressecamento.

Compreender a importância da oleosidade para a pele, ajuda a entender o porquê o cleansing oil está se tornando um dos melhores produtos para a limpeza da pele.

 

Desobstrução dos poros com cleansing oil

 

 

Outro ponto positivo observado com o uso do cleansing oil diz respeito a maneira diferenciada com que ele realiza a desobstrução dos poros.

Isso acontece porque a composição oleosa permite a interação com partículas de sujeira, fazendo uma espécie de derretimento das impurezas.

Isso diz respeito as especificidades relacionadas a solubilidade. É regra que substâncias semelhantes se dissolvem.

Assim, substancias oleosas podem dissolver outras substâncias oleosas, mas não se misturam com a água.

Justamente por isso, limpar o rosto somente com água não é o suficiente para eliminar o excesso de oleosidade, que retém as impurezas na pele.

Ou seja, quando você aplica sobre a pele, o cleansing oil consegue eliminar rapidamente todas as partículas que possam estar obstruindo os poros.

Por isso, se você tem a pele seca, pode e deve usar o cleansing oil na sua rotina de cuidados com a pele diariamente.

 

 

Multifuncionalidade do cleansing oil

 

 

Um dos maiores benefícios de se utilizar o cleansing oil, é o fato de que ele possui três funções que são excelentes para os cuidados diários com a pele.

Veja mais algumas questões importantes sobre as suas funções:

  • Higiene perfeita: a higienização com o óleo de limpeza é muito eficiente porque o produto age profundamente na pele.  Assim, é capaz de eliminar até mesmo as substâncias mais resistentes, como protetores solares e maquiagens difíceis. Isso é essencial, visto que o laurilssulfato de sódio, componente de muitos produtos de limpeza, é cancerígena;
  • Demaquilante: a remoção da totalidade das maquiagens é essencial. Isso porque muitos produtos deixam na pele resíduos de compostos que são extremamente prejudiciais para a epiderme;
  • Hidratação: o óleo de limpeza consegue limpar sem alterar as condições naturais da pele. Desse modo que ele promove o equilíbrio, sem remover a camada protetora, composta por gorduras.

 

 

 

 

Como cuidar da pele no dia a dia?

 

 

Depois de aprender mais sobre o cleansing oil e os benefícios de usar esse produto na limpeza na sua pele, ainda falta você saber quais são os outros cuidados diários que você deve adotar.

Para ter uma pele bonita e saudável, você deve cumprir diariamente quatro etapas básicas: limpar, tonificar, tratar e proteger. Então veja a seguir em detalhes cada etapa.

 

 

Limpar

 

 

A primeira etapa de cuidados com a pele consiste em realizar uma limpeza completa e eficiente.

É nessa etapa que a pele fica livre de impurezas, suor, oleosidade e maquiagem. Assim ela estará pronta para receber os demais cuidados.

Como você viu anteriormente, o cleansing oil é um ótimo aliado nessa etapa. Além de usar o óleo, você deve também lavar bem a pele com um sabonete adequado.

 

 

Tonificar

 

 

A etapa de tonificação da pele tem como objetivos principais remover os últimos resquícios de impurezas da pele, além de ajudar a refrescar e a restaurar o pH natural dela.

 

 

Tratar

 

 

Esses produtos ajudam a recompor a pele. É nessa etapa que você deve usar os produtos indicados pelo seu dermatologista para o tratamento de problemas específicos que você possa ter.

 

 

Proteger

 

 

Você deve saber que a exposição aos raios solares ultravioleta pode fazer mal para a sua pele, ocasionando o ressecamento e envelhecimento precoce.

Sendo assim, escolha um creme de uso diurno adequado para a sua pele e que te proporcione uma boa proteção solar.

Faça a reaplicação do filtro solar pelo menos duas vezes ao dia, sendo uma na hora pela manhã e outra na metade do dia.

Além disso, adeque a rotina de cuidados com a pele de acordo com as suas necessidades específicas, rotina e tipo de pele.

 

 

 

 

Por que é importante proteger a pele do rosto?

 

 

Mulher cuidando da pele e sorrindo frente ao espelho. Fonte: DermaClub

 

 

O uso de um creme com protetor solar durante o dia é fundamental para todos os tipos de pele. Mas isso é ainda mais importante para quem tem sensibilidade e propensão à acne.

A exposição ao sol é fundamental para a produção de vitamina D pelo organismo, mas ao mesmo tempo, o excesso de luz provoca ressecamento e envelhecimento precoce.

Tal é essa importância, que muitos cremes de uso diurno já possuem filtro solar na fórmula. Nesse caso a proteção costuma ser FPS15.

Se a exposição for muito intensa, você vai precisar reforçar isso aplicando um protetor específico, que tenha um Fator de Proteção Solar (FPS) maior.

Você pode escolher um produto para aplicar junto com o seu creme habitual ou escolher um que o substitua.

Independentemente da sua preferência, você deve sempre aplicar o filtro solar na última etapa de cuidado com a pele.

 

 

Siga o Fashion Bubbles no  Google News para poder acompanhar tudo sobre Beleza direto no seu smartphone. É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News.

 

 

Conclusão

 

 

O cleansing oil é um dos produtos mais utilizados pelas mulheres asiáticas para a limpeza e manutenção da pele.

A multifuncionalidade dele é o principal fator que contribui para a sua disseminação.

Então, agora que você já conhece os benefícios, que tal incluir o cleansing oil na sua rotina de cuidados?

Mas não se esqueça de que para ter uma pele saudável, você precisa ter uma boa rotina de cuidados, seguindo as quatro etapas fundamentais.

E não se esqueça de priorizar sempre a hidratação e a proteção solar adequadas.

cleansing oilCuidados com a pelelimpeza de peleóleo de limpezaPeleskyncare