Como fazer tranças afros (passo a passo) e como mantê-las

Tranças afros são tradicionais da África e se adaptam a todos os tipos e comprimentos de cabelo.

  • 71
    Shares

- Continue depois da Publicidade -

Tranças afros são pequenas tranças que se prendem ao couro cabeludo firmes, para que nenhum cabelo escape. São tradicionais da África e se adaptam a todos os tipos e comprimentos de cabelo.

Muita paciência e prática: duas condições essenciais se você pretende realizar a tarefa de fazer tranças afros.

Tranças afros – de onde elas vêm?

tranças afro

As tranças fros têm suas raízes, é claro, na África. Os povos deste continente usam seu cabelo natural e trança- o.

- Continue depois da Publicidade -

Esse penteado foi iniciado por tribos africanas a fim de garantir seu conforto.

  • Aproveite e nos siga no Google News para poder acompanhar o melhor da Moda, Beleza, Decoração, Famosos, BBB 21 e muito mais  direto em seu smartphone. Para seguir É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News.

- Continue depois da Publicidade -

tranças afro

Originalmente, as tranças afros facilitavam o fluxo de ar perto do couro cabeludo e, portanto, ajudavam os nativos a ficar mais confortável no calor.

Mais tarde, esse tipo de corte de cabelo se tornou característico da cultura hip-hop. Muitos rappers optaram por esse tipo de cabelo, que se tornou um símbolo.

- Continue depois da Publicidade -

Como fazer tranças afros?

tranças afro

Pessoas em todo o mundo estão escolhendo cada vez mais tranças afros. Claro, elas são mais populares entre os jovens.

Para fazê-las, você tem que pegar fios muito pequenos, em quantidades simétricas para que fiquem do mesmo tamanho.

1 – Lave o cabelo

tranças afro

Como fazer tranças afros em casa? Em primeiro lugar, comece lavando o cabelo. Então não se esqueça de lavar o cabelo com um condicionador.

Enxágue bem os fios com água fria, penteie os cabelos com um pente com dentes bem espaçados e prepare os cabelos para o tratamento.

2- Divida o cabelo

Seque o cabelo e penteie-o bem. Em seguida, use o pente para dividir o cabelo em várias seções de cerca de 2,5 cm.

Comece a fazer tranças na parte de baixo do cabelo. Separe uma mecha de cabelo em três e faça uma trança tradicional, começando o mais próximo possível do couro cabeludo e apertando as mechas. Isso é muito importante porque as tranças afros se caracterizam pelo fato de estarem muito próximas ao couro cabeludo.

Repetimos essa técnica em fios subsequentes até enchermos toda a cabeça.

Separe os fios pequenos certificando-se de que estão bem delimitados com uma linha e que se mantêm à mesma distância uns dos outros.

2 – Comece a trançar

Você também pode gostar!

tranças afro

Comece a trançar as pequenas divisórias: para que a trança grude no couro cabeludo, você deve tirar três fios iniciais da divisória e adicionar cabelos nas pontas à medida que faz a trança, da mesma forma que faria uma trança costurada.

  • Confira também o trabalho do cabeleireiro faz incríveis penteados com tranças e que transforma pessoas em protagonistas de universo de fantasia (30 fotos)

3 – Encontre simetria

tranças afro

Faça todas as tranças que puder, devem ser todas do mesmo tamanho , estar na mesma distância e bem justas.

Se você seguiu bem essas etapas, elas podem durar várias semanas e você não precisa pentear o cabelo.

4 – Amarre com elásticos pequenos

Quando chegar ao fim da trança, amarre-as com um pequeno elástico (como os usados ​​para fazer pulseiras). Você pode brincar com as cores e fazer um penteado mais divertido.

Como cuidar de tranças afros?

tranças afro

Fazer tranças afros é uma coisa. A questão é como cuidá-la depois. Esse tipo de penteado requer cuidados especiais.

Em primeiro lugar, devem ser lavadas o mínimo possível, portanto, quando não estiver lavando a cabeça, tente amarrar as marias-chiquinhas com cuidado em um coque alto para que a água não entre nelas.

tranças afro

No entanto, se você for lavar o cabelo, siga estas dicas para cuidados gerais com as tranças afros.

  • Livre-se de cosméticos para cabelos oleosos. São difíceis de enxaguar e as tranças vão dificultar ainda mais.
  • Devem ser lavados com shampoo diluído em água.
  • As pontas das tranças podem ser umedecidas com o condicionador, mas é melhor não passar na cabeça.
  • Em dias de sol, use cosméticos com filtro para o couro cabeludo – sua pele ficará exposta e desprotegida pelos cabelos em alguns lugares, o que a deixará mais exposta aos raios solares. Você também pode cobri-la com um lenço ou chapéu.
  • Antes de ir para a cama prenda os cabelos.

Tranças afros – Como tirar?

tranças afro

As tranças afros podem ser usadas de 3 a 6 meses. Tudo depende de quão rápido nosso cabelo cresce. No entanto, existem maneiras de cobrir as raízes, por exemplo, com um lenço na cabeça. Mas, esta é apenas uma opção temporária.

Você também pode tentar usar um óleo ou condicionador para facilitar o desembaraço do cabelo. Depois de desembaraçar, lave-os bem. A qualidade do seu cabelo dependerá, obviamente, de como você cuidou das tranças enquanto as usava.

Tranças afros: inspiração

Abaixo estão algumas fotos que podem ser fonte de inspiração. As tranças afros têm um estilo elegante, então você certamente encontrará algo para você.

Se você quer um penteado da moda, mas não quer trançar o cabelo inteiro: você não precisa. Faça apenas algumas tranças e decore-as com miçangas, ou trance o cabelo apenas parcialmente, por exemplo, no topo da cabeça.

  • Depois veja também o Guia de cabelos coloridos: dicas e truques para pintar + 46 inspirações de cor e estilo. É hora de fazer uma mudança radical: ter cabelos coloridos! Confira inspirações, dicas e cuidados essenciais para embarcar nessa.

tranças afro

tranças afro tranças afro

tranças afro

tranças afro tranças afro

Por fim, veja também: “Cortes de cabelo 2021: Famosas antecipam as tendências”.

  • 71
    Shares

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes