Valesca Popozuda: de frentista à funkeira "exploradora" do Ilha Record

Valesca Popozuda: de frentista à funkeira “exploradora” do Ilha Record

Valesca Reis Santos é, de fato, mais conhecida como Valesca Popozuda. Aos 42 anos, a Rainha do Funk será uma das exploradoras do Ilha Record, que estreia dia 26 de julho, na Record TV. Contudo, a cantora é uma exploradora desde os anos 2000. Isso porque ela, ao lado de outras meninas, deram o chute inicial (e certeiro) no movimento funk. O Gaiola das Popozudas fez sucesso no Brasil inteiro, mas Valesca conseguiu brilhar mais. E brilha até hoje.

Em 2012, Valesca Popozuda decidiu encarar a carreira solo. O sucesso veio logo de cara com a batida, “Beijinho no ombro”. Na sequência, Valesca emplacou outros hits como, “Eu Sou a Diva Que Você Quer Copiar”, “Boy Magia” e “Sou Dessas”. Além disso, Valesca Popozuda também já gravou com Claudia Leitte e o saudoso MC Catra.

Todavia, na vida pessoal, Valesca é mais reservada. Mãe do Pablo, Popozuda não costuma chamar atenção com seus namorados. O tom desbocado de suas músicas levou Valesca a ser chamada de “pensadora contemporânea” em uma questão de vestibular. Agora, depois de passar pela A Fazenda (2011) e Super Chef Celebridades (2019), Valesca Popozuda está no Ilha Record.

 

 

  • Antes, nos siga no Google News e acompanhe o Power Couple, No Limite e tudo sobre os famosos direto do seu smartphone. Basta clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News.

 

Do posto de gasolina para o mundo

 

 

Valesca Popozuda trabalhou em lanchonete, borracharia e em posto de gasolina antes da fama. Agora ela está no Ilha Record . Fonte: Reprodução

 

 

Quem vê Valesca Popozuda nos palcos, não imagina os dramas que a cantora viveu no passado. Isso porque quando tinha apenas 10 anos, Valesca foi obrigada ajudar a apagar o fogo na perna da mãe. Seu pai chegou embriagado e ateou fogo na própria esposa. Após o ocorrido, Valesca e a mãe saíram de casa.  Após alguns anos, a adolescente se viu obrigada a deixar a casa, isso em razão de seu padrasto não aceitas as saídas de Valesca para bailes funks. Dessa forma, a jovem foi trabalhar como frentista de posto de gasolina no Rio de Janeiro.

Inclusive, foi nesses bailes cariocas que surgiu o convite para integrar o grupo Gaiola das Popozudas, em meados de 2000. O sucesso do grupo durou mais de uma década com shows no Brasil inteiro, além da Europa e Estados Unidos. Em 2012, Valesca partiu para carreira solo. No entanto, o sucesso não demorou. Popozuda bateu recordes com o hit “Beijinho no Ombro”.

 

 

 

 

Mais trabalhos

 

 

 

Valesca Popozuda já se declarou fã de Lula. Fonte: Reprodução

 

Em 2009, Valesca posou para a Playboy. Com efeito, uma das fotos gerou polêmica. Isso pelo motivo de Valesca Popozuda aparecer nua beijando a foto do presidente Lula. Como justificativa, Popozuda afirmou que era fã do político desde sua visita ao Complexo do Alemão. Valesca chegou a gravar um funk para o Lula.

Já em 2014 Valesca Popozuda foi alvo de uma polêmica inusitada. Durante a prova de vestibular para o curso de Filosofia, na faculdade do Distrito Federal, Valesca além de ser citada, foi chamada de “pensadora contemporânea”. Como resultado, a cantora repercutiu sobre o caso.

 

“Fiquei foi bem honrada. Me senti duas vezes homenageada, tanto pela pergunta quanto com o título de pensadora. Mas isso vou ter que recusar porque é um título muito forte e ainda não me sinto pronta para isso. Diva, diva sambista, lacradora… Essas coisas eu já estou pronta, mas ‘pensadora contemporânea’, ainda não. Mas prometo que vou trabalhar para isso”.

 

Ainda no mesmo ano, Valesca Popozuda voltou a ser tema de um trabalho acadêmico. Uma estudante de Pedagogia usou Valesca como tema. O artigo fez tanto sucesso que a pedagoga foi convidada para participar de um congresso na Universidade de Columbia, nos Estados Unidos. Como resultado, Valesca ajudou a estudante a pagar as passagens.

 

 

Polêmicas

 

 

 

Popozuda já foi até tema de questão de vestibular, agora está no Ilha Record. Fonte: Reprodução

 

Pelo conjunto de sua obra, Valesca Popozuda já foi homenageada na Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro. Assim sendo, Valesca recebeu Medalha Mérito Pedro Ernesto. De acordo com os vereadores, Valesca contribuiu com seu trabalho na divulgação do movimento feminista, além de causas LGBTQIA+.

Em 2017, Valesca Popozuda causou burburinho ao dar uma entrevista picante ao colunista Leo Dias em uma rádio carioca. Na ocasião, Valesca afirmou que adora sex shop. Além disso, a cantora também afirmou que é adapta ao sexo casual.

 

“Amo! Adoro sexo casual! Gosto muito! Se eu pudesse fazia toda hora, todo dia. Não vivo sem sexo. Comigo não tem isso de se sentir vazia”.

 

 

 

 

Assedio

 

 

 

Valesca Popozuda já passou por maus bocados antes de entrar no lha Record . Fonte: Reprodução

 

 

De fato, Valesca Popozuda também sofreu por conta do conteúdo de suas músicas. Em 2016, a cantora relatou um fato nojento em sua biografia “Sou Dessas: Pronta pro Combate.” De acordo com Popozuda, um senhor, presidente de um clube, invadiu o camarim e colocou as partes íntimas para fora.

 

“Daí o senhor muito escroto, que já tinha pra lá dos seus 60 anos, se atreveu a colocar o pênis pra fora da calça e me pedir para pegar no seu instrumento (de pequeno porte, por sinal). A fúria me invadiu, e rodei a baiana. Dessa forma, não perdi mais tempo. Respirei bem fundo, sorri, olhei bem nos olhos dele e sensualmente me aproximei do canalha. Sussurrando, perguntei: ‘Você quer que eu pegue?’ E o babão respondeu: ‘Adoraria!’ Ah, pra quê? Encostei o babyliss quentíssimo no pau dele. Assim sendo, o idiota começou a gritar ‘Você me queimou! Você me queimou!’. De uma coisa eu sei: deve ter sido a foda mais quente e marcante que ele já deu na vida. Para ele, sou uma mulher inesquecível”.

 

 

 

 

Ilha Record

 

 

Quando começa o Ilha Record? De acordo com a emissora, o reality estreia em 26 de julho. Fonte: Divulgação

 

A partir do dia 26 de julho, Valesca Popozuda será uma dos 13 participantes do reality da Record TV. Antes de entrar no programa, Valesca também participou de A Fazenda 2011 e Super Chef Celebridades 2019, do Mais Você.

Assim sendo, a funkeira afirmou que ficou feliz com o convite. Antes de entrar para o pré-confinamento, Valesca disse: “Ao longo do confinamento prévio, eu me dediquei muito, treinei duro e fiz uma boa reeducação alimentar. Estou pronta para essa competição.”

Por fim, o Ilha Record dará dois prêmios aos finalistas. O “explorador” que for bem nas provas e vencer os desafios receberá R$ 500 mil. Contudo, um outro vencedor (mais votado pelo público) ganhará R$ 250 mil pelo carisma. Será que Valesca Popozuda ganha essa?

A FazendaEstreia Ilha RecordIlha RecordIlha Record 2021Power CoupleValesca PopozudaValesca Popozuda idade