É babado! Mas babado mesmo….

33

Foi muito babado o que eu encontrei nas ruas, vitrines e nos lugares badalados de New York. Mas não se iluda, que a proposta não é voltar ao tempo de nossas avós, mas sim a um tempo mais remoto e romântico. Nas roupas, os babados dão vida e muito movimento, em sintonia com os cabelos longos e cacheados que ja comentei.

Você também pode gostar!

Do mais sutil ao estravagante, o babado está presente nas camisas, saias, vestidos e também em algumas calças abusadas, e compõem a nova moda com misturas de cores fortes e desenhos sempre dando um sentido de movimento. Também estão com força total os acessórios, fitas, e aquelas famosas ponta que intrigam os homens (inclusive a mim) e dão uma sensação de poder e liberdade as mulheres.

Alguns designers me chamaram atenção como Disel, Bebe, Chanel, Intermix, Friple Points, Salvatore (seu novo tomo é contagiante “I Love Salvatore”, Agvona, Fendi (arrasou!) para mim sempre uma das melhores, Escada (apresenta um babado selvagem, muita onça)

Nós do blog somos suspeitos em dizer que gostamos muito desta nova tendência, pois além de bubbles gostamos também de muito babado! Em todos os sentidos!

você pode gostar também