Técnicas de manifestação: como elas ajudam a realizar seus maiores sonhos?

O primeiro passo é pedir para o universo. O segundo é acreditar — e, com as técnicas de manifestação que mostraremos, você se torna a protagonista dos seus sonhos!

Fonte: Matteo Di Iorio - Unsplash

Tudo o que você sempre sonhou pode ser real. É verdade — e a transformação do desejo em realidade só depende de uma pessoa. Você mesma! Pelo menos, é isso que aprendemos com as técnicas de manifestação que estão tão populares no momento.

À primeira vista, quando falamos de manifestar seus desejos, você já deve pensar direto no livro O Segredo, de Rhonda Byrne. Ele foi muito popular em meados dos anos 2000. Principalmente porque prometia que tudo o que você pensa se torna, literalmente, realidade.

A justificativa é a Lei da Atração. Porém, não é bem assim que funciona. A manifestação — que voltou a bombar a partir de vídeos populares no TikTok — não é baseada simplesmente em “pensei, aconteceu”. Isso não é muito realista, né?

Vamos descobrir mais sobre isso?

 

O que é manifestar?

 

Quem ouve falar sobre elas pela primeira vez pode achar que é algo místico, inexplicável e até meio fajuto. Afinal, parece bom demais para ser verdade. Também há pessoas que pensam que manifestar se baseia, por exemplo, na troca de energias com o universo e que ele entregará o que você quiser de bandeja. Sem esforço — do carro zero à casa própria.

No entanto, não é bem assim. Para começar, a manifestação não é passiva. Ela é um exercício que envolve autoconhecimento e requer pensamentos aliados à ações, e, em alguns casos, até uma certa mudança nas suas crenças, já que eles podem atrapalhar o processo!

Ainda assim, surpreendentemente, manifestar pode ser muito simples. O processo consiste em você visualizar aquilo que deseja. A palavra-chave é foco! Aos poucos, você deve acreditar naquilo como realidade. E, assim, agir com intenção e com a certeza de que você tem todo o poder do mundo para concretizar seus sonhos.

Related Post

O universo deixa as portas (e até as janelas) abertas. Manifestando, você enxergará cada uma delas com mais objetividade, e poderá cruzá-las com sucesso.

 

Fonte: Ben White – Unsplash

 

Passo a passo da manifestação

 

Afinal, como se manifesta algo? Existem várias técnicas que mostraremos mais tarde e te ajudam nessa missão. Porém, antes de colocá-las em prática você já deve ter pensado muito sobre seus anseios, desejos, valores e objetivos. Nós explicaremos como fazer isso agora!

 

Primeiro passo: entenda o que você quer

 

Pense ainda, sobre crenças que podem estar dificultando de você alcançar esses objetivos. E passe a reprogramá-las mentalmente de uma forma positiva.

Dessa forma, você começa a ter uma maior clareza do que é necessário para começar atingir aquilo que você vem almejando . Inclusive, nesse processo, você já pode iniciar uma trajetória, em forma de intenção, para que as coisas comessem a se tornar realidade!

 

Faça uma lista dessas coisas que deseja manifestar em sua vida

 

Aqui, vamos iniciar com uma grande dica: seja sempre positivo em sua forma de expressão. Isso significa principalmente  evitar usar a palavra “não”.

Por exemplo, no lugar de falar “não quero mais ter uma relação ruim com dinheiro”, você deve dizer: “quero reparar minha relação com dinheiro e estou pronta para recebê-lo”.

Se você quer manifestar próprio e boas relações, você pode pensar: “sou merecedora de carinho e respeito, tanto meu quanto do próximo”, no lugar de “não serei mais desrespeitada por quem eu me envolvo”.

As mesmas regras valem para os bens materiais: tome ação e seja específica. Quer encontrar um apartamento dentro do valor que já tem guardado na poupança? Sua manifestação pode ser: “Encontrarei o apartamento dos sonhos, com 64m² e uma varanda no lado que bate sol, dentro do valor que tenho guardado hoje”.

 

Segundo passo: peça para o universo

 

Você pode fazer isso de várias formas. Muitos gostam de ter as manifestações como um mantra de . Que tal queimar uma vela, incenso ou aromatizador, e aproveitar os benefícios dos óleos essenciais enquanto manifesta?

Anotar sua manifestação algumas vezes por dia ou falá-la em voz alta também são boas pedidas. Escolha a maneira que mais combina com você e seu estilo de vida.

Por aqui já falamos, por exemplo, do ritual de banho da lua cheia. Eles são momentos de relaxamento e tranquilidade, que também envolvem a renovação de energias. Portanto, são muito propícios para reafirmar suas manifestações!

 

 

Terceiro passo: faça a sua parte

 

Manifestar é um processo de co-criação. O universo não faz nada sozinho, e você precisa protagonizar as mudanças da sua vida.

O universo pode, por exemplo, fazer com que aquele apartamento dos sonhos cruze o seu caminho. Mas se você gastou o dinheiro que estava guardando na poupança, você não poderá alcançá-lo.

É seu papel colocar suas técnicas de manifestação em prática, e aproveitar as oportunidades que você recebe ao máximo!

 

Quarto passo: acredite no processo

 

Nem tudo o que a gente quer acontece rapidinho. Afinal, muitos dos nossos desejos envolvem muito trabalho, mesmo com as oportunidades que a vida traz.

O essencial é nunca duvidar de si mesma. Acima de tudo, a manifestação é uma maneira de enfatizar o quanto você é capaz de viver a vida que quer. Independente do que outras pessoas dizem, ou do que você acreditava antes de começar.

 

Quinto passo: receba!

 

Fique de olhos abertos para todas as oportunidades que a vida oferece! Quando você manifesta, pode identificar a realização dos seus sonhos começando nas maneiras mais inesperadas. O importante é reconhecer seu próprio esforço e ver os sinais daquilo que vem de fora também.

O que pode acontecer também em relação ao trabalho e a outros aspectos da vida. Logo, é de suma importância estarmos atentos para que possamos perceber e receber as dádivas do universo.

 

 

Técnicas de manifestação

 

Faça um dream board

 

 

Traduzindo literalmente, dream boards  nada mais são que “quadros dos sonhos”. Eles são chave na de manifestar, e o motivo já está no nome. Eles te ajudam a enxergar exatamente o que você busca, por meio de imagens.

Para fazer seu próprio quadro, você vai precisar de uma base. Pode ser uma cartolina, por exemplo, ou um quadro de cortiça. Depois, você vai selecionar imagens que tenham relação direta com os seus desejos. Pode escolher frases motivacionais, pedaços de músicas, fotos e desenhos. O último passo é só juntar tudo!

Não precisa ter uma veia artística para apostar nessa técnica, viu? O importante é, apenas, que o quadro fique em um lugar que você veja sempre. Ele pode estar na sua escrivaninha, por exemplo, ou em uma parede que fica bem ao lado da sua cama.

 

 

Entretanto, se você quiser o quadro pode sim fazer parte da sua . No lugar de um painel, por exemplo, você pode fazer um fio de polaroids na sua parede. O resultado é criativo e complementa seu ambiente preferido da casa.

Crie uma pasta de inspirações no Pinterest

 

 

E sempre que tiver um tempinho, ou ainda quando precisar de energia extra, visite sua pasta mágica para inspirar!

 

Crie um caderninho de intenções

 

 

Parte de manifestar é reconhecer suas intenções. Mas o que elas são? Nesse caso, são ações ou atitudes que você quer ter para melhorar a sua vida.  De certa forma, você pode encará-las como metas. A diferença é que elas podem ser concretas, mas também podem ser abstratas.

Você pode escrever no caderno de intenções quantas vezes e na frequência que quiser. Pode ser uma vez por dia, por semana ou até por mês. Até porque, as intenções podem ser tão simples ou complexas quanto você quiser!

Ao praticar essa técnica de manifestação, não se esqueça: toda intenção deve ser escrita ou falada de maneira afirmativa. Logo, você não dirá “eu quero”, por exemplo. Você dirá “eu vou”.

Alguns exemplos de intenções afirmativas são:

  • Eu estou sempre aprendendo, crescendo e evoluindo.
  • Manifestarei sonhos cada vez maiores e mais ousados!
  • Eu sou merecedora de tudo aquilo que desejo.
  • Atraio pessoas que sempre querem o meu bem para a minha vida.
  • Eu vivo ao máximo, sem arrependimentos.
  • Sou sempre eu mesma e me expresso com autenticidade.
  • Melhorarei a minha relação com o meu dinheiro.
  • Escreverei 1000 palavras por dia do livro que sempre quis criar.

 

Foque na gratidão

 

 

Além de focar em seus sonhos, é importante identificar os sinais de que suas técnicas de manifestação estão funcionando. Você pode fazer isso exercitando a gratidão com um caderno, bem parecido com aquele no qual anota suas intenções.

É muito, mas muito normal querer que tudo na vida aconteça rapidinho. Essa é uma certeira para a frustração. Quando você passa a observar a vida mais atentamente, no entanto, percebe os pequenos sinais de que está chegando perto da porta que o universo abriu.

 

 

Como começar a fazer isso? Ao fim de cada dia (ou semana) escreva em seu caderno tudo aquilo pelo qual você é mais grata. Escolha o formato que mais gostar: lista, calendário…

Ao fim de um período, como um mês, releia as páginas que preencheu. Separe um tempo para pensar sobre elas, e o que tem relação com seus sonhos ou não. Dessa maneira, você tem uma visão do todo (seus desejos) e de cada detalhe (os focos da gratidão).

Esse exercício nos ajuda a entender como nossa vida está se movimentando no caminho que queremos. No fim do processo, enxergamos como os pequenos passos podem sim nos levar mais longe.

 

Escreva uma carta para o seu “futuro eu”

 

Quando compartilhamos algo com alguém, damos ainda mais duro para não decepcionar essa pessoa. Esse exercício é um pouco sobre isso. Você vai dividir com seu eu do futuro, por carta, tudo aquilo que você espera alcançar dentro de um determinado período de tempo.

A primeira coisa que você precisa fazer é definir sua deadline — a data limite para que tudo o que está escrito seja realidade. É também nessa data que você finalmente poderá ler a carta novamente! Pode ser daqui um ano, dois, cinco…

Na sua carta, os seus desejos são reais. Escreva sobre a casa na qual a “você do futuro” mora, as habilidades e hobbies que desenvolveu, o emprego que você sempre quis e agora tem, a sua família….

Quando acabar, feche a carta em um envelope selado e guarde em um lugar seguro. Você não pode abri-la antes do tempo que escolheu passar. Enquanto isso, continue praticando suas outras técnicas de manifestação. Logo logo, poderá ler seus desejos do passado e ver como suas atitudes influenciaram na realização deles.

 

 

Leia também: “Previsões para 2021: O que a astrologia diz sobre o novo ano?”

Débora Fernandes: Débora Fernandes é produtora de conteúdo. Apaixonada pelas palavras, encontrou na moda e na decoração novas maneiras de contar histórias. Formada em Jornalismo e técnica em Design de Interiores, a trajetória de Débora envolve atuação nos portais de CASA CLAUDIA, Casa.com.br, e nas plataformas digitais de várias marcas do segmento de moda.
Posts Relacionados