Roberta Miranda escancara vida íntima e revela romance com travesti: “Eu tinha o completo”

Durante entrevista à Leo Dias, do Metrópoles, Roberta Miranda falou sobre sua sexualidade e romances do passado

Roberta Miranda em duas imagens. Uma sentada na escada mexendo no celular e outra na entrevista com Leo Dias.
Compartilhe

De fato, a vida íntima dos artistas sempre despertou a curiosidade do público. Todavia, a total exposição da condição sexual e outros aspectos, interferiam diretamente no sucesso do famoso e sua relação com os fãs.

Dessa forma, tudo era feito de maneira “mais discreta”. Hoje em dia, questões sexuais não são mais tabus (pelo menos nem tanto como antigamente). Dessa forma, algumas estrelas ficam mais à vontade em falar da sua vida íntima. Foi o caso de Roberta Miranda.

Uma das grandes artistas sertanejas dos anos 80, decidiu revelar seus amores do passado. Dessa forma, Roberta Miranda declarou ter sua “sexualidade fluída”. Em entrevista para Leo Dias, a cantora diz ser “trissexual”.

Vem saber mais sobre essa história.

Roberta Miranda e seu romance com travesti

Roberta Miranda sentada em uma poltrona da sua casa dando entrevista à Leo Dias.
Leo Dias entrevista Roberta Miranda em sua casa em São Paulo. Fonte: Youtube

Sempre discreta quanto sua vida amorosa, Roberta Miranda justificou o motivo de nunca ter exposto seu romance com a travesti, Luz Del Fuego.

Segundo a cantora, tudo ficou em segredo a pedido de sua mãe, para não expor a ela e nem sua família. Todavia, aos 65 anos, Roberta Miranda acredita que está na hora de quebrar essa promessa.

“Eu tenho um juramento no leito de minha mãe, e é algo que eu preciso quebrar. É um assunto que me pega muito. Pais e irmãos foram impiedosos comigo, então eu não sabia por onde correr e o que fazer. Não sei se meu negócio é menino, menina, travesti…”- disse Roberta Miranda à Leo Dias do Metrópoles.

A sertaneja, que tem música na trilha de Pantanal, revelou que gostou a experiência de ter se relacionado com uma travesti.

“Namorei até uma travesti, era uma maravilha. Eu tinha o completo: metade mulher e metade homem. A gente se apaixonou, mas eu era muito neném” – declarou Roberta.

Ainda para Leo Dias, Miranda relembrou como era a dinâmica de sua relação com Luz Del Fuego.

“A gente se tratava da seguinte forma: era ela quando estávamos no show [de Luz Del Fuego] e ele quando estávamos na cama. Éramos muito novos, estamos falando de algo que aconteceu há 50 anos atrás. Eu comecei a ir muito ao show dele porque o achava muito lindo”- disse a cantora.

Fim do romance e descoberta da sexualidade

Roberta Miranda sentada em uma poltrona da sua casa dando entrevista à Leo Dias.
Roberta Miranda relembra seu passado. Fonte: Youtube

Durante a entrevista ao Metrópoles, Roberta Miranda contou que sua relação com de Luz Del Fuego chegou ao fim por insistência de sua mãe.

Leo Dias também perguntou se a cantora se considera bissexual. Todavia, Roberta afirma sentir atração por todos os gêneros. Dessa forma ela integra o grupo de pessoas da trissexualidade: pessoas que sentem atração fluida por três ou mais gêneros diferentes.

“É… bissexualidade. Brinco dizendo que eu sou trissexual. Quem come de tudo não passa vontade. Foi uma experiência linda [o namoro com a travesti]. Minha mãe nunca me viu com mulheres, e ela também não entendia. Os meninos que eu namorava eram recebidos dessa forma muito rude e eles se afastavam”- lembrou a cantora.

Da juventude, Roberta lembra que além da sua criação difícil e restrita ela também conviveu com um pai alcóolatra. Assim sendo a representatividade masculina em sua criação, veio com barreiras e repulsas, principalmente a bebidas.

“Não bebo, nem para brindar. É por causa do trauma que eu tenho”- disse Roberta.

  • Logo depois, nos siga no Google News e acompanhe as novidades de Pantanal e Ilha Record direto do seu smartphone. Basta clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News

Veja a entrevista na íntegra de Roberta Miranda com Leo Dias:

Compartilhe

Stories

Matérias Similares