Sustentabilidade com diversidade é o próximo passo do mundo da moda

Muitas marcas já perceberam que é essencial unir sustentabilidade com diversidade para se aproximarem do consumidor. Confira como isso acontece na prática.

894

- Continue depois da Publicidade -

Nos últimos anos, os consumidores se tornaram mais conscientes e preocupados com as mudanças climáticas. Como resultado, a forma de fabricar e a de consumir produtos mudou para praticar a sustentabilidade.

Isso também aconteceu na indústria da moda. A oferta de peças vintage cresceu, bem como a valorização do reuso. Muitas marcas, a fim de diminuir os impactos ao meio ambiente, passaram a utilizar matérias-primas naturais, diminuíram o desperdício e tomaram outras ações ecológicas.

Do mesmo modo, outro movimento que vem ganhando força é o da moda ética, que tem como objetivo unir a sustentabilidade com diversidade. Isso porque os dois conceitos se complementam e devem caminhar juntos.

Diminuir a poluição e economizar os recursos naturais, ao mesmo tempo em que leva em conta os aspectos sociais e a representatividade, é uma tendência global para as empresas de moda. Saiba mais!

Veja ainda: Moda sustentável – Ações inovadoras no Brasil e no mundo

O que é moda sustentável?

 

O conceito de moda sustentável surgiu com o propósito de desafiar o modo como a indústria fashion operou desde a sua criação. Algumas marcas agora buscam fabricar, anunciar, transportar e vender as suas roupas, os seus sapatos e os seus acessórios com o menor impacto possível para o meio ambiente.

Entre as práticas mais comuns da moda sustentável estão:

  • O uso de máquinas inteligentes, que poluem menos e poupam recursos como a água e a eletricidade;
  • O aproveitamento máximo das matérias-primas, como os retalhos de tecidos e embalagens para que haja menos desperdício;
  • A busca por alternativas para os produtos químicos empregados nos processos de tingimento, por exemplo;
  • A redução do uso de produtos de origem animal, como o couro e a pele. Isso porque a criação de gado causa desmatamento, utiliza grandes quantidades de água e tem alta emissão de gás carbônico.

 

cinco modelos deitadas usando roupas que são tendência e representando sustentabilidade com diversidade
Foto: Pexels

Como a diversidade se encaixa nesse cenário?

 

O significado real de sustentabilidade, no entanto, vai além da preocupação com a natureza e inclui também aspectos sociais e econômicos. Não adianta uma empresa cuidar de sua interação com o meio ambiente se não se atentar para o bem-estar de seus empregados e de seus consumidores.

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

É aí que entra a importância da diversidade na indústria da moda, pois é ela que permite fazer cada vez mais vozes serem ouvidas. Apostar na representatividade é também uma boa estratégia de negócios. Afinal, o cliente tende a comprar quando se identifica com uma marca ou com um produto.

A inclusão de modelos com os mais variados tons de pele, formatos de corpo, idades e expressões de gênero tem se fortalecido. E essa é uma tendência tanto nas passarelas quanto nos catálogos e nas revistas de moda.

Mas muito precisa ser feito para unir de vez a sustentabilidade com diversidade.  Ainda mais para redefinir os padrões de beleza que mantiveram tantas pessoas de fora do mundo fashion por anos.

 

duas modelos deitadas em uma escadaria
Foto: Pexels

Como praticar a sustentabilidade com diversidade na moda?

 

É uma questão de sobrevivência para as empresas perguntar, com frequência, de que modo o seu produto pode representar um número maior e mais diverso de histórias de vida. E isso não diz respeito não só ao marketing, mas também aos empregados que são contratados pela marca.

O trabalho pela inclusão nunca acaba. Por isso, é necessário que a indústria esteja sempre aberta a ouvir o que o seu consumidor tem a dizer. Conversar sobre soluções que garantam oportunidades iguais para modelos, designers e executivos de todas as minorias deve estar na pauta das marcas.

 

editorial de moda com três modelos sentadas
Foto: Pexels

De que forma o consumidor pode fazer a sua parte?

 

Em seguida, listamos algumas das ações para os consumidores, que ajudam a tornar o mundo da moda mais focado na sustentabilidade com diversidade:

  • Prefira as marcas de slow fashion às de fast fashion;
  • Procure comprar de empresas com certificações de sustentabilidade ou que estejam envolvidas em causas sociais e ambientais;
  • Tome cuidado com o green washing. Isto é, os produtos que têm uma embalagem e um marketing ecológico, mas que não diminuem o seu impacto ambiental na prática;
  • Priorize comprar de pequenos negócios;
  • Comente nas redes sociais de suas lojas favoritas. Dê sugestões de como elas podem tornar suas campanhas mais inclusivas;
  • Faça da pesquisa a sua maior arma. Descubra quem é o dono ou o designer da marca e prefira comprar de empresas que valorizam minorias.

 

duas modelos em editorial de moda
Foto: Pexels

Por fim, descubra os 10 caminhos para pensar a trajetória do mundo fashion neste artigo sobre a moda do amanhã. Confira ainda de que maneira a tecnologia vai influenciar a moda do futuro.

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também