Cartilha da Anvisa alerta sobre o uso de alisantes de cabelo

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) lança, hoje, um folheto alertando para o uso correto dos alisantes de cabelo. Na publicação, há dicas sobre como saber se o produto é seguro antes de comprá-lo (ou de deixar que seja aplicado pelo cabeleireiro) e uma lista de problemas que o formol pode causar à saúde. A substância é proibida para essa finalidade.

Irritação, queimadura, descamação e vermelhidão do couro cabeludo, ardência dos olhos e no nariz e falta de ar são algumas das complicações que podem acometer as pessoas que usam produtos com formol. Já quem se expõe à substância repetidas vezes – como os profissionais de salões que usam a mistura de forma clandestina – pode sofrer danos ainda mais graves, como desmaios e câncer nas vias respiratórias, que pode até levar à morte.

Substâncias permitidasEntre as substâncias permitidas em alisantes de cabelo, estão o ácido tioglicólico e os hidróxidos de sódio, de potássio, de cálcio, de lítio e de guanidina, entre outros. Todos os produtos com essa finalidade devem ter registro na Anvisa.

Alguns serviços gratuitos podem ajudar o consumidor e o profissional em caso de dúvidas ou de intoxicações, como o Disque Saúde (0800 61 1997), o Disque Medicamentos (0800 644 0644) e o Disque-intoxicação (0800 722 6001).

A publicação será lançada no Congresso Científico Internacional de Estética, em São Paulo, e distribuída em salões de beleza e clínicas de estética.

Fonte: Extra Online 

Publicação: 5 de agosto de 2007

Veja também...

O Fashion Bubbles possui cerca de 10 mil artigos, aqui as matérias geralmente aparecem aleatoriamente, aproveite para relembrar o que foi moda em outros anos, conhecer outros artigos ou ver a evolução do próprio site que começou em 2006 como um Blog.

COMENTÁRIOS

Leia o post anterior:
mkut
Software permite acesso ao Orkut do celular

Acaba de chegar mais um ingrediente para aumentar o grau de dependência dos fãs do Orkut. O mKut é um...

Fechar