Como lavar os cabelos corretamente – Manual do cabelo saudável

Saiba como transformar o processo de lavagem do cabelo em um verdadeiro tratamento de beleza.

Cosmetólogas ensinam a transformar o processo de lavagem do cabelo em um verdadeiro tratamento de beleza. Confira passo a passo para garantir a saúde dos fios e do couro cabeludo em 5 etapas para ter um cabelo incrível!

A consultora Sonia Corazza (@corazza.sonia), engenheira química e cosmetóloga, que atua como pesquisadora científica há mais de 40 anos na indústria de beleza e a Alessandra Meller, diretora de educação da marca Goldwell no Brasil, desvendam os segredos do universo capilar. Confira:

Veja também: Biotina – Como usar essa vitamina para o cabelo crescer mais rápido?

 

Como lavar os cabelos corretamente?

 

As dicas são do curso Uni Hair da Goldwell (@goldwellbrasil) sobre tricologia e a saúde dos cabelos, que foi criado devido a grande quantidade de informações equivocadas que circulam na Internet sobre o tema. Assim elaboramos um manual completo sobre como lavar os cabelos corretamente, feito por experts do assunto.

De antemão, Sônia, destaca ainda, que a saúde dos cabelos passa por vários aspectos, como uma alimentação saudável, horas de sono adequados a cada organismo, níveis de estresse controlados, entre outros fatores, que afetam diretamente o cabelo.

A seguir, confira agora o passo a passo e descubra como transformar a lavagem dos cabelos em um verdadeiro tratamento de beleza!

1. Lavar o cabelo

Esta é a etapa mais importante do cuidado diário, explica Sônia.

A limpeza adequada é essencial para um cabelo mais saudável, pois evita o acúmulo de secreção sebácea, células mortas que diariamente são descamadas do couro cabeludo e também as impurezas vindas do ambiente, além de impedir a proliferação de micro-organismos que podem causar problemas, como a seborreia e outros.

Alerta: Muitas pessoas com cabelos crespos e enrolados tem abolido o uso do shampoo e adotado apenas o uso do Low-poo, No-poo* ou Co-whash*, entretanto, essas opções não são suficientes para sozinhas manter a limpeza do cabelo e do couro cabeludo.

O uso do Shampoo, no mínimo uma vez por semana, é essencial para a saúde capilar, o que evita proliferação de micro-organismos e problemas dermatológicos que podem, inclusive, provocar a queda dos cabelos. Após o 4 passo você encontrará uma tabela com indicação de lavagem dos cabelos de acordo com o grau de curvatura.

Passo a passo da lavagem dos cabelos:

  • O cabelo deve ser lavado com água morna ou fria, evitando a água muito quente, porque deixa os fios mais ressecados e com menos brilho.
  • Coloque uma pequena quantidade de shampoo na mão e espalhe no couro cabeludo. Entretanto, não é necessária uma grande quantidade de xampu para limpar bem os cabelos. O produto não precisa fazer tanta espuma para significar que se fez a higienização do cabelo, ou seja, não há necessidade de aplicar grande quantidade.
  • Não esfregue, apenas espalhe com as pontas dos dedos, massageando levemente.

– Deixe o produto agir por 2 ou 3 minutos, assim vai ter maior eficiência, afinal todo produto químico necessita de um tempinho para que as reações possam ocorrer. Geralmente tiramos rápido demais o shampoo, sem que o produto tenha tempo de agir, geralmente por medo de ressecar o cabelo, isso só vai acontecer se for um produto de má qualidade.

  • Não é necessário esfregar os fios, pois o shampoo que escorre pelo cabelo já é suficiente para deixá-los limpos.

 

Em primeiro lugar essa é a etapa mais importante, contudo, basta uma pequena quantidade de shampoo e não precisa fazer muito espuma. Espalhe pelas raízes e deixe o produto agir. Destacando que não é necessário esfregar os fios, pois o shampoo que escorre pelo cabelo já é suficiente para deixá-los limpos – Como lavar os cabelos corretamente

 

  • Use sempre a ponta dos dedos e nunca as unhas, já que elas podem ferir e também contribuir para espalhar fungos e bactérias.
  • Cuidado para não massagear em demasia o couro cabeludo, para não estimular demais as glândulas sebáceas, pois quando estimuladas em excesso, podem levar ao aumento da oleosidade no cabelo.
  • É muito importante que o shampoo seja adequado ao seu tipo de cabelo.
  • Repita o processo se desejar uma limpeza mais profunda.
  • Enxaguar o couro cabeludo até retirar todo o produto. Importante não deixar resíduos.

 

Cuidado para não massagear em demasia o couro cabeludo, para não estimular demais as glândulas sebáceas, pois quando estimuladas em excesso, podem levar ao aumento da oleosidade no cabelo. Lembre-se shampoo apenas no couro cabeludo, não é necessário esfregar os fios – Como lavar os cabelos corretamente

E mais: Shampoo com sal não resseca o cabelo, isso é mito, explica Sonia:

2 – Condicionador

 

Na sequencia, o condicionamento é fundamental, nesta etapa é feita a finalização da limpeza, neutralizando as cargas geradas na lavagem. É também nesse momento que se devolve o manto ácido protetor da epiderme do couro cabeludo, evitando a proliferação  dos micro-organismos nocivos .

  • Tire o excesso de água delicadamente, sem torcer os fios para não danificá-los. Uma alternativa muito usada em salão é  passar a toalha para absorver a água e facilitar a aplicação do condicionador.
  • Aplicar o condicionador nas pontas e nunca na raiz. Desembaraçar os cabelos com os dedos durante o uso do condicionador pode ajudar a fechar as cutículas e também na hora de pentear.
  • Faça movimentos de cima para baixo, espalhando o produto; Deixe agir pelo tempo indicado pelo fabricante do produto e só depois enxaguar o cabelo para retirar todo o produto.
  • Enxague bem sem deixar nenhum resíduo. É importante não deixar resíduos de xampu ou condicionador no cabelo, porque isso pode deixá-lo com aspecto pesado, grosso e ainda ocasionar seborreia e irritações no couro cabeludo, dependendo do produto utilizado.

 

Importante aplicar o condicionador o condicionador somente nas pontas e nunca na raiz. O produto deve ser retirado completamente – Como lavar os cabelos corretamente

3. Secar o cabelo com a toalha

 

É necessário secar o cabelo com a toalha, fazendo-a absorver a água, evitando esfregá-la, para não abrir novamente as cutículas do cabelo e danificá-las.

Nunca friccione os fios. A melhor maneira de secar os fios é fazendo movimentos suaves com a toalha, mas nunca friccionando. Friccionar os fios com a toalha pode quebrá-los. Não podemos esquecer que o fio é uma estrutura sensível e é necessário cuidado ao secar.

 

É necessário secar o cabelo com a toalha, mas não friccione os fios – Como lavar os cabelos corretamente

4. A finalização que protege

 

Para finalizar as etapas de higiene e condicionamento é preciso fornecer condições de proteger o fio de cabelo das agressões ambientais, evitando seu desequilíbrio. Mesmo tendendo a ser mais oleosa, a pele do couro cabeludo pode se apresentar desidratada e vulnerável ao ataque causado pelos raios solares.

A hidratação diária vinda dos produtos finalizadores mantém o teor de umidade ideal sobre o couro cabeludo e fio de cabelo, protegendo-os também dos danos causados pela poluição, destaca Sonia Corazza.

 

A importância dos finalizadores está relacionada principalmente com a hidratação dos fios.

 

A desidratação e a diminuição da elasticidade dos fios de cabelo ocorrem quando a perda de água é maior do que a reposição. A hidratação repõem os componentes perdidos e mantém a concentração de água fundamental no cabelo, mantendo-o resistente e elástico.

Produtos contendo filtro solar são de extrema importância, devido o alto grau de radiação a que estamos expostos devido o efeito estufa. Finalizador com proteção solar, atualmente é um questão de saúde, já que o câncer de couro cabeludo está entre os que mais crescem no Brasil.

O finalizador com proteção solar vai evitar os danos causados pela radiação e também evitar o envelhecimento precoce.

Se o cabelo passou por processo de descoloração ou outros tratamentos que modificaram sua estrutura, o fio perdeu completamente sua capacidade de proteção solar, tornando o uso do finalizador com proteção solar, ainda mais essencial.

A importância dos finalizadores está relacionada principalmente com a hidratação dos fios e proteção contra os raios solares – Como lavar os cabelos corretamente

 

5. Pentear o cabelo e secar

 

  • Pentear suavemente começando das pontas para a raiz, ajudará a desembaraçar mais facilmente evitando danos ao cabelo, com uma escova ou pente de cerdas largas. O ideal, se possível, é deixar o cabelo secar ao natural e fugir dos secadores de cabelo.
  • Usando o secador de cabelos, nuca deixe ultrapassar os 80ºC e esteja a uma distância de pelo menos 20 cm da saída do ar.
  • Importante ter paciência! O processo de desembarace e modelagem dos fios pode ser demorado ou não, o que vai depender da textura, volume e tamanho do cabelo. No entanto, na hora de penteá-lo, é preciso lembrar-se que o ideal é não forçar os fios, já que a pressão exagerada pode causar problemas como quebra e queda precoce. Isto também vale para a hora da escovação, com ou sem secador.
  • Pentes grandes e, de preferência, com dentes largos e de madeira, que são ideais para evitar o frizz e deixar os fios mais alinhados.
  • Cabelos ondulados merecem uma atenção especial em relação à sua escovação, pois não devem ser penteados muitas vezes ao longo do dia para não deixar as ondas sem forma e aumentar o volume. Por isso, a dica é pentear os fios apenas depois do banho, com a ajuda também de um pente de madeira e com dentes largos, que é ideal para evitar os fiozinhos arrepiados.

 

Dicas para hora de pentear – Como lavar os cabelos corretamente

Com que frequência devo lavar os cabelos?

Por último, a frequência com que você lava o seu cabelo também pode influenciar na qualidade do mesmo. As diferentes texturas de fio afetam diretamente na quantidade de vezes com que o cabelo deve ser lavado.

Lavar os cabelos todos os dias pode não ser uma boa ideia

Se o seu cabelo é oleoso, lavá-lo todo dia pode parecer uma solução para o problema, mas na verdade pode ocasionar outros problemas, como dermatite seborreica  e coceira no couro cabeludo, pois diminui a quantidade de sebo do mesmo.

Para quem tem cabelo muito oleoso, uma alternativa, é diminuir no cardápio a ingestão de alimentos muito gordurosos, o que vai ajudar naturalmente a equilibrar a saúde dos cabelos. Outra dica, é acertar um shampoo que equilibra a oleosidade do couro cabeludo, sem ressecar os fios.

Lavar os cabelos todos os dias também pode não permitir que a raiz seque completamente. A melhor solução nesse caso é procurar um/a dermatologista que irá orientar qual a melhor maneira de resolver o seu problema.

Tabela de lavagem capilar

Cabelos lisos com grau de curvatura 1, 2, 3:

  • Costumam ser mais oleosos e devem ser lavados sempre que necessário;
  • Condicionar após o shampoo;
  • É recomendável tratamento semanal com máscara hidratante.
  • Usar finalizador diariamente com proteção solar, como spray, emulsão flauida tipo creme de pentear  ou mousse modeladora.

Cabelos Crespos ou encaracolados

Cabelos enrolados e crespos, com curvatura acima de 4, por exemplo, não precisam ser lavados com tanta frequência.  O ideal é no máximo, lavar 2 vezes por semana, pois são cabelos frágeis e que têm pouca oleosidade, já que o sebo produzido no couro cabeludo tem dificuldade para chegar até as pontas dos cabelos.

  • Lavar com 1 vez por semana ou sempre que necessário com shampoo;
  • Lavar 1 vez por semana com Low-poo* , No-poo* ou Co-whash*;
  • Usar condicionador após shampoo;
  • Semanalmente usar máscara hidratante, máscara redutora ou sérum de tratamento intensivo
  • Finalizar diariamente, ideal que tenha proteção solar: fluido umidificador potencializador de cachos, elixir, óleo, emulsão cremosa tipo creme para umidificar, pomada de definição ou cera de definição para as pontas.
  • Low-poo* , No-poo* e Co-whash* são técnicas de limpeza sem shampoo, pouco shampoo ou somente com o condicionador. Sugerem que a lavagem dos cabelos, seja feita com sulfatos leves ou bálsamos suaves limpantes em substituição aos shampoos. É mais usada por quem tem cabelos ondulados ou crespos. Lembrando que o uso do shampoo pelo menos uma vez por semana é indispensável para manter os fios limpos e couro cabeludo saudável!

Outros mitos e curiosidades

Não torça os cabelos para retirar o excesso de água

Torcer o cabelo para retirar o excesso de água é um hábito comum principalmente para quem tem cabelos longos, mas realizar esse processo repentinas vezes pode ocasionar quebras. Para tirar a umidade dos fios, sem danificá-los, basta apertar a toalha contra os fios com cuidado, isso já é suficiente.

Não prenda os cabelos molhados ou passe muito tempo com a toalha na cabeça

Outro hábito muito comum é ficar com a toalha enrolada na cabeça. A situação é muito prejudicial, principalmente para quem tem um cabelo bastante volumoso, já que prolonga o tempo de umidade do cabelo.

O mesmo vale para quem gosta de prender o cabelo molhado. Esses hábitos resultam em alguns problemas capilares, já que o ambiente úmido é propício para a proliferação de fungos e bactérias.

Como lavar os cabelos corretamente

 Veja também: Óleo de coco – Por que NÃO usar o óleo de coco nos cabelos? Cientista explica.

Gostou? Acompanhe dicas e novidades no nosso Instagram: @fashionbubblesoficial.

 

BelezaCabelosCuidados com a pele e cabelocuidados com cabeloGoldwellTratamentos de cabelo