Dermaplaning, a técnica de renovação da pele: o que você deve saber

O dermaplaning é um dos tratamentos estéticos mais comentados ultimamente. Apesar de já existir há muitos anos, poucas pessoas conheciam essa técnica

- Continue depois da Publicidade -

O dermaplaning é um dos tratamentos estéticos mais comentados ultimamente. Apesar de já existir há muitos anos, poucas pessoas conheciam essa técnica até algum tempo atrás.

A esfoliação de pele é um tratamento conhecido, muito procurado nas clínicas de estética e, o dermaplaning é uma derivação dele.

Sendo assim, esse surge como uma alternativa segura e altamente eficiente para deixar o seu roso mais bonito e com aparência jovem.

De acordo com profissionais, essa técnica consiste em realizar uma esfoliação superficial na pele, por meio da ablação de uma lâmina de bisturi.

 

dermaplaning
Foto: Pinterest

 

- Continue depois da Publicidade -

Isso promove a remoção da camada de células mortas e também da pilosidade superficial, de modo que tanto a textura quanto a tonalidade da pele fiquem muito mais agradáveis.

Por isso, esse é um procedimento que auxilia no rejuvenescimento celular e, ainda possui vários benefícios secundários que vale a pena conhecer.

- Continue depois da Publicidade -

Mas para obter os efeitos desejados, é preciso conhecer muito bem a técnica. Então veja tudo o que você precisa saber antes de começar a usar o dermaplaning.

 

O que é dermaplaning?

 

dermaplaning

 

- Continue depois da Publicidade -

Antes de saber os detalhes sobre essa técnica, você precisa saber o que é e como funciona o dermaplaning.

Basicamente essa é uma espécie de esfoliação da superfície da pele, realizada por meio de uma lâmina, que pode ser um bisturi, para fazer a ablação.

A passagem da lâmina sobre a pele faz com que a camada córnea, onde se localizam as células mortas, é removida.

Com isso, a textura da pele fica bem mais uniforme, promovendo uma aparência de rejuvenescimento.

No entanto, deve-se dizer que essa é uma técnica que mexe com a pele, e pode provocar danos. Por isso, é essencial que o dermaplaning seja realizado por uma pessoa instruída, que saiba realmente como executar o procedimento sem ferir a pele.

 

  • Veja também: Água termal – como usar a água termal e quando é prejudicial?

 

Mas depilação com lâmina?

 

dermaplaning
Foto: Pinterest

 

Quando se fala em dermaplaning, uma das principais dúvidas é com relação aos efeitos de se passar uma lâmina no rosto.

Pode parecer um pouco estranho, mas já foi comprovado que as mulheres que depilam o rosto com lâminas, por exemplo, envelhecem melhor.

Isso porque além dos pelos, a lâmina remove também impurezas da camada superficial, como células mortas.

A lâmina estimula também a produção de colágeno. Justamente por isso essa técnica vem ganhando cada vez mais adeptas ao redor de todo o mundo.

Além disso, deve-se dizer que o momento da depilação é uma verdadeira tortura para a maioria das mulheres.

Além da dor e do sofrimento, é preciso perder o maior tempão no salão, o que deixa muitas mulheres insatisfeitas.

Para sanar esse problema, muitas mulheres preferem usar lâminas para remover os pelos do corpo.

Mas agora elas estão se tornando também ótimas aliadas para a remoção dos pelos no rosto e os resultados são surpreendentes.

 

 

Benefícios do dermaplaning

 

dermaplaning

 

O dermaplaning vem ganhando muitos adeptos porque é uma técnica que traz muitos benefícios, que vão além apenas da remoção de células mortas. Então veja a seguir uma lista de benefícios da técnica para a pele:

  • Deixa a textura da pele mais agradável, melhorando também o brilho e a luminosidade;
  • A lâmina remove as células mortas e os pelos faciais, estimulando também a renovação celular;
  • O dermaplaning deixa a pele mais permeável, permitindo assim um melhor efeitos de cosméticos;
  • A maquiagem se fixa melhor na pele que recebe o tratamento. A finalização fica mais bonita e o efeito é mais duradouro também;
  • O procedimento auxilia também na redução de rugas e linhas de expressão;
  • Graças à eliminação da camada superficial, o dermaplaning reduz o entupimento dos poros, que pode ocasionar episódios de acne;

Viu só quantos benefícios em um único tratamento estético. Mas tenha atenção porque não se pode fazer com tanta frequência.

É preciso dar um intervalo de mais ou menos 21 dias entre uma sessão e a outra.

 

  • Depois veja também: Ozonioterapia e seus benefícios para acne, fibromialgia, celulite e osteoporose

 

O procedimento é seguro?

 

dermaplaning
Foto: Pinterest

 

Muitas pessoas se perguntam se o dermaplaning é realmente um procedimento estético seguro, visto que na prática é uma espécie de agressão para a pele.

Quando feito por um profissional habilitado e bem treinado, o tratamento é indolor e não apresenta nenhum tipo de risco.

Muitas pessoas optam por realizar o procedimento em casa; mas é preciso ter muito cuidado nesse caso, sobretudo se você for utilizar um bisturi.

Isso porque a lâmina é altamente cortante e pode ferir a sua pele. Além disso, se a lâmina não estiver devidamente esterilizada, pode provocar infecções e inflamações.

Caso a pele seja ferida profundamente, existe a possibilidade de surgirem cicatrizes indesejadas. O que pode piorar a aparência da pele ao invés de melhorar.

 

  • Confira também: K-beauty: a fórmula das coreanas para uma pele perfeita

 

Como saber se o dermaplaning é indicado?

 

dermaplaning

 

Devido ao desconhecimento sobre a técnica, é comum que as pessoas tenham dúvidas sobre quais as situações em que o dermaplaning é indicado.

Esse procedimento é mais suave e menos invasivo em relação a outros bastante conhecidos, como o microagulhamento ou o peeling químico.

Por isso, ele serve como uma alternativa para quem busca por procedimentos mais suaves e bem menos invasivos.

No entanto, isso faz com que os efeitos também sejam mais sutis em relação aos outros procedimentos mais agressivos.

Outra questão importante é que a raspagem com lâmina não deve ser realizada com tanta frequência. Então é preciso levar essas questões em consideração.

 

Os fios ficam mais grossos com esse tratamento?

 

dermaplaning
Foto: Pinterest

 

Existem muitos mitos sobre o uso de lâminas para a remoção de pelos, por isso o dermaplaning é um tratamento estético que traz várias dúvidas.

Uma das principais é se os fios ficam mais grossos com o passar do tempo. Será que os pelos do rosto vão crescer mais grossos e com maior velocidade?

Não. Especialistas afirmam que fazer a raspagem com lâminas não influencia sobre a espessura dos fios da face.

Isso porque nessa região os pelos são diferentes em relação ao restante do corpo. No rosto os pelos possuem a mesma espessura das raízes até as pontas.

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Dessa forma, a extremidade sempre será fina, independentemente de você utilizar lâminas ou cera para removê-los.

 

 

Existem contraindicações?

 

Assim como qualquer outro tipo de tratamento, antes de começar a fazer dermaplaning, você deve saber quais são as principais contraindicações dele. São elas:

  • Pacientes com acne ativa não podem fazer a raspagem com lâmina;
  • Pessoas com sensibilidade extrema, como rosácea, psoríase e outros tipos de dermatites também não devem realizar o tratamento;
  • Indivíduos alérgicos ao níquel também são desaconselhados a passar pelo procedimento.

Além das contraindicações sobre o não uso do tratamento, existem também algumas recomendações muito importantes para que os efeitos sejam agradáveis.

Cinco dias antes da data do procedimento, o individuo deve deixar de se expor diretamente ao sol e, também abandonar o uso de ácidos. Isso para evitar que a pele fique lesionada.

Pessoas que realizam tratamento com isotretinoína devem fazer a interrupção por um período de pelo menos 60 dias antes do dermaplaning.

Além disso, depois de passar pelo tratamento é essencial evitar a exposição ao sol por pelo menos três dias inteiros, visto que a pele estará extremamente sensível.

Por fim, deve-se salientar que o tratamento estético deve ser preferencialmente realizado por um profissional bem treinado, que possa aplicar a técnica com materiais adequados e sem provocar lesões profundas na pele.

 

  • Siga o Fashion Bubbles no  Google News para poder acompanhar tudo sobre beleza direto no seu smartphone. É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News.

 

Posso fazer dermaplaning caseiro?

 

dermaplaning
Foto: Pinterest

 

Como já foi dito, o dermaplaning é um tratamento estético que provoca a raspagem da pele, removendo a sua camada superior.

Usar uma lâmina de bisturi sem ter conhecimentos e prática sobre isso, pode ocasionar lesões profundas, infecções e contaminações, visto que a lâmina é altamente cortante.

Apesar dos riscos, existem muitos materiais na internet que mostram como você deve fazer o dermaplaning em casa.

Se você ficar muito tentada em realizar o procedimento, procure escolher materiais mais seguros, que sejam menos agressivos. Prefira materiais como:

  • lâmina de barbear;
  • aparador facial;
  • modelador de sobrancelha.

 

O passo a passo para realizar o tratamento

 

Assim como outros procedimentos estéticos, o dermaplaning tem uma série de passos que devem ser seguidos para que seja possível obter os resultados desejados.

Veja quais são eles para você não errar de maneira nenhuma:

  • Seque sua pele

Para fazer o dermaplaning, é essencial que a sua pele esteja bem seca. Na verdade, quanto mais seca ela estiver, melhor será.

  • Atenção aos movimentos

A movimentação deve ser adequada para se obter os resultados desejados. É preciso puxar a pele suavemente movendo-a para baixo sempre.

Os movimentos devem ser pequenos e realizados em um ângulo de 45 graus.

  • Inicie na região da orelha

Os movimentos devem ser realizados sempre iniciando-se pela região das orelhas e então indo em direção à mandíbula.

O mesmo deve ser feito indo até o nariz, de modo a se passar por toda a área das bochechas. É preciso fazer os movimentos também seguindo-se a linha da testa.

  • Finalize no pescoço

Tendo como base a linha da mandíbula, deve-se alisar a região do pescoço fazendo movimentos para baixo.

Por parecer simples, mas é preciso ter muito conhecimento e saber exatamente como realizar a técnica, sobretudo ao utilizar um bisturi como ferramenta.

Sendo assim, procure por um profissional bem treinado que possa te oferecer esse tipo de serviço de uma forma segura, para que você não se arrependa.

 

Devo optar pelo dermaplaning ou peeling?

 

Muita gente tem dúvidas sobre o tipo de procedimento mais adequado em cada caso. Mas então como decidir entre o dermaplaning e o peeling?

Bom, isso vai depender do que você espera e deseja para a sua pele. O peeling é um tratamento mais intenso, agressivo, que proporciona a remoção da camada da epiderme, provocando uma regeneração celular intensa.

Assim, ocorre uma descamação profunda, estimulando-se a produção de colágeno pelo organismo.

Em contrapartida, o dermaplaning é uma técnica sutil e bastante segura, voltada sobretudo para indivíduos que buscam por tratamentos mais leves.

Os efeitos também são mais sutis. Por isso, esse tratamento é indicado para quem deseja apenas melhorar a aparência da pele e ter um efeito de rejuvenescimento sutil.

 

Dermaplaning é um tratamento antigo

 

Isso mesmo! Por mais que o dermaplaning esteja se tornando um tratamento queridinho das famosas e ficando mais conhecido nos últimos anos, acredite, ele resistiu aos anos.

Marilyn Monroe e Elizabeth Taylor são duas mulheres mais modernas que também usaram a técnica para melhorar a sua aparência.

Mas é claro que nos últimos três anos a técnica explodiu e está ganhando mais adeptos dia a dia.

Apesar disso, ainda existem muitas dúvidas e confusões sobre isso. Muita gente pensa que esse é um tipo de depilação, por exemplo.

Mas na verdade, o dermaplaning é um tratamento estético dermatológico que tem como efeito secundário eliminar os pelos da face.

Além disso, existe a crença popular que diz que o pelo tende a ficar mais grosso, mas isso não é verdade de maneira alguma.

Além de ficar com a pele livre das penugens indesejadas, a pessoa ainda consegue uma pele de pêssego, bem uniforme e brilhante.

E tudo isso com a vantagem de obter os resultados instantaneamente, ao contrário de outros tipos de tratamentos, que precisam de várias sessões.

Desde a primeira aplicação do dermaplaning a pessoas já verá os incríveis resultados. Pode ser que instantaneamente a pele fique um pouco irritada, mas após três dias ela estará linda.

Assim fica fácil entender porque esse tratamento estético resistiu ao tempo, sobrevivendo desde o tempo da Cleópatra até os dias de hoje, não é mesmo?

 

Conclusão

 

O dermaplaning é uma técnica muito utilizada atualmente para remover as células mortas e os pelos da região da face, proporcionando efeitos de rejuvenescimento.

São muitos os benefícios do uso dessa técnica, mas ela também oferece riscos quando não realizada por um profissional habilitado.

Sendo assim, se você acha que o dermaplaning é para você, procure um serviço de confiança.

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes