WGSN aborda “Como se reconectar em um mundo sem contato físico”

A WGSN elaborou um conteúdo digital que revela os novos hábitos e tendências pós-pandemia, além de diretrizes para as marcas enfrentarem o novo cenário do mercado com a retomada ao mundo real, mas sem o contato físico.

349

- Continue depois da Publicidade -

Após um longo período de isolamento social, muitas empresas e marcas estão com dificuldades para entender e interagir com o “novo normal”. E a partir disso, a WGSN elaborou um conteúdo digital, a fim de auxiliar nesse processo de retorno.

Com o nome de Retomada: reconectar em um mundo sem contato físico, esse guia visa destacar os novos hábitos dos consumidores. Além, dos sentimentos e comportamentos que irão resultar em oportunidades no mundo todo.

Quer saber mais sobre como atender as novas tendências do mercado? Então continue lendo e conheça mais dessa proposta da WGSN.

  • Depois veja também: Fashion Weeks SS21 – 6 macrotendências da moda para 2021 / 2022. Além de  Moda do amanhã – 10 caminhos para pensar a trajetória da Moda de agora em diante.

WGSN aborda sobre a retomada pós-quarentena e a nova abordagem aos consumidores

Após um período turbulento de pandemia e quarentena, o mundo volta de forma progressiva ao cotidiano. Porém, esse retorno não é da maneira que estávamos acostumados. Mas sim, com uma realidade repleta de receios, novos hábitos e necessidade de distanciamento social.

O que resulta em um novo tipo de consumidor, que também busca por um mercado renovado. Com isso, a WGSN- Worth Global Style Network, desenvolveu um conteúdo que visa desvendar o cenário atual das marcas, permitindo que esse contato seja feito da melhor maneira possível.

Nesse conteúdo, a WGSN reuniu uma série novos hábitos e preocupações que os consumidores irão buscar. Confira alguns dos assuntos abordados!

mudanças do novo normal
Fonte: Canva

O novo normal traz mudanças

A pandemia trouxe consigo diversos novos hábitos para a sociedade geral. Visto que coisas comuns como ir às compras, usar o transporte público, entre outras atitudes corriqueiras, agora podem apresentar desconforto, obrigatoriedade do uso da máscara e até um certo risco.

Com isso, a WGSN traz à tona as novas tendências de consumo e mercado. O que irá permitir uma melhor experiência e segurança ao perfil de cliente pós-pandemia. Além da necessidade de reconexão sem o contato físico, que pode ser um obstáculo para uns, mas uma solução para outros, temos a redefinição da interação sob narrativas digitais e comércio social foi um dos tópicos abordados.

Nesse conceito é explanado como as compras on-line ratificaram o seu espaço, mas além disso também trouxeram maior competitividade. Que por fim, engaja a novas formas de investir em estratégias digitais, reforçando a imagem da marca em diversas redes para chegar a mais consumidores.

Outra forte tendência de mudança durante e após a flexibilização da quarentena são as formas de deslocamento. Isso porque, para garantir segurança e saúde, muitas pessoas irão optar pelos transportes individuais alternativos como bicicletas, patinetes, entre outros. Resultando em uma nova necessidade nas roupas e vestimentas.

A WGSN revela que diante deste cenário, as pessoas cada vez mais buscarão por looks versáteis, confortáveis e práticos para uma transição entre locais externos e o trabalho. Assim como os tecidos, que por sua vez tendem a ser confortáveis, leves e arejados, apresentando um novo consumidor que terá mais atividades físicas durante o seu dia.

WGSN como será o consumidor pós-pandemia
Fonte: Reprodução

Beleza da nova geração

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Alguns itens básicos de cuidado e beleza como balms, shampoos, cremes, entre outros, tendem a sofrer uma transformação nessa época pós-pandemia. Isso porque, além na necessidade constante de desinfecção, a origem zoonótica do coronavírus traz à popularidade os ingredientes à base de plantas e assim, a maioria irá buscar por essas opções.

Diante disso, a WGSN revela que para sair na frente na conquista de clientes, as marcas terão que investir não só na dupla ação de cuidado e proteção, como também em dispensers e embalagens inovadoras, com dispositivos inteligentes ou que não precisam ser tocados. Visto que no futuro, mesmo com a moda consciente e que preza pela sustentabilidade, o uso individual de itens e produtos será essencial.

A autossuficiência também é uma nova tendência em destaque que ganhou muitos adeptos durante a quarentena, uma vez que isso permite a produção de alimentos e insumos para o próprio consumo. Dessa forma, uma boa maneira de ser destaque no mercado é incorporar os produtos e serviços a esse novo hábito. Revelando que a marca pode ser uma aliada nessa nova rotina e forma de viver da sociedade.

beleza pós-pandemia
Fonte: Reprodução

Transparência e otimismo

Um sentimento que ecoa a maioria sobre o futuro pós-pandemia é o otimismo. E por isso, para conquistar de uma vez por todas o novo consumidor, a WGSN aborda que será necessário uma imagem transparente e que também possa interagir com um mundo melhor.

Para isso, ela descreve a necessidade de aproximação do público, além de prover soluções inteligentes e atenção com a integridade. Visto que uma forte característica da geração Z é o pensamento otimista em relação ao futuro.

Por fim, a WGSN apresenta cinco pontos que irão estimular o sucesso nesse momento. São eles:

  • Abrace o digital;
  • Segurança em primeiro lugar;
  • Priorize o bem-estar;
  • Seja sustentável e foque na comunidade; e
  • Comunique-se de forma clara.

Ao seguir essas diretrizes será mais fácil alcançar uma posição de destaque no mercado atual. E para saber mais sobre todo esse conteúdo, acesso o site da WGSN e inscreva-se para receber mais tendências da indústrias da moda, beleza, entre outros relacionados.

WGSN revela futuro otimista
Fonte: Reprodução

Sobre a WGSN

A WGSN é líder mundial em previsão de tendências. Assim, trabalha com os principais varejistas, empresas e marcas do mundo, de todos os segmentos, afim de prever os novos hábitos dos consumidores. Assim como, quais produtos e experiências serão mais atrativos.

Da mesma forma, a empresa também possui o serviço WGSN Insight, que pretende manter o pensamento e ideias sempre um passo a frente nas principais tendências. Isso, por meio de temas abordados em um panorama detalhado das principais tendências de consumo, marketing, varejo e inovação.

E por fim, também há a WGSN Mindset, que é um serviço de consultoria personalizada, que visa apresentar soluções estratégicas e previsões de tendências de consumo, mercado e produto. Como consequência, essas informações possibilitam o desenvolvimento de experiências e produtos altamente segmentados, perfeitamente adequados ao público e à identidade da marca.

wgsn
Fonte: Reprodução

E então, gostou de saber sobre as principais tendências no mercado da moda e beleza? Deixe seu comentário e siga-nos nas redes sociais para receber mais novidades!

Via WGSN

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também