Lustre: como escolher, dicas e fotos de inspiração

O lustre garante luminosidade e personalidade ao ambiente, porém, é preciso saber qual a altura e formato ideal para cada espaço

Fonte: Canva

Você como escolher o melhor tipo de iluminação para cada ambiente da casa? A hora de escolher a decoração pode ser um trabalho tanto prazeroso quanto difícil. Afinal, é importante criar um espaço harmônico, confortável e que reflita sua personalidade em cada detalhe. Mas quando o assunto é o lustre, a escolha fica ainda mais complicada. 

São tantos modelos, formatos e cores que saber combinar com o restante da decoração parece ser uma missão impossível. Quem nunca sonhou em ter um lustre de cristais com várias lâmpadas no teto da sala? Por outro lado, um estilo moderno e minimalista oferece praticidade na limpeza e dá um ar clean ao ambiente. 

Portanto, se você está na dúvida de como escolher qual o melhor lustre para cada ambiente da casa, está no lugar certo. Separamos dicas e fotos incríveis! 

Qual a diferença entre lustres e luminárias?

Fonte: Pinterest/Canva

Antes de mostrarmos dicas e fotos de lustres, é importante separar os tipos de iluminação em categorias. Afinal, nem todo mundo sabe a diferença entre lustres e luminárias pendentes.

Basicamente, um lustre é formado por ramificações que servem para colocar várias lâmpadas. Sendo assim, pode ser como decoração ou ainda como a iluminação principal. 

Além disso, os lustres são peças que ocupam bastante espaço e, por isso, devem ser colocados em espaços grandes. 

Por outro lado, as luminárias pendentes oferecem uma iluminação baixa e focada em determinado móvel ou objeto decorativo. Como resultado, o objetivo deste tipo de iluminação é puramente decorativo e precisam de luzes adicionais para garantir uma boa luminosidade ao ambiente. 

Os pendentes não possuem ramificações e desde do teto por meio de fios ou cabos. 

Related Post

Portanto, agora que você já sabe em qual categoria procurar seu objeto de iluminação, confira as dicas de como escolher para cada cômodo.  

  • Em seguida, veja também Luminária: 30 modelos com as maiores tendências de decoração

Como escolher o lustre?

Fonte: Pinterest

Os lugares mais comuns de se usar um lustre na decoração são: sala de jantar, estar e hall de entrada. Isso porque esses ambientes costumam ser os maiores da casa e estão em evidência para receber visitas. 

Sendo assim, separamos 6 dicas para que você possa escolher a melhor opção de lustre: 

1. Defina um estilo

Fonte: Pinterest

Em primeiro lugar, é importante definir qual o estilo da decoração do ambiente, como rústico, vintage, minimalista, moderno, entre outros. 

A partir dessa informação é mais fácil saber qual o modelo de lustre que melhor se encaixa na decoração. Essa combinação deixará o cômodo harmônico e, consequentemente, mais agradável visualmente. 

Além disso, vale a pena planejar quais itens no espaço estarão em evidência. Isso porque caso o objetivo seja dar atenção ao sofá, por exemplo, o lustre poderá ser mais simples. 

2. Escolha o diâmetro

Fonte: Pinterest

Agora que você já sabe o estilo de decoração do ambiente, está na hora de escolher qual o melhor diâmetro. Para isso, existem duas regras bastante simples, são elas: 

Se o lustre ficar em cima da mesa de jantar, é importante que ele varie entre 30,5 e 38 centímetros de diâmetro. 

Outro método utilizado por profissionais de arquitetura e decoração é converter o comprimento e largura do cômodo para centímetros, sendo que o resultado será o diâmetro perfeito para adicionar o lustre. 

Por outro lado, também existem empresas que oferecem o serviço de construção de lustre feito sob medida. Portanto, vale a pena conferir o custo-benefício. 

3. Determine o melhor formato

Fonte: Pinterest

Para escolher o formato do lustre, é necessário avaliar o formato do ambiente. Por exemplo, um hall de entrada estreito pede um lustre mais linear. 

Como resultado, as proporções se encaixam melhor e o cômodo fica mais agradável. Essa dica é especialmente válida para ambientes como banheiros, corredores e hall de entrada. 

Caso você tenha dificuldade com esses tipos de cômodos, vale a pena consultar um profissional como arquitetos e designer de interiores. 

4. Veja qual a altura do lustre

Fonte: Pinterest

Para evitar possíveis acidentes, leve em consideração a altura do ambiente em relação ao tamanho do lustre. O indicado é que haja um espaço de 2,13 metros entre o chão e o lustre. 

Outra forma de medir o espaço é se posicionar embaixo do local onde o lustre ficará e medir 30,5 centímetros de distância entre sua cabeça e o objeto. 

Por outro lado, caso o lustre fique em cima de uma mesa, por exemplo, a altura mínima de distância é de 91 centímetros do tampão ao objeto. 

5. Não se limite ao básico

Fonte: Pinterest

É quase automático pensarmos que um lustre deve estar posicionado no centro do cômodo. Porém, nem sempre essa é a melhor escolha. Afinal, a disposição dos móveis faz toda a diferença na construção do espaço. 

Por exemplo, se existe um espaço na casa que seja multifuncional e agregue as salas de jantar e estar, vale a pena colocar um tipo de iluminação diferente para cada área. Neste caso, também é possível incluir dois lustres. 

  • Além disso, aproveite e nos siga no Google News para para saber tudo sobre Moda, Beleza, Famosos, Décor e muito mais. É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News!

Como fazer lustre?

Fonte: Pinterest

Que tal adicionar um trabalho artesanal e com valor sentimental na decoração? Além de ser um charme extra, ainda adiciona mais personalidade ao espaço. 

Portanto, se você quer aprender a fazer um lustre, separamos alguns vídeos com tutoriais simples para reproduzir em casa.  

Mais inspirações

Ao final, separamos uma série de modelos de lustres para você se inspirar! 

Em primeiro lugar, uma sala de jantar rústica combina com lustres de madeira maciça. Fonte: Pinterest

Já um lustre preto em estilo industrial pode ser utilizado na sala de estar. Fonte: Pinterest

Para trazer profundidade, que tal um lustre com hastes de alturas diferentes? Fonte: Pinterest

Além disso, os modelos mais delicados são indicados para ambientes menores e para moradores com gosto mais romântico. Fonte: Pinterest

Por outro lado, uma sala de jantar pequena ganhou uma sensação de amplitude com o uso de espelho e lustre. Fonte: Pinterest

Os modelos metálicos oferece modernidade ao ambiente. Fonte: Pinterest

Por outro lado, formatos futuristas garantem sofisticação ao espaço. Fonte: Pinterest

Conclusão

Em conclusão, escolher o melhor lustre para decorar um cômodo não é uma tarefa fácil. Por isso, elaborar um checklist das dicas apresentadas pode ser uma boa referência para dar início à procura do modelo perfeito. 

Por fim, não esqueça de salvar seus modelos preferidos e compartilhar com os amigos! 

Diana Diniz: Diana Diniz é jornalista apaixonada por novas experiências. Possui uma bagagem profunda de conhecimento adquirido na Universidade do Algarve, em Portugal. Através do MBA em Marketing Digital pôde se especializar na redação de artigos para blogs e unir a experiência da profissão com sua paixão: arquitetura e decoração.
Posts Relacionados