Cena de Colin Bridgerton e Penelope na 3ª temporada da série Bridgerton.

Constelação Familiar: 5 lições valiosas que podemos aprender com a série Bridgerton e levar para a vida

Com a análise de Ana Lisboa, descubra lições valiosas na série Bridgerton sobre constelação familiar, autoconfiança e relacionamentos

Compartilhe

A série Bridgerton, um sucesso mundial da Netflix, retornou com a segunda parte da sua terceira temporada no dia 13 de junho. Esta temporada destaca Penelope Featherington (Nicola Coughlan), uma personagem que se transforma e exibe uma nova confiança. Além de ser um entretenimento romântico com figurinos deslumbrantes, Bridgerton traz lições valiosas sobre autoconfiança e relacionamentos que podemos aplicar em nossa vida cotidiana.

A psicanalista e terapeuta sistêmica Ana Lisboa explora como a série pode nos ensinar através da Constelação Familiar, uma abordagem terapêutica que busca resolver problemas pessoais e familiares. Dito isso, venha entender melhor o que é a constelação familiar e como funciona, além de descobrir o que podemos aprender com Bridgerton.

O que é e como funciona a constelação familiar?

Primeiramente, a constelação familiar é uma técnica terapêutica desenvolvida por Bert Hellinger, que visa identificar e solucionar conflitos emocionais através da representação de dinâmicas familiares. Este método permite que os participantes vejam e entendam os padrões e problemas que se repetem em suas vidas, trazendo consciência e possibilitando a cura emocional.

Ilustração de constelação familiar.
Fonte: Pixabay

Neste sentido, durante uma sessão, um facilitador ajuda o cliente a escolher representantes para membros da família ou elementos significativos de sua vida. Esses representantes são colocados em um espaço de forma que as interações entre eles possam revelar tensões ocultas, problemas não resolvidos e fontes de conflitos.

Assim, através desse processo, é possível encontrar soluções e promover a reconciliação com o passado, levando a uma maior harmonia no presente.

O que retrata a série Bridgerton?

Bridgerton retrata a alta sociedade londrina do início do século XIX, com foco nas histórias de amor, intrigas e escândalos dos membros da família que possui este sobrenome.

Dito isso, a série, baseada nos livros de Julia Quinn, combina romance e drama com uma visão moderna, apresentando personagens cativantes e narrativas envolventes. Através de seus episódios, a série explora temas como autoaceitação, o poder da aparência e a busca por identidade e amor verdadeiro.

Penelope da série Bridgerton.
Penelope da série Bridgerton. Fonte: Instagram: @bridgertonnetflix
  • Decerto, você vai se interessar por O que é espiritualidade: guia completo de expansão da consciência para ser uma pessoa espiritualizada

Quantos episódios tem a 3ª temporada de Bridgerton?

A 3º temporada de Bridgerton é dividida em duas partes, com a segunda parte tendo estreado no dia 13 de junho. A temporada completa conta com 10 episódios, cada um explorando o desenvolvimento dos personagens e os desdobramentos das tramas principais. Enfim, assista ao trailer e veja o que esperar!

Fonte: YouTube @NetflixBrasil

5 lições valiosas sobre a série Bridgerton

Ana Lisboa, líder do maior movimento de Feminino e Mentalidade do Mundo, é especialista em construção de comunidades e terapias sistêmicas e destacou 5 lições valiosas da constelação familiar que podem ser vistas na série Bridgerton

1. Não se compare!

Penelope Featherington, inicialmente tímida e invisível nos bailes, evolui para uma mulher confiante. A psicanalista Ana Lisboa destaca que a transformação de Penelope reflete a importância de não nos compararmos aos outros, mas de aceitar e valorizar quem somos. Inclusive, a timidez, a vergonha e os inúmeros problemas de aceitabilidade de Penelope estão inteiramente relacionados a vida que ela leva desde a primeira temporada. 

2. Use suas melhores roupas

Em Bridgerton, todos os personagens estão sempre bem vestidos, independentemente da ocasião. Dessa forma ao usar nossas melhores roupas eleva nossa autoestima e representa nosso valor, tal como Penelope faz ao renovar seu guarda-roupa nesta temporada.

3. Descubra o seu hobbie!

Penelope é secretamente a colunista Lady Whistledown, mostrando a importância de ter um hobbie que nos apaixone. Ana Lisboa comenta que, ao nos dedicarmos a uma atividade prazerosa, fortalecemos nossa mente e encontramos um propósito. Você já encontrou o seu?

4. Aprenda a dançar sozinha

Em suma, mesmo com Penelope buscando um parceiro, ela aprende a valorizar a si mesma. Dessa forma, a psicanalista explica que é crucial encontrar a felicidade em si mesmo antes de buscar em outros. A autossuficiência é um passo essencial para relacionamentos saudáveis.

5. ‘Se veja GRANDE!’

Ademais, a forma como nos vemos influencia como os outros nos veem. Bridgerton destaca a jornada de autoaceitação de Penelope, inspirando-nos a reconhecer nosso próprio valor e a sermos fiéis a quem somos. Nisso, conseguimos ver a importância de nos enxergarmos como grandes e capazes, refletindo essa confiança em nossas vidas.

Constelação familiar e Bridgerton: conclusão

Por último, vale lembrar que a constelação familiar é uma prática terapêutica focada na resolução de conflitos familiares que atravessam gerações, mas não é considerada uma abordagem da psicologia aprovada pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP).

Enfim, fique de olho em nosso canal de Espiritualidade para ler mais sobre o assunto e conferir dicas exclusivas para se desenvolver.

Compartilhe

Newsletter

Inscreva-se em nosso newsletter e receba diretamente em seu e-mail artigos exclusivos, dicas de beleza imperdíveis e as últimas novidades dos reality shows mais badalados. Não perca a chance de estar sempre à frente, conhecendo as tendências e segredos que só os verdadeiros conhecedores do universo fashion e do glamour dos realitys têm acesso!

Não fazemos spam! Leia mais em nossa política de privacidade.


Últimas notícias