Frases de estilistas famosas traduzidas para atualidade

De Chanel, Schiaparelli à Prada… Confira como seriam as frases icônicas de algumas das grandes estilistas da história para os nossos dias.

- Continue depois da Publicidade -

O século XX é conhecido como o século dos(as) estilistas. Afinal, esse é considerado também como um período de grandes transformações na moda. Não por menos as frases de estilistas famosas são uma referência no mundo contemporâneo.

Sem dúvida, antes de nada mais, os grandes criadores(as) de moda marcaram época. Em outras palavras, eles(as) manifestavam por meio das roupas e de suas frases icônicas o espírito do tempo em que viviam.

Nesse sentido, você já imaginou como seria a fala desses(as) estilistas na atualidade?

Explorando essa tarefa, tomei a liberdade de traduzir para fazer você pensar sobre as mudanças e constâncias da moda a partir da tradução de frases de grandes estilistas aos nossos dias.

Assim, nesse primeiro artigo vou me concentrar em algumas das mulheres que fizeram história com o lançamento de novas modas.

 

- Continue depois da Publicidade -

Frases de estilistas famosas do século

 

Vamos começar com frases de estilistas famosas, mulheres que foram expoentes e super influenciadoras de moda. Dessa maneira, faremos uma jornada por nomes importantes de cada década.

 

- Continue depois da Publicidade -

Jeanne Lanvin

 

Pintura de Jeanne Lanvin, 1933.
Pintura de Jeanne Lanvin, 1933. Crédito: Édouard Vuillard. Fonte: Wikimedia commons.

 

Na década de 1910, Jeanne Lanvin foi uma das primeiras estilistas a abrir sua própria maison de moda. Além disso, foi pioneira do setor da moda infantil.

 

- Continue depois da Publicidade -

“Estilo é saber quem é você, a mensagem que quer passar e não dar a mínima para o resto”. (Jeanne Lanvin).

Desse modo, na minha versão: “Seja fiel a quem você é, à sua essência. Isso é ter estilo”.

 

Coco Chanel

 

Coco Chanel.
Coco Chanel. Fonte: Britannica.

 

Nos anos 20 temos Chanel, possivelmente uma das criadoras de moda mais conhecidas de toda a história.

 

“Sou contra a moda que é passageira. Não consigo imaginar que se jogue roupa fora só porque é primavera”. (Coco Chanel).

Assim, traduzindo: “O descarte é algo impensável. Compre para durar. Tenha um consumo mais consciente”.

 

Elsa Schiaparelli

 

Elsa Schiaparelli.
Elsa Schiaparelli. Fonte: Britannica.

 

Na década de 1930, a estilista Schiaparelli se manifestava sobre a sua relação com a moda e a arte:

 

“Em tempos difíceis, a moda é sempre ultrajante”. (Elsa Schiaparelli).

Nos dias atuais: “Manter o sistema da moda funcionando em tempos de crise é revolucionário”.

 

Madeleine Vionnet

 

Madeleine Vionnet em seu ateliê, em 1930.
Madeleine Vionnet em seu ateliê, em 1930. Fonte: Getty images.

 

Nos anos 40, vivendo em tempos de guerra, Vionnet, a criadora do corte em viés e dos vestidos das estrelas hollywoodianas da década anterior, proferiu uma mensagem de esperança para as mulheres:

 

‘’Quando uma mulher sorri, então o vestido deve sorrir também”. (Madeleine Vionnet).

Nesse sentido, sob o meu olhar de hoje: “A roupa é uma extensão das nossas emoções e visões de mundo. Um manifesto”.

 

Nina Ricci

 

Nina Ricci com modelo.
Nina Ricci com modelo. Fonte: Getty Images / Business of Fashion.

 

Por volta de 1950, nos anos dourados, a estilista italiana Nina Ricci falou sobre a autoestima feminina:

 

“Não seja bonita como outro alguém, seja bonita como você mesma”. (Nina Ricci).

Essa bela frase de Nina, no século XXI, poderia ser traduzida por: “Autoestima é o melhor look que você pode vestir”.

 

Mary Quant

 

Mary Quant, 1966.
Mary Quant, 1966. Fonte: Wikimedia commons.

 

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Do mesmo modo, na década de 1960, Mary Quant, considerada a criadora da mini saia, reafirmou a importância da moda:

 

“A moda não é frívola. É uma parte da nossa vida”. (Mary Quant).

Em outras palavras, podemos pensar que: “A moda é a expressão da nossa mentalidade, individual e coletiva”.

 

Carolina Herrera

 

Carolina Herrera, 2007.
Carolina Herrera, 2007. Crédito: Christopher Peterson. Fonte: Wikimedia commons.

 

Nos loucos anos 70, juntamente com a efervescência cultural e a maior liberdade feminina, Carolina Herrera fez um importante discurso:

 

“A mulher tem apenas um defeito: não reconhece o quão valiosa ela é”. (Carolina Herrera).

Considerada uma das mulheres mais influentes e bem sucedidas dos Estados Unidos, a estilista poderia ser traduzida da seguinte forma: “Empodere-se mulher, seja sua própria potência”.

 

Anne Klein

Anne Klein, 1923.
Anne Klein, 1923. Fonte: Portal Anne Klein.

 

Logo depois, em 1980, na década da extravagância e do empoderamento feminino, Anne Klein disse:

 

“As roupas não vão mudar o mundo. As mulheres que as vestem sim”. (Anne Klein).

Antes de nada mais, essa frase de Klein é muito atual. Dessa maneira, poderia ser interpretada com uma forte mensagem: “Todos e todas possuem poder de transformação. Mudar a moda é um dos caminhos”.

 

Miuccia Prada

Miuccia Prada.
Miuccia Prada. Crédito: Brigitte Lacombe. Fonte: Financial Times.

 

Finalmente, nos anos 90, na última década do século XX, e com o conhecimento acumulado sobre os impactos da moda, esses pensamentos se fizerem presentes na fala de Miuccia:

 

“Você não pode esperar que a moda revolucione as coisas; a revolução acontece na sociedade”. (Miuccia Prada).

Sua brilhante citação leva a crer que, 30 anos depois, a frase possa ser reinterpretada como: “Se o comportamento muda a moda muda. Pois a moda é apenas manifesto das nossas próprias transformações”.

 

A Moda, um espelho do nosso tempo

 

Vejam quantos pensamentos atuais podem ser refletidos em frases de estilistas famosas, de mulheres que foram expoentes na história da moda mundial.

Como resultado desse exercício, temos a moda e o comportamento contando sobre o sistema fashion a partir da voz de grandes estilistas.

E você, gostou das traduções? Como você interpretaria essas frases nos dias atuais? Nos conte mais nos comentários.

 

Deseja aprofundar seu conhecimento em moda?

 

Você pode acompanhar o trabalho realizado pela professora Carol Siq, doutora na área e com mais de 15 anos de experiência em moda.

Além de um recente curso de 10 horas em que abordou os 220 anos de moda, Carol Siq, colaboradora aqui no Fashion Bubbles, é muito ativa nas plataformas digitais. Acima de tudo, o seu trabalho tem explorado uma verdadeira imersão na história da moda contemporânea, do século XIX ao XXI.

Por fim, lendo mais sobre o seu trabalho, com certeza você vai entender melhor como as características de cada período têm influência sobre os valores, gostos, estéticas e rituais de aparência e consumo de hoje em dia.

Para tanto, em seguida leia:

 

 

Por Carol Siq. Sendo professora universitária e de cursos livres ao mesmo tempo que mentora de negócios de moda, possui experiência de mais de 15 anos no mercado da moda.

Além disso, na área acadêmica é doutora em História pela UEM, com estudo sobre a Moda Brasileira no século XXI. Está ligada ao Laboratório de Estudos e Pesquisas em História, Moda e Cultura (La-Moda – CNPQ/UEM). É autora de livros e capítulos de livros na área.

Insta Profissional: @share.siq

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes