Jesuíta Barbosa recebe ataques homofóbicos de humorista em rede social: “Final dos tempos”

O humorista Pedro Manso resolveu manifestar sua opinião ao ver Jesuíta Barbosa com o seu namorado, aos beijos numa praia do RJ

Duas imagens, Pedro Manso no SBT e Jesuíta Barbosa e seu namorado no Instagram.
Compartilhe

“Final dos tempos” foi como começou o comentário de Pedro Manso sobre uma foto em que Jesuíta Barbosa e seu namorado aparecem trocando um beijo. A foto foi publicada no perfil do Facebook do “Notícias da TV” e divulgava a matéria sobre mais um encontro do casal na praia. Jesuíta e o namorado estão vivendo um novo romance e foram flagrados por um paparazzo.

Ao ver a divulgação da matéria em sua timeline, Pedro Manso resolveu “postar sua opinião”. Para quem não lembra, Pedro Manso ficou famoso ao participar de competições de humor no ‘Domingão do Faustão”. Ele também trabalhou no “Domingo Legal”, do SBT. Por lá ele e Celso Portiolli visitavam as mansões dos famosos.

Ademais, Pedro Manso também já teve passagens pela Record TV onde trabalhou com Gugu, Tom Cavalcanti, Eliana e Ana Hickmann. Agora o humorista está dedicado em sua campanha para uma vaga como Deputado Federal, pelo PL (por onde Bolsonaro já passou).

Vem saber o que ele disse e as consequências de seus comentários.

Pedro Manso se justifica após comentário homofóbico contra Jesuíta Barbosa

Pedro Manso no Instagram e seu comentário homofóbico no Facebook.
Humorista usa rede social para comentar foto de Jesuíta Barbosa e namorado. Fonte: Instagram

Assim que viu as fotos de Jesuíta Barbosa e Cícero Ibeiro trocando beijos na praia, Pedro Manso teceu o seguinte comentário:

“O final dos tempos está chegando, antigamente a gente correria atrás da mulherada e era difícil. Hoje em dia os caras tem a mulher que eles querem, mas preferem eles serem as mulheres. Papel inverso. Eu não troco uma mulher por nada. Se Deus fez coisa melhor do que a mulher, tá com ele guardado” – disse Pedro.

Ele então usou seu Instagram e postou uma foto de um casamento entre duas mulheres, a qual foi padrinho. Assim que seus primeiros comentários, sobre Jesuíta, causaram polêmica nas redes.

“Confesso que errei em algumas frases dando a impressão de que eu era contra , mas não foi essa a minha intenção” – tentou remediar a situação.

Com efeito, Pedro Manso ainda tentou justificar que não é homofóbico trazendo exemplos de sua família.

“Eu amo os gays assim como tenho dois sobrinhos gays e tenho maior carinho e amor por eles, tenho grandes amigos gays que tive a honra de trabalhar também com vários amigos gays e sempre os tratei super bem e com muito respeito”- disse o humorista.

O processo contra Pedro Manso

Pedro Manso de chapéu em um sítio de frente para uma piscina.
Pedro Manso será processado. Fonte: Instagram

Toda essa confusão começou no último sábado, 20. Dessa forma, o ativista Agripino Magalhães Júnior, afirmou que irá processar Pedro Manso.

Segundo o ativista (que é deputado estadual suplente por São Paulo), Manso ofendeu e incitou o ódio contra a população LGBTQIA+.

De fato, o crime de homofobia foi equiparado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) ao de racismo, previsto na Lei 7.716/1989 e pode ter pena de um a três anos de reclusão.

“Acreditamos que o silêncio estimula a violência e que não há mais espaço social para a segregação de direitos legítimos” – diz trecho do texto publicado por Agripino.

  • Logo depois, nos siga no Google News e acompanhe as novidades de Pantanal e Ilha Record direto do seu smartphone. Basta clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News

Por fim, veja uma entrevista de Jesuíta Barbosa ao programa de Lázaro Ramos:

Compartilhe

Stories

Matérias Similares