Você já ouviu falar que a planta assa-peixe é eficaz no tratamento de gripe, tosse e bronquite? Pois é, essa planta medicinal brasileira é poderosa e auxilia a diminuir os sintomas de doenças respiratórias.

De nome científico Vernonia polysphaera, a assa-peixe é uma planta silvestre brasileira encontrada em estados do centro-oeste e sudeste brasileiro. Mas, afinal, quais são os benefícios do chá feito com essa planta. Nesta matéria, você vai encontrar a resposta para estar pergunta e as seguintes:

  • O que é assa-peixe?
  • Para que serve o chá de assa-peixe?
  • Chá de assa-peixe para a pele
  • Chá de assa-peixe para COVID
  • Como fazer chá de assa-peixe?
  • Quais são as contraindicações do chá?

Portanto, boa leitura!


O que é assa-peixe?


Se você mora no estado de São Paulo, Minas Gerais, Goiás ou Mato Grosso, já deve ter encontrado essa planta em algum terreno baldio ou pastagem. Isso porque a assa-peixe é considerada uma erva-daninha que costuma crescer em solos pouco férteis.

Poucos sabem que ela oferece uma série de benefícios à saúde por ser considerada um remédio natural. Inclusive, é um ingrediente essencial para uma série de produtos fitoterápicos.

Além disso, a planta é considerada uma Planta Alimentícia Não Convencional (PANC) e está entre as 71 plantas medicinais recomendadas pelo Ministério da Saúde.

  • Confira Chá de louro: para que serve, como fazer e quando tomar

Para que serve o chá de assa-peixe?

O chá de assa-peixe pode ser poderoso no tratamento de uma série de enfermidades, dentre elas:

  • gripe
  • bronquite
  • tosse
  • retenção de líquidos
  • cálculos renais
  • dor no peito
  • pneumonia
  • inflamações
  • asma
  • dores musculares

Isso porque a planta contém uma grande quantidade de sais minerais, nutrientes e propriedades diuréticas. Além disso, segundo estudos, o chá de assa-peixe também é homeostática e expectorante, ou seja, ajuda na eliminação do catarro das vias respiratórias.

Ademais, quando feito a partir das folhas secas da planta, o chá beneficia os rins, Afinal, promove o efeito diurético e, como resultado, previne a retenção de líquidos que pode ser crucial na formação de cálculos renais, dentre outras doenças.


  • Veja também Chá de alho: quais são os benefícios, contraindicações e receita

Chá de assa-peixe para pele


Se você já ouviu falar que o chá de assa-peixe melhora a aparência da pele, acredite. A infusão é capaz de prevenir contra a acne e aczema, que são inflamações e erupções cutâneas que aparecem na pele.

Além disso, a bebida também serve no tratamento de lesões corporais e dores causadas por contusões.


Chá de assa-peixe para COVID


Devido aos seus benefícios e propriedades, muitas pessoas questionam se o chá de assa-peixe pode curar a COVID-19 ou a Influenza e a resposta é simples: não.

Afinal, a bebida não tem efeito curativo, apenas auxilia no alívio dos sintomas das doenças. Além disso, não serve como substitua a qualquer tipo de remédio ou orientação médica.

Portanto, ao sentir qualquer irritação na garganta, tosse, coriza, fadiga, febre, congestão nasal, dor de cabeça, diarreia ou dificuldade para respirar um médico deverá ser consultado imediatamente.


Mulher bebendo chá.
Fonte: Unsplash

  • Além disso, siga o Fashion Bubbles no Google News para poder acompanhar tudo sobre Saúde direto no seu smartphone. É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News.

Como fazer chá de assa-peixe

Apesar de ser muito conhecida na culinária vegetariana e vegana na produção de assados, fritos ou à milanesa, o assa-peixe é ainda um ingrediente potente na produção de chá.

Portanto, se você apresenta sintomas gripais e tosse, o chá de assa-peixe pode ser uma excelente alternativa para amenizá-los.

Vale ressaltar que o chá mencionado não deve ser substituto de medicação. Neste caso, consulte um médico.

Passo a passo de como fazer o chá de assa-peixe

  1. Pique cerca de 15 gramas da folha;
  2. Em uma leiteira, ferva 1 litro de água;
  3. Em seguida, coloque as folhas picadas na água, já com o fogo desligado, e abafe a mistura com um pano;
  4. Após 10 minutos, coe e reserve;
  5. Por fim, basta beber o chá, quente ou frio.

O ideal é consumir a infusão 3 vezes ao dia. Além disso, caso você queira adoçar, aposte no mel que é um ingrediente que irá potencializar os efeitos benéficos da bebida.



Contraindicações


Até o momento, não existem contraindicações acerca do chá de assa-peixe. Porém, mulheres grávidas e lactantes e crianças menores de 14 anos devem consultar um médico antes de adicionar a bebida na dieta.


Conclusão


Por fim, podemos comprovar que o chá de assa-peixe é uma excelente opção de bebida natural e que oferece uma série de benefícios à saúde.

Porém, vale ressaltar que o consumo do chá não substitui remédios ou orientação médica. Desta forma, é importante incluí-la com responsabilidade no cardápio diário.