Grávida fazendo exercícios físicos durante a gravidez,

Exercício físico na gravidez: o que pode fazer e que tipo de roupa usar

Saiba quais os benefícios do exercício físico na gravidez e confira cupom exclusivo da Oxer para comprar roupas fitness de gestante

Compartilhe

Durante a gestação é muito importante manter a saúde em dia. Afinal, você não estará cuidando apenas de um corpo, mas de dois. Por isso, uma rotina de exercício físico na gravidez é essencial.

Porém, antes de iniciar a prática, muitas mamães ficam receosas sobre o que elas podem ou não fazer para manter o corpo em atividade sem prejudicar o bebê. Além disso, é preciso usar a roupa certa para garantir uma boa circulação, especialmente das pernas e da barriga.

Portanto, elaboramos este especial com tudo de que você precisa saber para praticar exercícios físicos na gravidez. Aqui você encontrará:

Boa leitura!

Benefícios da atividade física na gravidez

Ainda que a mamãe tivesse uma vida sedentária antes da gravidez, nunca é tarde para começar. Portanto, mesmo que seja de forma leve, fazer exercícios físicos na gravidez oferece uma série de benefícios não só para a mulher, como também para o bebê.

Mulher usando roupas fitness Oxer enquanto se alonga com ajuda de um homem
A Oxer tem o look ideal para praticar atividades físicas na gravidez! Fonte: Oxer/Divulgação

Inclusive, esse hábito reduz os riscos de casos de diabetes gestacional, eclampsia, depressão, ganho de peso excessivo e hipertensão gestacional. Além disso, um estudo desenvolvido pela Sociedade Brasileira de Cardiologia registrou os seguintes benefícios:

“Os exercícios físicos reduzem o percentual de massa gorda, aumentam a transferência de oxigênio (O2) e reduzem a difusão de dióxido de carbono (CO2) por meio da placenta, favorecendo o desenvolvimento fetal”, indicam.

Mas será que é permitido fazer qualquer tipo de exercício?

  • Veja também Gravidez tardia: quais as chances e riscos de uma gestação após os 40?

Que tipo de roupa grávida não pode usar?

Muitas mulheres têm o hábito de usar roupas apertadas para marcar melhor as curvas. Porém, essa prática é proibida na gestação.

Vale destacar que há uma diferença entre roupas apertadas e roupas que se adaptam no corpo. Por exemplo, uma calça skinny é diferente de uma legging.

Mulher grávida fazendo caminhada em parque usando top, legging e camiseta regata Oxer
Procurando roupas fitness para grávidas? Você encontra na Oxer! Fonte: Oxer/Divulgação

Sendo assim, aposte em peças confortáveis e que não apertem a barriga. O uso de peças apertadas pode causar prejuízos à saúde, tais como:

  • Obstrui a circulação sanguínea;
  • Causa inchaço;
  • Reduz a oxigenação;
  • Prejudica o desenvolvimento do bebê;
  • Dificulta a recepção de nutrientes para o bebê.

Portanto, durante o pré-natal, não hesite em questionar seu médico obstetra sobre hábitos e exercícios físicos na gravidez.

Quais as melhores roupas para grávidas?

Agora que você já sabe sobre os prejuízos que roupas apertadas podem causar para a mãe e o bebê, está na hora de listarmos as melhores roupas para grávidas!

O primeiro passo é investir em um bom tecido. A malha e o algodão são os mais recomendados, porque são macios e esticam, sendo confortáveis por vários meses da gestação.

Já em relação aos modelos, aposte nas peças mais soltas como vestidos, batas e blusas finas. Além disso, na hora de comprar roupas novas, procure os modelos mais versáteis. Assim, você poderá usar em diferentes fases da gravidez e até após o parto.

Cupom exclusivo da Oxer para comprar roupas fitness de grávida

Por fim, se você é mamãe e quer renovar o guarda-roupa com peças para fazer exercícios físicos na gravidez de forma confortável, sem deixar de lado o estilo, temos uma excelente notícia.

A Oxer, marca de produtos especializada em esportes, está com uma nova coleção de roupas para grávidas e o melhor, com cupom de desconto!

Mulher se alongando em tapete de yoga no parque. Ela usa roupas fitness para grávidas da Oxer
Um conjunto de top e legging da Oxer é perfeito para deixar a barriga de fora na gravidez. Fonte: Oxer/Divulgação

Para garantir as peças basta entrar no site da Oxer e seguir o passo a passo:

  1. Rolar a página para baixo e já salvar seu cupom com 15% de desconto;
  2. Clicar no botão “Comprar” no canto superior direito e ir direto para o site da Centauro;
  3. Lá estarão disponíveis diversos produtos que você poderá adicionar ao carrinho e finalizar sua compra!

Quais exercícios físicos grávidas podem fazer?

Segundo a Organização Mundial da Saúde, as grávidas devem fazer cerca de 150 minutos de atividade física por semana, desde que seja moderada e autorizada por um médico.

Para não prejudicar a saúde da mãe e do bebê, especialistas recomendam exercícios aeróbicos e de fortalecimento muscular.

É importante entender que a gravidez possui fases e a intensidade e o tipo de exercício físico pode mudar de uma para a outra. Por exemplo, a indisposição do primeiro trimestre é comum devido aos enjoos. Porém, não desista de se exercitar, mesmo que seja por pouco tempo e intensidade baixa.

Com o passar dos meses, algumas atividades voltam a ser praticadas com facilidade.

  • Aproveite e nos siga no Google News para saber tudo sobre Moda, Beleza, Famosos, Décor e muito mais. É só clicar aqui, depois na estrelinha 🌟 lá no News

Sendo assim, selecionamos alguns exercícios que fazem bem a ambos e também ajudam a preparar o corpo para o parto, são eles:

Que tipo de exercício físico uma grávida não pode fazer?

Especialmente no primeiro trimestre, é importante tomar cuidado com os exercícios físico na gravidez para não prejudicar o desenvolvimento do bebê. Por isso, exercícios de alto impacto devem ser evitados durante esse período.

Além disso, prefira sempre fazer aqueles que utilizem a posição deitada de lado ou de barriga para baixo. Isso porque eles são mais confortáveis e seguros, tanto para a mãe quanto para o bebê.

O abdominal também deve ser evitado. Afinal, essa prática pode ocasionar diástase abdominal.

Pode malhar no início da gravidez?

Sim! Aliás, as grávidas podem ir à academia. Porém, é preciso ter consciência de que o nível e o ritmo de exercícios físicos na gravidez precisam ser diferentes.

Por outro lado, é importante seguir as recomendações médicas. Portanto, se o obstetra disse para manter repouso, não faça nenhum tipo de exercício físico.

  • Você também pode gostar Amamentação: especialista explica mitos e verdades sobre a prática
Compartilhe

Notícias em Alta

Últimas Notícias