Quem é o Papai Noel: como surgiu a tradição de Natal comemorada no ocidente

O Papai Noel é um dos símbolos mais importantes do Natal. Mas, você sabe como surgiu essa tradição? Conheça a história do bom velhinho!

- Continue depois da Publicidade -

O Papai Noel é uma das figuras mais importantes do Natal. O “bom velhinho” que desce pelas chaminés e deixa presentes para os que se comportaram durante o ano, já virou uma tradição em grande parte mundo!

Mas o que muitos não sabem é que a história verdadeira é baseada em São Nicolau! Nesse sentido, você sabe quem é o Papai Noel?

Em seguida, conheça um pouco mais sobre essa lenda que se espalhou por todo ocidente!

 

Qual é a verdadeira história do Papai Noel?

 

São Nicolau
Nesse sentido, veja foto de São Nicolau. Fonte: Pinterest

 

- Continue depois da Publicidade -

Diferente do que diz a lenda, muito longe do Polo Norte, a história verdadeira do Papai Noel se inicia na Turquia.

Isso porque, São Nicolau, um bispo católico, nascido na cidade de Mira, onde atualmente é a Turquia, no ano de 280 d.C, é a base da história da figura emblemática do Natal.

- Continue depois da Publicidade -

São Nicolau ficou conhecido por deixar moedas nas chaminés dos menos favorecidos e também pelos milagres que realizou.

Um desses milagres, diz que ele evitou que uma menina fosse vendida pelo pai, ao pagar os dotes para seu casamento com um saco de moedas de ouro.

Sendo assim, São Nicolau se faleceu em 6 de dezembro do ano 326 e até hoje, esta data é o dia em que muitas pessoas montam sua árvore de Natal.

 

- Continue depois da Publicidade -

 

Qual é o significado do Papai Noel?

 

Simbolo do Natal
Dessa forma, conheça o significado do Papai Noel. Fonte: Pinterest

 

Na tradição do Natal, o Papai noel siginifica o “bom velhinho” que, com suas roupas vermelhas e seu trenó, deixa presentes para as crianças que se comportaram bem no ano que passou.

Inclusive, a imagem atual do Papai Noel vem de um poema de Clemente Clarke Moore, feito no século XIX. O poema é conhecido como “Uma Visita de São Nicolau” (A Visit from Saint Nicholas).

Além disso, o Papai Noel como um velhinho, barrigudo, com muita barba e que se veste de roupas vermelhas, vem de uma propaganda feita pela Coca-Cola, na década de 20 e 30. A campanha fez muito sucesso e a imagem se propaga até hoje.

 

 

Por que o nome de Papai Noel?

 

Papai Noel, o bom velhinho
Desse modo, saiba o motivo do nome Papai Noel. Fonte: Pinterest

 

O nome Papai Noel tem heranças francesas. Isso porque, “Noël” significa “Natal” no idioma francês. Ou seja, o nome do nosso símbolo natalino, significa “Papai Natal”.

Além disso, o nome inglês “Santa Claus” tem raízes na forma como os holandeses chamavam o São Nicolau, “Sinterklaas”. Sendo assim, é uma homenagem ao santo que representa a história verdadeira e cristã, do Papai Noel.

Você sabe como o Papai Noel é chamado em outros países? Veja algumas variações do bom velhinho:

 

  • Alemanha: Nikolaus ou Weihnachtsmann;
  • Croácia: Djed Mraz;
  • Dinamarca: Julemanden;
  • Espanha: Papá Noel;
  • França: Père Noël;
  • Estados Unidos e Canadá: Santa Claus;
  • Itália: Babbo Natale;
  • Portugal: Pai Natal;
  • Russia: Ded Moroz.

 

  • Além disso, leia Boas festas 2021: as 80 melhores mensagens para compartilhar

 

Mais histórias do Papai Noel

 

 

quem e papai noel

 

Saiba quem foi o primeiro Papai Noel e como essa figura foi transformada ao longo dos séculos no famoso “velinho de barba branca carregado de presentes”.

Para muitas pessoas, o Natal pode ser resumido a uma palavra: consumo. Claro, quem não gosta de ganhar presentes? Mas a tradição que hoje parece estar restrita à troca de bens materiais iniciou-se há muito tempo, baseada na bondade e generosidade de um homem.

Segundo a tradição cristã, que deu origem aos costumes natalinos ocidentais, quem distribuía os presentes de Natal era Nicolau. Existem diversas versões para contar sua história, mas considerando que o final do ano é marcado por aquela típica correria, e que buscamos e esperamos um pouco de encanto em meio a tanta informação, por que não conhecer a versão infantil?

 

  • Logo depois, veja também Crochê de Natal – 45 ideias para vender ou presentear com receitas, gráficos e tutoriais

 

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

O Primeiro Papai Noel: São Nicolau

 

sao nicolau desenho
São Nicolau em seu cavalo branco. Fonte: Escola Waldorf Jardim das Amoras

 

História do Papai Noel do site Escola Waldorf Jardim das Amoras

 

“Era uma vez um homem muito bom, que gostava muito de crianças. Com todo carinho, dedicava-se a elas ensinando-lhes histórias que ouviam uma vez por semana quando o visitavam. Um servo que trabalhava na casa do anfitrião incrementava os encontros com biscoitos muito gostosos e maçãs fresquinhas.

Um dia, certa menina, muito pobre que ia sempre às reuniões não compareceu, por estar doente. Depois que todos se despediram, Nicolau preparou um saquinho com um pouco de cada guloseima e maçãs. A menina morava longe, por isso Nicolau foi a cavalo para chegar depressa. Mesmo assim, quando chegou, já estavam todos dormindo. Mas, diante da porta dos fundos, Nicolau viu os sapatos da menina e ali colocou seu presente.

Com os anos, Nicolau ficou velhinho e os filhos das crianças que ouviam suas histórias iam visitá-lo e cantavam canções, para que ele não se sentisse sozinho e triste.

Chegou o dia em que Deus chamou Nicolau, quando ele chegou ao Céu, olhou para baixo e viu crianças chorando. Pediu para voltar, mas Deus lhe disse que isto não era possível. Porém, por ter sido um homem bom, Deus deu a Nicolau a possibilidade de uma vez por ano, no dia 6 de dezembro, visitar a todas as crianças.

Em suas visitas, na noite do dia 5 para o dia 6 de dezembro, traz para elas maçãs, nozes e biscoitos, e os coloca em seus sapatinhos ou diante de suas portas. E as crianças retribuem deixando uma cenoura para o cavalo branco de Nicolau, cantando canções e recitando versos.  Mas, não esqueçam que Nicolau, durante o ano todinho, olha para Terra e vê cada uma das crianças e tudo o que ela faz. Ele anota em seu grande livro de ouro as coisas boas e as coisas feias também.”

 

Santo Nicolau como Papai Noel

 

Segundo o site Villa Borghese Empório, “depois de sua morte, a Igreja nomeou Nicolau como santo e, com o início das celebrações de Natal, o velhinho de barba branca e roupas vermelhas passou a fazer parte das festividades de fim de ano”.

 

 

Antes e depois de São Nicolau a Papai Noel

 

sao nicolau papai noel
Imagem de São Nicolau e do Papai Noel como conhecemos atualmente

 

Segundo o site Presente de Natal “O Papai Noel que conhecemos hoje surgiu em 1823, com o lançamento de “Uma visita de São Nicolau”, de Clement C. Moore. Em seu livro, Moore descrevia São Nicolau como “um elfo gordo e alegre”.

Quarenta anos mais tarde, Thomas Nast, um cartunista político criou uma imagem diferente do Papai Noel, que era modificada ano a ano para a capa da revista Harper’s Weekly. O Papai Noel criado por Nast era gordo e alegre, tinha barba branca e fumava um longo cachimbo. Entre 1931 e 1964, Haddon Sundblom inventava uma nova imagem do Papai Noel a cada ano para propagandas da Coca-Cola, que eram veiculadas em todo o mundo na parte de traz da revista National Geografic. E é esta a imagem do Papai Noel que conhecemos hoje.”

 

 

Fotos da história do Papai Noel

 

vespera de natal
Páginas interiores do livro “Uma visita de São Nicolau”, de Clement C. Moore. Fonte: Garfadas Online

 

o primeiro papai noel
Papai Noel na visão do caricaturista Thomas Nast. Seus desenhos do bom velinho ilustraram diversas capas de revista “Harper’s Weekly”. Fonte: Lá e de Volta outra Vez

 

  • Enquanto isso, confira Embrulhos de Natal: + de 30 ideias baratas e fáceis de reproduzir

 

primeiro papai noel
Capa da revista “Harper’s Weekly”. Fonte: Wikimedia Commons

 

Coca Cola Art Christmas Santa
Haddon Sundblom criou o Papai Noel para propagandas da Coca-Cola, que eram veiculadas em todo o mundo na parte de trás da revista National Geografic. Essa é a imagem do bom velinho que predomina no Ocidente. Fonte: Coca-Cola Art

 

  • Enquanto isso, confira Cesta de Natal: +140 ideias criativas para vender e presentear

 

Por fim, e para você, quem é o Papai Noel?

 

quem e papai noel
Fonte: Flickr

 

Por Maria Zelada

Atualizada e editada por Thamyres Barbosa

Para muitas pessoas, o Natal tem se resumido em uma palavra: consumo. Claro, quem não gosta de ganhar presentes? Mas a tradição que hoje parece estar restrita à troca de bens materiais iniciou-se há muito tempo, em #### baseada na bondade e generosidade de um homem.
Segundo a tradição cristã, que deu origem à tradição natalina ocidental, quem distribuía os presentes de Natal era Nicolau. Existem diversas versões para contar sua história, mas considerando que o final do ano é uma correria, e que buscamos e esperamos um pouco de encanto em meio a tanta informação, ###### a versão contada às crianças na Escola Waldorf Jardim das Amoras.
Para ler a versão histórica acesse: HHH
Para ler a versão ### acesse: HHH
“Era uma vez um homem muito bom, que gostava muito de crianças. Com todo carinho, dedicava-se a elas ensinando-lhes histórias que ouviam uma vez por semana quando o visitavam. Um velho servo que trabalhava na casa do anfitrião incrementava os encontros com biscoitos muito gostosos e maçãs fresquinhas.
Um dia, certa menina, muito pobre que ia sempre às reuniões não compareceu, por estar doente. Depois que todos se despediram, Nicolau preparou um saquinho com um pouco de cada guloseima e maçãs.
A menina morava muito longe, por isso Nicolau foi a cavalo para chegar mais depressa. Mesmo assim, quando chegou, já estavam todos dormindo. Mas, diante da porta dos fundos, Nicolau viu os sapatos da menina e ali colocou seu presente.
Com os anos, Nicolau ficou velinho e os filhos das cranças que ouviam suas historias iam visitá-lo e cantavam canções, para que ele não se sentisse sozinho e triste.
Chegou o dia em que Deus chamou Nicolau, quando ele chegou ao Céu, olhou para baixo e viu as crianças chorando. Pediu para voltar à Terra, mas Deus lhe disse que isto não era possível. Porém, por ter sido um homem muito bom, Deus deu a Nicolau a possibilidade de, uma vez por ano, no dia 6 de dezembro, visitar a Terra e a todas as crianças.
Em suas visitas, na noite do dia 5 para o dia 6 de dezembro, traz para elas maçãs, nozes e biscoitos, e os coloca em seus sapatinhos ou diante de suas portas. E as crianças retribuem deixando uma cenoura para o cavalo branco de Nicolau, cantando canções e recitando versos.
Mas, não esqueçam que Nicolau, durante o ano todinho, olha para Terra e vê cada uma das crianças e tudo o que ela faz. Ele anota em seu grande livro de ouro as coisas boas e belas e as coisas feias também.

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes