Nego Di: Enquete Fashion Bubbles e UOL apontam para rejeição histórica

Nego Di nem imagina que o público do BBB 21 não tem aprovado seu comportamento dentro do reality show, o que pode gerar sua eliminação com recorde histórico. E aqui, deixamos uma reflexão: O que está por traz de tamanha rejeição? Terapeuta explica. Confira ainda o resultado das enquetes!

- Continue depois da Publicidade -

Na madrugada desta terça-feira (16/02), a Enquete Fashion Bubbles e Enquete Uol demonstram que o participante Nego Di, será o próximo eliminado do Big Brother Brasil 2021.

 

Rejeição Histórica

 

Com cerca de 96% dos votos desde o início da votação, as enquetes apontam ainda para a eliminação histórica do humorista que enfrenta o Paredão ao lado de Fiuk e Sarah.

Isto porque, se os números do resultado final, forem similares aos da Enquete, Nego Di entrará para a história do reality como a maior rejeição em um paredão triplo! Ganhando um pódio nada desejado…

Confira os números:

- Continue depois da Publicidade -

Resultado da Enquete Fashion Bubbles até a madrugada do dia 16/02

Na sequência, vote você também na Enquete BBB21 do Fashion Bubbles e nos diga quem deve ser o eliminado do 3º Paredão do Big dos Bigs.

- Continue depois da Publicidade -

Resultado da Enquete UOL até a madrugada desta terça-feira (16)

Veja ranking dos eliminados do BBB com maior rejeição em paredão triplo

 

- Continue depois da Publicidade -

  • 1º Patrícia BBB 18: 94,25%
  • 2º Nayara BBB 18: 92,69%
  • 3º Ana Paula BBB 18: 89,85%
  • 4º Victor Hugo BBB 20: 85,22
  • 5º Kerline BBB 21: 83,50%

 

Saiba mais sobre as  maiores rejeições da história do Big Brother Brasil: Relembre os participantes com maiores taxas de rejeição do reality.

 

Jogo da Discórdia

 

Contudo, alheio ao que está acontecendo fora da casa, o humorista já se gabou incontáveis vezes para os colegas que se fosse ao paredão com Sarah, com certeza, voltaria vitorioso no BBB 21.

E no Jogo da Discórdia desta segunda-feira (15), quando questionado qual participante, que para ele não teria a menor chance de ganhar, o humorista elegeu Sarah.

A loira respondeu a altura, justificando que ele, Nego Di é que não tem a menor chance de ganhar porque não vai voltar do paredão. Será que ela acertou?

Por fim, o que Nego Di nem imagina é que o público não tem aprovado seus comportamentos dentro do reality show e que ele é um dos que mais corre chances de ser eliminado, inclusive com direito ao pódio na história do Big Brother Brasil.

 

Você também pode gostar!

Bode Expiatório

 

Aqui deixamos uma reflexão: é justificável tamanha reação de rejeição ao Nego DI?

Mesmo que ele tenha errado com o Lucas Penteado e tenha seguido por caminhos controversos no jogo, é de fato, justificável tamanho ódio, ao ponto de se organizar uma  verdadeira caças as bruxas para puni-lo?

O que está por traz desse sentimento?

Para a terapeuta Camila Custódio em seu artigo sobre Cancelamento, no tribunal da Internet as pessoas ganham força através do efeito manada, onde todos se acham no direito de julgar e fazer justiça contra aquele que errou.

Afinal, camufladas por seus perfis, elas não sentem o impacto nem a responsabilidade de descontar sua fúria, pois estão protegidas por uma tela e seus caracteres.

A lógica de punir uma pessoa que cometeu um erro, através de outro erro, é injustificável e tem levado a sociedade a alimentar um ciclo de raiva e violência que não dá espaço para restauração e reabilitação do indivíduo. Quando se fala de cancelamento, precisamos falar de responsabilidade: sim, todos que erram precisam se responsabilizar pelos seus erros.

Entretanto, precisam também, ter o direito de encarar as consequências e tentar corrigi-las, agregando dessa forma, esse aprendizado para fazer diferente.

Entenda o que é um bode expiatório e porque acreditamos que o Nego Di está sendo um.

 

 

A raiva é de outro coisa

 

Camila explica ainda, que o mundo passa por um momento delicado, assolado por uma pandemia, que tem causado frustração e revolta. Para ela, o Nego DI, virou uma espécie de bode expiatório, onde as pessoas podem despejar toda a sua raiva.

Estamos em um terça-feira de Carnaval, uma das festas mais importantes do país, que teve que ser cancelada, devido ao isolamento para conter a Covid-19.

Junta-se a isso, um mundo em transformação veloz, o excesso de informação e ansiedade que acabam por alimentar um sentimento de angústia, e pronto: temos a receita da disseminação do ódio infundado, mascarado pelo desejo de justiça!

 

Errar é humano

 

Precisamos aprender a dialogar, a discordar, a educar e a exercer a empatia e a tolerância. Somos seres humanos e estamos em constante evolução. Erramos e aprendemos através dos nossos erros. Não podemos endeusar as pessoas colocando-as em um lugar de supremacia e perfeição para atender nossas expectativas e desejos irreais, tampouco devemos simplificá-las por suas atitudes entre vilões e mocinhos. Somos muito mais complexos que isso. Explica Camila Custódio.

Atualmente, se julga uma pessoa, e da forma mais violenta possível, não admitindo que ela cometa uma falha enquanto ser humano e também não permitindo que ela corrija seu erro. O que pode gerar transtornos mentais, como depressão, fobia social, chegando ao ponto de levar a consequências ainda mais sérias.

Por fim, nós do Fashion Bubbles, desejamos sorte ao Nego Di!

 

 

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes