Jô Soares: Alex, ex-garçom do programa, revela o que tinha na caneca do apresentador

Alex Rubio foi o garçom que por 23 anos atendeu tanto à Jô Soares como aos seus convidados, ele foi às lágrimas ao falar do amigo

Alex Rúbio vai às lágrimas ao falar de Jô Soares. Fonte: Globonews

Dessa forma, a Globonews entrou em contato com o ex-gaçom para que ele falasse sobre a experiência de trabalho ao lado do gênio da TV.

Como resultado Alex não só apenas elogiou amigo, como teve que interromper a algumas vezes para conter o choro.

Ex-garçom de Jô presta homenagem

Alex relembra momentos especiais ao lado de Jô Soares. Fonte:

Boa parte da graça do Programa do Jô estava no elenco que o apresentador levou do para a Globo. Além da banda “Sexteto”, o garçom Alex também fez parte dessa jornada de mais de 15 mil entrevistas.

Realmente está muito difícil eu falar do patrão agora (…) Eu chorei a manhã inteira. A gente convivia o dia inteiro no canal. É difícil falar agora dele. Agora é recordar, lembrar dele, falar o que ele foi. Para mim foi o melhor artista, um gênio. O melhor artista brasileiro. Eu tive a honra, por 23 anos, de trabalhar com ele”– disse o ex-garçom.

Durante o Programa do Jô, Alex acabava virando alvo de piadas de Jô que arrancava risadas de Bira e da platéria.

Ademais, Alex também recordou que foi Jô que o incentivou a valorizar a profissão: “Era muito bom estar com ele. Até quando ele me chamava a atenção. Por isso que eu digo que ele era um paizão, porque eu só aprendi com ele. Aprendi a amar a profissão que eu tinha. Por mais humilde que ela fosse”- disse o ex-garçom em meio as lágrimas.

Related Post

“O que tinha dentro da caneca de Jô?”

Uma tragédia levou Jô Soares a contratar Alex Rúbio para trabalhar com ele. Fonte: Globo

Ainda durante a entrevista ao Globonews, Alex revelou que uma das maiores curiosidades do público era saber o que tinha dentro da caneca de Jô. Todavia, para manter o segredo, ele não revelava. Agora, no entanto, o ex-garçom não vê mais razão para o mistério.

Às vezes ele tomava até sopa, nos dias frios, tomava uma sopinha na caneca, água, refrigerante. O legal é que ele nunca misturava álcool à profissão. Apesar que ele fez uma entrevista memorável onde ele bebeu com o convidado até ficar bêbado. E ele não ficou bêbado, ele dizia que estava alegre”– lembrou Alex aos risos.

Tragédia

Também à Globonews, Alex relembrou que uma tragédia o levou a trabalhar com Jô. Acontece que seu primo, Felipe, foi morto durante um assalto à mão armada. Dessa forma, um tempo depois, Jô o conhecia e fez a proposta para Rubio.

“Por que tem que ser tão difícil? Meu começou foi bem difícil, porque trabalhar sabendo que estava no lugar do meu amado primo… A gente se dava muito bem, como irmãos. E quando eu o perdi, foi muito duro. No entanto, me deixou triste e contente, por trabalhar com o senhor Jô, uma mistura muito estranha”- relembrou o ex-funcionário de Jô Soares.

Enquanto isso, veja o que outro amigo de Jô, Derico falou sobre o apresentador que faleceu aos 84 anos:

Mozuka Braga: Mozuka Braga é formado em Rádio e TV pela FAPCOM, em 2010. Também fez Pós-Graduação em Gestão e Produção de Vídeo em 2016 na FMU. Fã de novelas e programas de TV, sempre teve um olhar atento a tudo o que acontece no mundo dos famosos. Também é formado em Artes Cênicas e fez tecnólogo em Publicidade. Para ele comunicação é tudo.
Posts Relacionados