Horta orgânica: o que é, benefícios de cultivar e como se faz

Se você deseja descobrir como cultivar, fazer uma horta orgânica e aprender todas as etapas de um cultivo, leia este artigo!

Fonte: Freepik @prostooleh

Se você deseja ter uma alimentação mais saudável e natural, uma das melhores estratégias é começar a cultivar uma horta orgânica.

Afinal, plantar e cultivar seus próprios alimentos naturais e orgânicos, livres de qualquer tipo de agrotóxicos, será um incentivo ainda maior para fazer refeições mais equilibradas e nutritivas!

Nesse sentido, cultivar seus próprios alimentos é a opção mais inteligente e econômica. E saiba que, mesmo que você more em um local com pouco espaço, ainda é possível ter uma pequena plantação!

Então, se você deseja descobrir como se faz uma horta orgânica e aprender todas as etapas de um cultivo bem sucedido, basta continuar a leitura desse artigo! A equipe Fashion Bubbles preparou um conteúdo completo, com tudo de que você precisa saber. Acompanhe!

O que é uma horta orgânica?

Fonte: Freepik @gpointstudio

Uma horta orgânica, como o próprio nome sugere, consiste no cultivo de plantas alimentícias, como legumes, verduras, temperos e condimentos naturais. Mas é tudo sem o uso de agrotóxicos, fertilizantes ou qualquer outro recurso artificial.

Sua produção será totalmente orgânica e natural, ainda que desenvolvida em pequena escala. Como resultado, garante mais saúde a você e sua família, além de acesso facilitado a itens naturais.

Ao mesmo tempo, essa modalidade pode servir para decorar com plantas a sua casa, deixando-a mais aconchegante.

Como funciona uma horta orgânica?

Fonte: Freepik @prostooleh

A horta orgânica pode ser cultivada em diversos tipos de vasos. Isto é, desde os mais fundos e espaçosos, perfeitos para aquelas hortaliças produzidas sob a terra, como cenouras, beterrabas, rabanetes e batatas-doce, até os mais rasos, indicados para alfaces e cebolinhas, por exemplo.

A grande verdade é que, quando se trata de plantio, não existe uma regra engessada. Então, cada um pode se sentir livre para adaptar o cultivo para sua própria realidade, escolhendo as hortaliças e leguminosas de que mais gosta.

O que cultivar em uma horta orgânica?

Tipos de hortaliças para plantar. Fonte: Freepik

As hortas orgânicas podem contemplar praticamente qualquer tipo de hortaliça. Esse tipo de vegetal se divide em 4 categorias principais: folhosas, tuberosas, condimentares e frutosas.

No universo das hortaliças folhosas, você pode escolher cultivar alface, couve, almeirão, acelga, chicória, rúcula, agrião, escarola e muitas outras.

Related Post

As folhas mais escuras são conhecidas por possuir fibras. Além disso, são  ricas em antioxidantes, responsáveis por manter o bom funcionamento do sistema nervoso, evitando doenças precoces.

Já as hortaliças tuberosas representam aquelas que se formam debaixo do solo, como a cenoura, batata, inhame, mandioca, alho, alho-poró, nabo e outras. Essas apresentam propriedades capazes de fortalecer o sistema imunológico.

No caso das hortaliças condimentares, sua principal função é dar sabor e aroma à comida, além de realçar o sabor dos alimentos. Dentre as principais, estão a salsa, o manjericão, a cebolinha, o coentro e o orégano.

Ao contrário das outras hortaliças, no caso das frutosas é consumido apenas o fruto produzido, como é o caso do quiabo, tomate, jiló, ervilhas e melancias, pimentão e várias outras com o mesmo aspecto.

Assim, com tantos exemplos e opções, você não tem desculpas para não saber mais o que plantar na sua horta orgânica!

  • Logo depois, confira Ervas saudáveis ​​e deliciosas: da salsa ao alecrim. Veja os benefícios

Quais são os benefícios de uma horta orgânica?

Fonte: Freepik @jcomp

As hortas orgânicas apresentam benefícios enormes. Isso tanto para a alimentação, quanto para o bem-estar emocional, já que podem ser terapêuticas. Abaixo, listamos alguns dos principais benefícios ao ter uma horta orgânica:

  • Incentiva a alimentação mais saudável;
  • Traz resultados extremamente positivos ao organismo, logo após ingerir o seu cultivo;
  • Facilita o acesso à comida de qualidade;
  • É livre de agrotóxicos e, consequentemente, não prejudica o solo, os ecossistemas ou a saúde. Por isso, é útil para o meio ambiente e os produtores em questão;
  • Pode se tornar um hobby, perfeito para desestressar e enfrentar a vida caótica;
  • Personaliza as comidas com temperos naturais, sempre à mão para o uso;
  • Gera economia de recursos financeiros, pois alimentos orgânicos possuem alto custo no mercado.

Como fazer uma horta orgânica?

Como plantar os seus próprios alimentos? Fonte: Freepik

Fazer uma horta orgânica é muito simples quando se tem o passo a passo adequado, como o que preparamos neste artigo. Antes de conferir o tutorial, salve essa página em seus favoritos para revisitar sempre que precisar!

1. Preparação do solo

Antes de qualquer coisa, é essencial que você prepare o solo em que cultivará suas hortaliças.

Você pode escolher comprar vasinhos e terra adubada em uma floricultura ou loja de jardinagem de sua preferência. Em seguida, mexa bem toda a terra com a ajuda de uma colher ou espátula. Dessa forma, você deixa a terra bem fofinha e aerada, perfeita para as raízes se dispersarem com facilidade.

Além disso, é possível escolher comprar adubos orgânicos para aplicar periodicamente. Uma vez que o produto garante que todos os nutrientes necessários se fixem no solo, as chances de conseguir bons resultados são maiores.

2. Compostagem

Fonte: Freepik

Logo depois de preparar bem a terra, você pode começar a compostar alimentos para fortalecer a terra e o cultivo. Isso também ajuda a manter a qualidade do solo sem gastar muito ou contaminá-lo com fertilizantes químicos.

A compostagem pode ser feita em casa mesmo, com o uso de uma composteira, que será alimentada com materiais orgânicos periodicamente. A ordem de resíduos que devem ser inseridos na composteira é:

  • Restos orgânicos, como cascas de frutas, cascas de ovos e restos de legumes. Mas nunca coloque frutas cítricas, condimentos ou carne, para não gerar gases e mau cheiro;
  • Esterco, que pode ser comprado em casas de jardinagem;
  • Terra, que pode ser vegetal ou tradicional, também encontrada em lojas de jardinagem;
  • Palha ou serragem, para cobrir todas as camadas.

3. Escolha das plantas

Ao escolher suas plantas, é necessário levar em consideração o clima da sua região: seja mais frio e seco ou mais quente e úmido.

Afinal, cada planta cresce melhor com um clima. Os pimentões, por exemplo, se desenvolvem geralmente em locais quentes. Já a alface “gosta” do clima mais frio e ameno.

Também se certifique de comprar as sementes certas, orgânicas, para que sua horta seja, de fato, 100% orgânica. Além disso, escolha o tamanho dos vasos conforme o tamanho das plantas quando “adultas”.

4. Plantio

Fonte: Freepik

Ao semear e distribuir suas plantas, entenda se elas precisam de mais ou menos espaço entre si para crescer. Só que não deixe brecha para o crescimento de ervas daninhas.

No caso dos pimentões, por exemplo, é necessário manter a terra úmida e plantar as sementes a até 3 centímetros de profundidade. Logo depois, quando as mudas crescerem, basta migrá-las para vasos maiores a 30 centímetros de profundidade.

5. Proteção contra pragas

Já que você não utilizará nenhum tipo de agrotóxicos químicos, é imprescindível que aprenda outras técnicas para evitar infestações de insetos.

A melhor maneira de manter o seu cultivo livre de pragas é através do plantio consorciado. Ou seja, plantar diversas culturas juntas, no mesmo local, para que uma proteja a outra.

Apenas dê atenção se as plantas são cooperativas e complementares — caso contrário, a que se sobressai roubará nutrientes daquela inferior.

6. Colheita

Fonte: Freepik @jcomp

Ao colher, evite os horários mais quentes do dia. Afinal, colher no meio dia pode ser muito prejudicial à planta, fazendo-a ficar desidratada. Por isso, prefira horários com temperaturas mais amenas, para manter a sua planta saudável.

Conclusão

Percebeu como é simples cultivar a sua própria horta orgânica em casa? Basta escolher as plantas certas conforme o clima local e o recipiente em que serão distribuídas.

Se você gosta desse tipo de conteúdo, sem dúvida vai amar nosso canal de Decoração. Lá, você vai aprender a deixar sua casa ainda mais bela e confortável.

Também nos siga no Google News para ficar por dentro de todas as novidades e postagens recentes aqui do Portal!

Fashion Bubbles: Redação Fashion Bubbles - Portal com 15 anos e cerca de 11 mil artigos publicados. Um dos primeiros blogs de Moda do Brasil, no ar desde janeiro de 2006. Moda, beleza, entretenimento, tendências e muita inspiração nos mais diversos assuntos, como decoração, alimentação saudável e muito mais!
Posts Relacionados