Batoré, humorista conhecido da “Praça é Nossa”, morre aos 61 anos: “não estou acreditando”

Ivanildo Gomes Nogueira trabalhou durante anos na Praça É Nossa, como Batoré. Além disso o ator chegou a ganhar um personagem na novela “Velho Chico”, da Globo em 2016

- Continue depois da Publicidade -

Você lembra do bordão “ah, para ô!”, bem como do “você pensa que é bonito ser feio?” Pois eles foram criados por Ivanildo Gomes Nogueira, para seu personagem, Batoré. O ator faleceu nessa tarde de segunda-feira, 10, em uma UPA, de São Paulo.

“A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), lamenta informar que o paciente Ivanildo Gomes Nogueira, o Batoré, faleceu nesta segunda-feira (10) na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Pirituba [zona norte de SP].

Os devidos esclarecimentos médicos foram repassados à família”– informou a administração do local através de uma nota publicada no site Notícias da TV.

Batoré estava com 61 anos e vinha lutando contra um câncer. O empresário do ator, também falou que o ator vinha enfrentando um “quadro depressivo” nos últimos tempos.

“Trabalho com ele desde 1992, não estou acreditando. Acabei de pegar minha esposa e estou indo para a casa dele. Tudo o que estou sabendo é através da imprensa. O que sei é que ele estava em um estado depressivo” – disse Admir Uduvic da Silva, o Juca, empresário do artista.

Ademais, Juca ainda deu mais detalhes sobre os últimos momentos de Batoré.

“As informações que tenho é que, até meio-dia de hoje, ele estava bem.

Ele foi ontem à noite para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Pirituba porque estava com as pernas inchadas.

Conversei com o filho e a ex-esposa dele e eles me contaram que ele estava conversando, brincando, e, às 15h, teve uma parada cardíaca”– disso Uduvic à revista Quem.

Vem saber mais sobre a carreira do artista

 

 

Batoré e a “Praça é Nossa”

 

Batoré, A Praça é Nossa, SBT
Batoré apareceu na Praça é Nossa, pela primeira vez em 1993. Fonte: Instagram

 

Na década de 90, Ivanildo Gomes apareceu em apresentações em programas de calouros, inclusive no SBT. Na sequência, o ator conseguiu uma oportunidade em fazer figuração na “Praça é Nossa”, como o garçom do bar que servia como cenário.

Até que um dia, Ivanildo conseguiu mostrar seu personagem Batoré à Carlos Alberto de Nóbrega, e logo foi contratado pelo apresentador. Em 2020, durante uma entrevista ao “Domingo Espetacular”, da Record TV, Ivanildo explicou a origem do nome de seu principal personagem.

“Era viciado em ler gibis. Então, peguei o ‘Ba’ de Batman, ‘To’ do Thor e ‘Ré’ de ‘rédiculo’, aí ficou Batoré. Depois de três anos e meio, quando o personagem estava estourado, aí fui me lembrar que batoré é a forma como chamamos é a forma como chamamos os baixinhos no Nordeste”.

Em 2003, durante uma reformulação da “Praça é Nossa”, Batoré acabou dispensado do SBT. Como resultado, ele e Carlos Alberto de Nóbrega ficaram mais de 15 anos sem se falarem.

 

 

Você também pode gostar!

- Continue depois da Publicidade -

Vida política e outros trabalhos

 

Batoré, A Praça é Nossa, SBT
Além de “A Praça é Nossa”, Batoré também trabalhou na Globo e foi vereador em Mauá. Fonte: Instagram

 

Em 2008, Batoré se candidatou como vereador da cidade de Mauá, na Grande São Paulo. Dessa forma, o artista alcançou a marca do terceiro vereador mais votado da eleição. Em 2012, se candidatou novamente e foi reeleito.

Contudo, após a reeleição, Batoré trocou o partido PP pelo PRB. Dessa maneira, a Justiça Eleitoral considerou a manobra uma “infidelidade partidária” e afastou Batoré de suas funções de vereador.

Em 2016, Batoré foi convidado pelo diretor Luiz Fernando Carvalho para integrar a novela “Velho Chico”, na Globo. Na novela de Benedito Ruy Barbosa, o ator deu vida ao, Delegado Queiróz.

De maneira idêntica, em 2019, o ator pode ser visto novamente em uma produção da Globo, “Cine Holliúdy”. No mesmo ano, Batoré fez as pazes com Carlos Alberto de Nóbrega e retornou para algumas participações no “A Praça é Nossa”.

 

 

Homenagem do SBT

 

Batoré, A Praça é Nossa, SBT
O SBT fez uma homenagem ao Batoré, através de uma carta aberta. Fonte: Instagram

 

O último trabalho de Batoré na TV, foi em uma participação na série, “Os Exterminadores do Além”, ao lado de Danilo Gentili, no SBT em 2021.

O SBT emitiu uma carta aberta em homenagem ao humorista que trabalhou no canal por tantos anos.

” (…) Em 1993, mostrou para Carlos Alberto de Nóbrega um personagem criado por ele, o Batoré, um singelo e pacato sertanejo que contava causos de sua vida em São Paulo, com sua peculiar camisa florida, o tênis azul e cabelos bem penteado. O bordão ‘ah para, ô’ exaltava o momento mais divertido de suas histórias.

Como resultado, o sucesso veio a partir das primeiras aparições, e quase 30 anos depois, continuava em alta fazendo shows e participações em todo o país. O personagem também gravou um disco com a música-tema, Você Pensa que É Bonito Ser Feio?.

Assim sendo, como ator, Ivan também esteve na primeira temporada de Cine Holliúdy e na novela Velho Chico, ambas da TV Globo, fez humorísticos na Record e participou da série Os Exterminadores do Além, ao lado de Danilo Gentili, veiculado pelo pelo SBT em 2021, tendo sido este seu último trabalho na TV.

Por fim, o SBT se solidariza com a família de Ivan, que deixa os filhos Ivann e Alexandra, com todo o público que sempre aplaudiu Batoré, e com seus colegas e amigos de A Praça É Nossa, e pede a Deus que os conforte neste momento difícil “ – disse o SBT em carta.

 

 

Veja uma das primeiras aparições de Batoré, no SBT, ao lado de Silvio Santos:

 

- Continue depois da Publicidade -

você pode gostar também

“Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência. Ao utilizar nossos serviços, você concorda.” Tudo bem Mais detalhes